Sem lágrimas porque Ariana Grande quer nos fazer dançar com "No Tears Left To Cry"

Venha com ela quem quiser (e nós vamos!)

Ariana Grande está oficialmente de volta e sem lágrima nenhuma pra chorar. Lançado nesta sexta-feira (20), seu novo single, "No Tears Left To Cry", até começa de uma forma mais simples e emotiva, mas não tarda a explodir e mostrar que seu objetivo mesmo é nos fazer dançar. 

Produzida por Max Martin, a canção se inicia de forma melódica e melancólica, dando espaço para ela explorar seus vocais, mas, depois, literalmente solta a batida. Nesse momento inicial, Ariana nos remete à sucessos dos anos 90, como "I'm Every Woman", onde Whitney Houston usa o mesmo recurso. Quando ficar mais agitada, porém, a música nos leva imediatamente para os tempos atuais, apesar de referenciar bastante algumas batidas dessa própria década. 

Pra quem achava que Ariana poderia referenciar o trágico atentado de Manchester, "No Tears" pode sim ser encarada como uma menção, mas não como um lamurio. A cantora está se reinventando e está pronta pra deixar todas as mágoas para trás. Venha com ela quem quiser (e nós vamos!). 



Se a estrutura da música nos lembrou os anos 90, o clipe apaga completamente essa referência. Na produção, dirigida por Dave Meyers, nome por trás de "Humble.", do Kendrick Lamar, Ariana explora o conceito invertido que tem usado na divulgação da música e vive a "nova mentalidade" que ela cita na faixa. Estamos em uma nova dimensão, um futuro que nos lembra de "Interestellar" e "A Origem" a "Doutor Estranho". Icônico, para dizer o mínimo. 



É assim que se faz um comeback.

Sem lágrimas porque Ariana Grande quer nos fazer dançar com "No Tears Left To Cry" Sem lágrimas porque Ariana Grande quer nos fazer dançar com "No Tears Left To Cry" Reviewed by Nathalia Accioly on 4/20/2018 01:34:00 AM Rating: 5

0 COMENTÁRIOS

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.