O remake em live-action de "Rei Leão" é real e já tem seu diretor


Os remakes em live-action de grandes clássicos dos contos de fada já estavam inflados no mercado quando a Disney resolveu, finalmente, criar algo para chamar de seu. Foi em 2014 que vimos Angelina Jolie com um de seus melhores papéis, interpretando a personagem-título Malévola. O filme fez um certo barulho nas bilheterias, garantindo que outros projetos em live-action ganhassem vida. Uma pena que o sucesso não se propagou também em "Cinderela", talvez por apoiar-se demais na animação original.

Mesmo com um pequeno retrocesso, a Disney continuou firme com seus futuros filmes. Para salvar o que, na verdade, nem precisava tanto de uma salvação — tinha sido só um deslize — ganhamos o maravilhoso "Mogli" neste ano. O longa-metragem apostou no CGI com um elenco foda para as vozes dos animais e num garotinho que ninguém tinha ouvido falar. O filme foi um sucesso em todos os sentidos. Arrecadou por volta de US$ 965 milhões mundialmente e a crítica especializada só foi elogios. Para nós, é um dos melhores filmes de 2016, diga-se de passagem.

Com o sucesso do filme, muito se especulou sobre qual seria a nova animação a ganhar vida. Passamos por boa parte das princesas do estúdio e, de fato, alguma delas deve ganhar alguma coisa em breve, mas o grande burburinho ficava por "Rei Leão". A questão ficava por conta de até que ponto os atores reais seriam utilizados no filme, porque, sinceramente, colocar alguns personagens aleatórios na trama só para justificar a ideia de um live-action não rola.

De qualquer modo, hoje foi confirmando que o remake com atores reais vai acontecer, sim. Quem anunciou a novidade foi Jon Favreau, diretor de "Mogli" e "Homem de Ferro", através de sua conta no Twitter, que fica responsável pela direção do novo projeto. Por enquanto, não temos informações quanto à data de estreia, mas o longa deve chegar aos cinemas antes de 2020. Animados?
Tecnologia do Blogger.