Sam Smith quer dar uma pausa pra viver seus 23 anos, mas o que isso pode significar em sua carreira?


Nas últimas semanas, os fãs do Sam Smith não puderam reclamar. O cantor fez um show lindo e emocionante no Rock in Rio; lançou a música “Writing’s on the Wall” para a trilha do novo filme do 007 e agendou o relançamento do seu CD para o dia 6 de novembro. Mas parece que chegou a hora de começar a sentir saudades desse lindo. Como já imaginávamos.

Depois de realizar um show em Los Angeles no último sábado, 24, o cantor revelou ao ET que pretende fazer uma pausa na carreira: Eu estive trabalhando por três anos sem parar e parece bom para mim apenas ir para casa e viver minha vida como um cara normal de 23 anos. Minha vida amorosa, os altos e baixos, nunca param e um sempre me inspiro em coisas assim, mas seria bom para passar algum tempo namorando.”

A gente já sabe que vai morrer de saudades durante esse período, mas, de certa forma, estamos felizes com a notícia. Nosso medo era de que o cantor, ou os executivos de sua gravadora, optassem por agendar o lançamento de um novo trabalho de inéditas para os próximos meses. Isso poderia desgastar a imagem do cantor e prejudicar sua carreira que, apesar de muito bem sucedida, ainda está em construção e precisa de certos cuidados.

Tudo bem que a Rihanna já usou uma estratégia bem diferente dessa, ao lançar um disco por ano, e obteve ótimos resultados. Mas a gente ainda acredita que pro Sam Smith, uma pequena pausa seja a melhor opção, afinal, até o popstar entendeu que um tempo faria bem para a sua imagem e para a sua carreira (que já está matando a gente, aliás).  

Todos nós temos os nossos ídolos e sabemos como é difícil esperar por essas pausas anunciadas, mas também temos a certeza de que isso fará muito bem para inglês. Se serve de conforto, lembrem da Adele. Foram 4 anos sem lançar um novo CD, mas seu retorno já está sendo triunfal. Mesmo com apenas 23 anos, Sam parece mostrar maturidade na condução da sua carreira e talvez o próximo passo, antes de curtir suas merecidas férias, seja a indicação (e quem sabe o prêmio) no Oscar pela canção “Writing’s on the Wall” - e seu nome voltará aos holofotes. Na verdade, o cantor só precisa encontrar o equilíbrio para que esse tempo torne-se o seu maior aliado.

Por isso, desejamos que essa pausa traga experiências suficientes para o cantor compor músicas lindas para o seu próximo disco.

Aproveita, Sam, mas só promete não demorar tanto pra voltar, por favor.  
Tecnologia do Blogger.