TOP 5: Selecionamos para vocês as melhores produções de Ryan Tedder!

Quando falamos de Ryan Tedder, logo lembramos do OneRepublic, certo? Mas não é só isso. O vocalista da banda é responsável por diversos ...

Quando falamos de Ryan Tedder, logo lembramos do OneRepublic, certo? Mas não é só isso. O vocalista da banda é responsável por diversos hits que conhecemos. Tedder já trabalhou com nomes como Beyoncé, Kelly Clarkson, Adele, Jennifer Hudson, Hilary Duff, Demi Lovato, Colbie Caillat, Leona Lewis, Adam Lambert, Natasha Bedingfield, Jennifer Lopez, entre outros. Sentiu o peso de fazer um TOP 5 com as produções do cara? Portanto, imploro de joelhos que não se cortem ou façam cara de absorvente sujo se as músicas que vocês amam não entrarem na lista, até porque não é apenas o gosto pessoal de quem vos escreve que conta na hora de escolher as canções.

Vamos agora conhecer a vida do Ryan, assim todos saberemos o que ele passou. O cantor e produtor nasceu em Tulsa, Oklahoma, e vem de uma família religiosa, de missionários e pastores. A música sempre esteve presente na educação do rapaz, que teve incentivo principalmente do pai, que também era músico. Tedder começou a aprender piano quando ainda era criança, e para que o produtor aceitasse as aulas, o pai lhe dava candy corn, uma jujuba que parece um grão de milho, doce típico das festas de Dia das Bruxas. E os truques renderam bons resultados, pois com apenas sete anos, o garoto já demonstrava que seu talento ia além das aulas com instrumentos: Ryan começou a cantar. Com o tempo foi aprimorando seu talento como cantor, interpretando músicas de seus artistas preferidos, como Beatles, Sting e Stevie Wonder.

Ryan foi trabalhador, minha gente. Para correr atrás do sonho de seguir carreira na música, o cantor trabalhou como garçom, assistente de loja na Pottery Barn (Friends <3), até conseguiu um estágio na DreamWorks. Com seus vinte e poucos anos, o produtor participou de uma competição da MTV e foi escolhido por Lance Bass, ex-Nsync, como um dos finalistas da disputa, o que levou Ryan a apresentar seu material inédito na frente de milhões de espectadores e sair como o grande vencedor. O prêmio era um contrato com uma gravadora hoje já extinta, no entanto, isso nunca aconteceu.

Um ano depois de vencer a competição da MTV, Tedder chamou a atenção de Timbaland, e foi quando toda a magia aconteceu. O cantor começou colaborar com o produtor a fim de desenvolver seu talento como artista e produtor, e logo, com contrato assinado, já estava preparando seu primeiro álbum como vocalista da banda OneRepublic. Lembrando que "Apologize", do primeiro álbum da banda, é uma das músicas mais executadas nas rádios de todos os tempos, e foi escrita pelo próprio Ryan.

Quem acha que Deus escreve certo por linhas tortas? Ryan fez jus ao que aprendeu na infância e hoje é um baita nome no mercado fonográfico, e até um pouco polêmico, afinal, quem não lembra do bafafá com a música "Halo" da Beyoncé e "Already Gone" da Kelly Clarkson? Teria Ryan feito duas versões de uma mesma música? Ao meu ver, elas nem são tão parecidas, mas a história rendeu muito na mídia quando "Already Gone" foi lançada. Impossível negar o talento do rapaz. Sem mais delongas, confira as cinco melhores produções de Ryan Tedder!

5) Jordin Sparks - Battlefield

"Battlefield" foi inicialmente escrita para a cantora Christina Aguilera, porém, depois de descartada, foi considerada como um dueto de Rihanna e Chris Brown, mas a notícia de que Brown espancou a namorada Riri fez com que a canção chegasse até Sparks. E foi por meio desta emocionante história que a canção ganhou vida rsrs. Jordin capricha nos vocais e sabe interpretar a produção de Tedder perfeitamente. A melodia começa suave e então cresce em tom impressionante, deixando um certo ar de angústia para quem ouve a canção, seja pela letra ou pelo ápice das batidas viciantes. A música também fez bonito nos charts e alcançou o top 10 na Hot 100 da Billboard.



4) Adele - Rumour Has It

Esta deliciosa mistura de blues, jazz e pop merece ter destaque entre as produções de Ryan. A composição é dolorosa, irônica e pedante ao mesmo tempo, e parece que a melodia concorda com cada verso entoado por Adele. Uma canção apaixonada com um toque clássico, sensual e até surpreendente, por ter uma sonoridade ousada, o que  fez Tedder sair de sua zona de conforto. "Rumour Has It", que também fez sucesso na versão cantada pelo elenco de Glee, atingiu o top 20 da principal parada da Billboard.



3) B.o.B - So Good

Esta canção é sensacional a começar pela letra e todo o divertido hibridismo cultural que vemos na composição. "So Good" é um hip hop alternativo cheio de batidas viciantes mergulhadas no pop. É deliciosa, cheia de referências e fez bonito nos charts americanos e do Reino Unido. É uma produção despretensiosa que deve ser levada a sério, porque consegue atingir o público pela leveza e deliciosa melodia acompanhada de versos bem elaborados e divertidos no ponto certo, tendo a capacidade de agradar fãs de pop, R&B e alcançar os admiradores do hip-hop também.



2) Beyoncé - Halo

Esta é, sem dúvidas, uma das melhores baladas já gravadas por Beyoncé. Em "Halo", sua voz ecoa com tamanha intensidade que é impossível não sentir a emoção no mais amplo sentido da canção. Versos bem feitos, batidas elaboradas para não soarem como uma canção de amor clichê. É uma poderosa canção que mistura instrumentos clássicos com sintetizadores em tom de harmonia. Mesmo sendo comparada com "Bleeding Love" de Leona Lewis, a canção de Beyoncé foi aclamada pelo público e pela crítica e conseguiu alcançar a quinta posição na Billboard Hot 100, além de ter sido indicada na categoria "Gravação do Ano" e vencido como "Melhor Vocal Pop Feminino" no Grammy 2010.



1) Leona Lewis - Bleeding Love

E não seria de outra canção o topo deste TOP 5. Para termos uma noção, "Bleeding Love" foi o single mais vendido do ano de 2008 e alcançou o tão sonhado #1 em trinta e quatro países. Tá bom? A canção, que foi o primeiro single do álbum "Spirit", é o maior sucesso da carreira de Leona Lewis. Algumas críticas apontavam que a música soava datada, mas pela recepção que teve, fica óbvio que Ryan soube aproveitar em cada batida a potência da voz de Leona, e foi com brilhantismo que "Bleeding Love" tornou-se uma canção atemporal, que fala abertamente sobre as dores de um amor cego. O single foi indicado ao Grammy nas categorias "Gravação do Ano" e "Melhor Vocal Pop Feminino"



Bônus:
Esta delícia, que dispensa comentários, dá um play:



Pessoal, semana que vem é o nosso último especial TOP 5 com produtores. Quem vocês querem para fechar em grande estilo? Alex da Kid? Dr. Luke? Polow da Don? Ou o nome do momento, Mike Will Made It? Podem dar outras opções também logo abaixo nos comentários!