"Perdi Meu Amor Na Balada": ação viral da Nokia pode render multa de R$ 6 milhões!

Quanto vale uma ideia genial?! Recentemente, a Nokia promoveu uma fantástica ação pela internet, com a história de um rapaz, identificado co...
Quanto vale uma ideia genial?! Recentemente, a Nokia promoveu uma fantástica ação pela internet, com a história de um rapaz, identificado como Daniel, que teria se apaixonado por uma garota que ele conheceu na balada, garota qual ele não sabia o sobrenome e nem o número de telefone. Na histórinha, Daniel estava tão apaixonado que resolveu viralizar o perfil da garota, identificada por Fernanda, até encontrar sua amada e, para isso, criou uma página no Facebook e chegou a divulgar alguns videos, inclusive de um encontro com uma falsa Fernanda. Como um bom viral, "Perdi Meu Amor Na Balada" bombou no Facebook e dividiu opiniões, uma vez que muitos estavam comovidos pela história de Daniel e outros já imaginavam que existisse algo por trás disso e, como se era esperado, existia algo por trás disso. O viral foi a forma que a Nokia encontrou para apresentar o celular Pure View 808, aparelho que trouxe um final feliz para a história de Daniel, mas acabou rendendo algumas críticas para a empresa.

Duvidando do caráter da ação, o órgão de defesa do consumidor (Procon) e o Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) abriram uma investigação sobre o caso, podendo multar a Nokia em até R$6 milhões. O problema da ação? Acontece que de acordo com as regras impostas pelo Procon, toda ação publicitária deve ser claramente identificada como tal e não cumprir com isso, como a Nokia fez nesta ação, seria anti-ético. Mais desnecessário que isso impossível, não é mesmo?! Tá certo que o Procon deve aplicar suas regras a todos os casos, por menores que sejam, mas a campanha foi super bem feita e logo de início, era bem claro que não se tratava de uma história de amor verdadeira (ao menos para mim). Enquanto uma resposta final não é dada quanto ao caso, podemos conferir o video final da campanha, revelando os verdadeiros propósitos de Daniel: