"TOC", com Tata Werneck, pode ser a comédia brasileira que tanto precisamos

Comédia nacional: quem vê essa bosta?


A grande especialidade do cinema nacional sempre foi a comédia. Entretanto, poucas se salvam e a sensação de estarmos diante sempre do mesmo filme prevalece em grande parte das produções. Não podemos ir tanto contra a maré e dizer que o país não trouxe algo que ao menos arrancasse umas boas risadas nos últimos anos — "Minha Mãe É Uma Peça" é um ótimo exemplo —, mas mesmo que inflados no gênero, nós nunca precisamos de algo realmente bom como precisamos ultimamente.

"TOC", com Tata Werneck e Ingrid Guimarães, pode ser esta comédia tão desejada. Pelo menos é o que sua prévia promete. Recheado de cenas cortadas, o vídeo traz um pouco de deboche dentro dos bastidores da sétima arte, fazendo até piadinhas com o gênero que sustenta o longa-metragem. Dá só uma olhadinha aí!



— Você é atriz de cinema?
— Sou.
(...)
— Que que cê fez?
— Comédia.
— Achei que você tinha feito cinema (...). Comédia nacional: quem vê essa bosta?


"TOC" acompanha Kika (Tata Werneck), uma atriz e comediante com Transtorno Obsessivo Compulsivo, e sua relação com sua rival, interpretada por Ingrid Guimarães. O filme chega aos cinema logo mais em novembro!