O novo single da Fergie, “Life Goes On”, é quase uma continuação de “Big Girls Don’t Cry”

Ser a Fergie deve ser o máximo. Com exceção do will.i.am te ligando toda semana, pra saber se podemos marcar aquela reunião com o Black Eyed Peas que ele está tentando fazer há alguns anos, ninguém realmente te enche o saco para lançar músicas novas e, quando decide fazer isso, você pode levar a carreira do jeito que achar melhor e, com isso, investir naquilo que te der vontade.

Quer lançar um hinão pra ralar a raba no chão, com clipe cheio de estrelas da moda, Kim Kardashian e tudo mais? Pode vir! Quer soltar um hinozinho meio acústico, meio tropical, pra acalmar os ânimos até terminar esse tal de “Double Dutchess”? Vem, que a gente abraça do mesmo jeito.

O novo single da Fergie se chama “Life Goes On” e, na contrapartida do que foi o lead “M.I.L.F. $”, é bem menos urgente, se assemelhando ao que ela fez em “Big Girls Don’t Cry”, mas numa pegada de celebração na praia, exatamente como ela pretende fazer no seu videoclipe.


Desde as primeiras audições, a música nos lembrou bastante dos bons tempos do Black Eyed Peas, antes de se transformarem com toda aquela parafernália eletrônica, e também soa bem fiel ao que Fergie já havia nos apresentado em seus trabalhos solos, dando uma reviravolta ao que as amostras do novo disco sugeriam, pelo primeiro single e músicas como “Hungry” e “You Already Know”, tendo sido essa última apenas apresentada ao vivo.

Não vamos ficar surpresos se, daqui algum tempo, ela fingir que “M.I.L.F. $” nunca existiu e agir como se fosse esse o primeiro single do disco, e, apesar de gostarmos muito da primeira proposta, estamos bastante satisfeitos com o novo resultado.

Vida que segue:

Tecnologia do Blogger.