A brasileira Milkee e o rap alternativo de seu single de estreia, “Sinto”

Do sertanejo ao funk, as mulheres estão tomando conta da música nacional e, com o rap, não poderia ser diferente. Um dos maiores exemplos, prestes a lançar um novo disco, é a Karol Conka, que emplacou neste ano hits como “Tombei” e “É O Poder”, além de recentemente ter lançado também “Maracutaia”, e ganhamos agora mais um nome para ficarmos de olho: Milkee.

Do cenário independente paulista, Milkee é, na realidade, o nome artístico de Aline Leite, uma rapper e cantora que se lançou pela internet, com um single chamado “Sinto”, e meses após essa estreia, retorna com o videoclipe que tem tudo para te fazer ficar e ver o que mais ela tem para mostrar.

Apesar de se encontrar no rap, a primeira audição de “Sinto”, nos fez lembrar de nomes como Banks, Lorde e a novata Kiiara, todas cantoras de pop alternativo, com aquele pé no trip-hop, uma sonoridade ainda pouco explorada por artistas nacionais. 

A produção de “Sinto” é assinada por Pedro Dash, mesmo de “Cobertor”, da Anitta, além de nomes como Projota e Guimê, enquanto o videoclipe ficou nas mãos de Rafael Kent, que trabalhou com Tiago Iorc em “Bang” e “Amei Te Ver”, além de ANAVITÓRIA, Sandy, NX Zero, Emicida, entre outros nomes.

No clipe, a estrutura minimalista da música é contrastada com os excessos das ruas noturnas, seja por becos escuros ou iluminações de neon, emprestadas das lojas ao redor. Olha só:


Além de “Sinto”, Milkee já possui outras duas faixas pela internet: uma própria, chamada “Volta Pra Casa”, e a colaboração com a dupla de música eletrônica Seakret, “Boing!”. Ambas você pode ouvir abaixo:




Numa entrevista ao site Noize, a brasileira afirma que, muito em breve, deve lançar outras canções, também produzidas por Dash, e que tem planos para um álbum completo, mas sem qualquer previsão quanto a isso.

Já está no nosso radar.
Tecnologia do Blogger.