Reese Witherspoon quer que "Legalmente Loira 3" aconteça, mas o filme é realmente necessário?


Reese Witherspoon sofre da síndrome de um personagem só. É uma boa atriz, porém é marcada por um único personagem e, mesmo que tente, não consegue desprender a sua imagem de Elle Woods de "Legalmente Loira". Claro, o caso de Reese não é tão grave como de outros atores, a moça até é lembrada por outros papéis e tem até prêmios importantes para eles. MAS, faz um bom tempo que a atriz de "Água Para Elefantes" não alavanca algo em sua carreira como a protagonista. Nem o filme preciso-de-outro-Oscar "Wild" vingou como ela queria. Então, que tal resgatar Elle Woods?

Recentemente, Witherspoon foi ao programa americano Fashionably Late with Rachel Zoe e contou estar interessada em voltar ao papel, devido ao momento atual da política e, pelo que disse, o terceiro filme quase aconteceu antes, porque oportunidades não faltaram.


"Acho que estamos prontos para ver Elle e o que ela anda fazendo ultimamente. Vários roteiristas vieram ao longo dos anos com diferentes ideias. Eu realmente acho meio incrível isso agora, porque estamos falando sobre a participação feminina na política e como é importante ter mais mulheres. Acho que seria algo legal tê-la na Suprema Corte ou em uma corrida para a presidência"

Okay, a atriz defende a ideia de que o filme deveria voltar porque as mulheres estão cada vez mais presentes na política, e até sugere que sua personagem possa concorrer à presidência na trama. Tudo soa ótimo a primeiro momento, e nós quase fomos atrás de nossos contatos para a sequência acontecer, mas pensando bem, é realmente necessário? Hollywood vive hoje em um período de crise criativa, com remakes e ressuscitação de diversas franquias, e "Legalmente Loira 3" apenas alimentaria tal crise. Não somos contra o longa-metragem, mas também não somos a favor.

E já avisamos, com a atriz mostrando-se publicamente interessada em vestir o terninho rosa novamente e esse desejo hollywoodiano de recriar cada vez mais, roteiristas, produtores e empresários já devem estar tentando fazer tal ideia crescer na cabeça da MGM. Pode demorar para que a continuação se torne pelo menos um projeto, longe de se tornar real, entretanto, não se surpreenda caso "Legalmente Loira 3" chegue aos cinemas daqui dois ou três anos. Porque, diferente do barro, esse filme deve acontecer.
Tecnologia do Blogger.