Como transformar "Pokémon" em uma franquia de sucesso em Hollywood


Trazer "Pokémon" para Hollywood nunca foi um desejo gritante das produtoras e estúdios de lá, e a Pokémon Company parecia dar uma foda para essa ideia. Porém no início de 2016, começou uma corrida pelos diretos dos monstros de bolso, com a Legendary Pictures levando a melhor, anunciando, inclusive, um primeiro filme em live-action da franquia.

Muito se especulou sobre qual seria o arco do anime escolhido ou se os jogos teriam alguma influencia na adaptação, e levamos um belo tiro no pé ao descobrir que "Great Detective Pikachu" é quem vai dar gás a todo o filme. Para quem não sabe, o jogo gira em torno de Tim Goodman, um garoto que entende o que seu Pikachu fala, e juntos resolvem diversos mistérios.



Apesar da terrível escolha, "Detetive Pikachu" deve chegar como uma espécie de teste de público. Testar sua recepção, seja nas massas ou na crítica especializada e fãs em geral, além da bilheteria. Tudo para podermos ir além e transformar "Pokémon" em uma franquia hollywoodiana, toda despirocada, com muito fanservice. Claro, estamos pensando na melhor das hipóteses, porque pode acontecer da Legendary não querer transformar os monstrinhos numa franquia grandiosa — não que ela já não seja.

Visando a possibilidade disso acontecer ou até mesmo dos planos de "Detetive Pikachu" irem por água abaixo, olhando todo o potencial que o anime, jogos e filmes animados têm para funcionar em Hollywood e apoiando-se em um belo orçamento, pensamos em um jeito de transformar "Pokémon" em uma grande franquia de sucesso nos cinemas ocidentais, unindo um arco do anime e um dos filmes já lançados.

"Pokémon: Liga Indigo"
INDIGO, BITCHES!

É a Liga mais conhecida, seja pelos amantes dos pokémon ou por quem só conheça o Pikachu. Não estamos falando que geral conhece as duas temporadas iniciais e sabe que o Ash só perdeu o torneio porque seu Charizard simplesmente não. quis. lutar. É uma questão visual, sabe?

Peguemos todas as sete gerações de pokémon: qual é mais a conhecida? A primeira! É clássica, sem contar que a primeira é a geração mais bem resolvida visualmente, sem nenhum monstrinho que careceu de criatividade em seu processo de criação. Nada de meros rabiscos, mores.

Misty e Brock são outro motivo para o arco Indigo ser escolhido. Durante todas estas 16 temporadas, o Ash conheceu diversos companheiros de viagem. Além desses dois, nós tivemos a May (♥) e o Max, os recentes Serena, Bonnie e Clemont, além daquele que é sempre esquecido no churrasco, Tracey. De todos, quem permaneceu por mais tempo foram a Misty e Brock e claro, acabaram se tornando os mais conhecidos.

Não podemos também esquecer da Equipe Rocket! É neste arco que nós conhecemos Jessie e James, com a quase banal motivação de querer capturar o Pikachu. Além do mais, a dupla ao lado do Meowth daria um belo de um alivio cômico que toda e qualquer boa franquia precisa.

Pokémon O Filme: Mewtwo Contra-Ataca

A LIGA E MEWTWO

Para poder participar de uma liga pokémon, o treinador deve conter uma certa quantidade de insignias que só são ganhadas após a derrota dos líderes de ginásio. Para a Indigo, são oito insignias, logo, oito ginásios. Os primeiros filmes da hexalogia (sim, queremos seis longas) iriam trabalhar nos ginásios, com cerca de dois em cada, enquanto o quinto seria todo dedicado a liga.

Esqueça as histórias paralelas que Ash passou no anime até chegar ao torneio, e nem se preocupe com os pokémon alheios que passaram em sua vida. Para conter trama, evitando aquela coisa corrida que muitas vezes dá bem errado, encontraríamos um Ash pré-estabelecido, capturando apenas os monstrinhos que participam do torneio no anime — talvez ele já até comece a trama com metade deles capturados.

Como o último filme tem que ser em proporções épicas, e já que Hollywood adora uma ameça mundial ou coisa do tipo, escolhemos "Pokémon O Filme: Mewtwo Contra-Ataca" para finalizar isso. Imaginem o quão maravilhoso seria ver Mewtwo demonstrando toda sua raiva contra os humanos e a batalha entre os pokémon dos treinadores e seus clones. Seria nosso sonho?

X X X X X

Nós sabemos que a Legendary deve insistir na ideia do "Detetive Pikachu", e caso desista, não deve seguir um plano tão grandioso como queremos — algo mais contido e barato é mais seguro. Porém foi ótimo ser Alice com vocês! O que acharam de toda a ideia? No mais, se tem algo pra acrescentar ou outra ideia pra dar, o campo dos comentários está aí pra isso, treinadores. Beijos de luz.

Tecnologia do Blogger.