Compositora britânica processa Disclosure e AlunaGeorge por plágio, acusando ex-namorado de roubar e vender suas letras

Duas das principais revelações do ano passado, Disclosure e AlunaGeorge, precisarão enfrentar um processo de plágio vindo de uma compositora chamada Katie Farrah Sopher, que afirma ter versos escritos por ela presentes em músicas como “Latch”, “White Noise” e “You & Me”, do Disclo, além de “Attracting Files”, do AlunaGeorge.

Explicando sua teoria, Sopher conta em seu processo que todos os versos foram registrados em seu songbook pessoal, mas este foi roubado por seu ex-namorado, Sean Sawyers, em 2009, e ele teria o vendido para seus contatos dentro da indústria.

Entre suas declarações, a mulher ainda conta que Sean era muito agressivo e que seu livro de músicas foi inspirado nessa conturbada relação.

Até o momento, as duplas britânicas ou suas respectivas assessorias não se manifestaram sobre o ocorrido, em tempo que o ex-namorado da compositora, Sawyers, negou toda sua teoria. O processo pede por uma indenização no valor de 200 libras, o que chega a aproximadamente 800 mil reais (alguém nos corrija se estivermos errados, somos todos de humanas).

Atualmente, o duo Disclosure já trabalha em seu novo disco, sucessor do aclamado “Settle”, em tempo que o AlunaGeorge está no Brasil (!) cumprindo com uma agenda de shows à convite do MECA Festival, que começou no Rio Grande do Sul neste fim de semana e termina sábado que vem (24) em São Paulo.
Tecnologia do Blogger.