Mostrando postagens com marcador saturday night live. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador saturday night live. Mostrar todas as postagens
No último sábado (15), Harry Styles se apresentou pela primeira vez como um artista solo no Saturday Night Live e, como é de costume, cantou não apenas uma, mas duas vezes durante o programa. Além de apresentar seu lead-single "Sign Of The Times", o ex/atual One Direction também mostrou pela primeira vez ao público a toda folk "Ever Since New York".

A apresentação de "Sign Of The Times" foi marcada pelo nervosismo aparente do cantor, o que é totalmente compreensível. Mesmo com algumas falhas vocais, principalmente nas notas mais altas, precisamos destacar a presença de palco dele, que segurou muito bem esses quase seis minutos de performance apesar de tudo. 



Já a inédita "Ever Since New York" é bem mais curtinha do que sua atual música de trabalho, tendo menos de três minutos, mas tão gostosa de se ouvir quanto. Nos lembrou de imediato aquele Coldplay do começo de carreira e suas baladinhas como "Yellow" e "The Scientist". Muito foi dito sobre a possibilidade dessa canção ser dedicada a Taylor Swift, mas observando a letra, que não contém nenhum pronome feminino, parece que tudo isso não passou de especulação.


E as coisas estão indo muito bem para Styles e sua carreira solo. Recentemente, ele acabou com o reinado de treze semanas de Ed Sheeran e sua "Shape Of You" na parada britânica, ocupando agora a primeira posição que merece com "Sign Of The Times". Já nos Estados Unidos, o cantor está caminhando para estrear seu single no Top 5 da Billboard Hot 100. Ícone faz assim!

O álbum de estreia de Harry Styles será autointitulado e chega no dia 12 de maio.
No final de 2015, o One Direction anunciou uma "pausa" para que os membros trabalhassem em seus projetos solo. Se essa pausa é um "adeus" ou um "até logo", isso a gente ainda não sabe, mas o que sabemos é que desde que foi anunciada nós estávamos bastante ansiosos por uma carreira solo em particular, a de Harry Styles, e ela finalmente vai começar.

Durante esse fim de semana, um comercial anunciando o primeiro single de Harry começou a ser veiculado no Reino Unido. Em trinta segundos podemos ouvir o som de um piano, que pode ou não ser parte da canção, e uma data: 7 de abril. É AGORA!


Mesmo sem revelar muita coisa, como por exemplo, o nome da música, Styles não é bobo nem nada e já até marcou a primeira performance do single em um programa de TV. Ela vai acontecer no dia 15 de abril, no Saturday Night Live, e funcionará como um debut internacional da canção. Vale lembrar que os convidados musicais do SNL costumam apresentar duas músicas. Vai ter muito Harry, sim!

Recentemente saíram algumas informações sobre o primeiro disco do cantor, que pode sair em maio e que foi descrito como um trabalho que remete ao rock britânico dos anos 70, com sonoridade semelhante ao Queen e ao David Bowie. Para esse CD, o inglês entrou em estúdio com nomes como Max Martin, Bruno Mars, The Rolling Stones e o compositor e produtor Jeff Bhasker, que já trabalhou com os dois últimos, além de Kanye West e Lana Del Rey. 

Vem salvar o rock, Harry!
No próximo sábado, Lorde participará do "Saturday Night Live" e, como é de costume com os atrações musicais convidadas, apresentará duas músicas no programa. Além de "Green Light", carro-chefe da nova bíblia do pop, "Melodrama", a neozelandesa também cantará ao vivo pela primeira vez a melancólica "Liability", que foi liberada hoje. 

A nova canção veio bem ao estilo Regina Spektor e também nos lembrou bastante "Somewhere Only We Know", da Lily Allen, sendo uma baladinha bem triste, mas que causa aquela fossa que, no fundo, a gente ama. "Liability", assim como "Green Light", também é produzida pelo Jack Antonoff que, como deu pra perceber, trouxe muito piano para essa nova fase da Lorde. 


Bateu a bad? Bateu a bad. 

Lorde também revelou a data de lançamento do novo disco. "Melodrama" chega no dia 16 de junho para salvar a música pop e destruir as nossas vidas. Pode vir que nosso corpo está pronto!

The Weeknd mudou seu visual para a chegada do seu novo disco, “Starboy”, e no vídeo de divulgação da volta de Saturday Night Live, que contará com o cantor como sua atração musical, essa mudança é motivo de piada entre ele e a atriz Margot Robbie (a Arlequina do ‘Esquadrão Suicida’, gente!).

No breve vídeo, Margot se apresenta e conta que o programa contará com uma apresentação de The Weeknd, então o ator Kenan Thompson pergunta quem é o rapaz ao lado dela e ele se apresenta: “eu sou The Weeknd”. Os dois rapidamente duvidam, “não, você não é”. E Margot ainda explica, fazendo gestos com a mão: “não, o The Weeknd ele tem um cabelo meio assim...”.

Starboy mal chegou e já foi descoberto como um impostor. Olha só:


No programa que irá ao ar neste sábado (01), The Weeknd deve apresentar suas duas músicas novas, “Starboy” e “False Alarm”. Já estamos bem curiosos por suas versões ao vivo, principalmente dessa última.
A cantora australiana Sia fez de “1000 Forms of Fear” uma de suas melhores fases, comercialmente falando, devido ao seu nome ter se tornado enorme por conta de suas composições para nomes como Christina Aguilera, David Guetta, Rihanna e Britney Spears, e ainda assim, a cantora deixou claro desde o início que, tratando de suas próprias músicas, só faz isso pelo prazer de cantar e compor, não estando interessada no título de diva pop mainstream, ainda que ser considerada assim seja um prazer e tanto.
Falta uma semana para o lançamento de “The Pinkprint”, o terceiro álbum de inéditas da rapper Nicki Minaj, e como de costume, Onika já começou aquele processo de divulgação massiva, se apresentando neste sábado (06) no Saturday Night Live, aproveitando pra mostrar ao público que nem só de “Anaconda” se faz seu novo disco, tanto que ela nem apresentou o hit.

O disco novo da Lady Gaga, "ARTPOP", já está entre nós e até nos arrancou vários elogios nessa review, mas agora é que a cantora não pode parar e por isso ela continua a todo vapor com a divulgação do material. Nos EUA, grande parte do marketing do cd novo se dá por conta de performances na televisão e a mais recente aconteceu neste sábado (16) lá no Saturday Night Live, onde Gaga não só cantou como também apresentou o programa e protagonizou algumas de suas esquetes. Mas vamos por partes, rs.

Abrindo o programa, Lady Gaga apresentou uma versão á la "New York, New York" do Frank Sinatra de "Applause". Interagindo com o público, a nova-iorquina se disse orgulhosa por estar apresentando o programa na cidade onde cresceu e depois pediu alguns ~aplausos baratos~ para diversas coisas, incluindo sua música sobre o tema. Ficou divertidíssimo, olhem só:


Ao decorrer do programa, ela também participou de algumas esquetes, mas a que mais gerou comentários até agora foi essa aqui, em que eles promovem um disco fictício de covers ruins. Entre os artistas, rolou paródias como Britney Spears, Lana Del Rey, Adele, Lil Wayne e até Susan Boyle, mas eis que chamam a Gaga pra fazer um cover de "Express Yourself" da Madonna e, surpresa!, ela vai e canta "Born This Way". A polêmica é velha, mas adoramos vê-la zoando ela mesma. É bom não levar as coisas tão a sério. Confiram:


Numa pausa nas brincadeiras, Lady Gaga promoveu o ~álbum do milênio~ cantando seu novo single, "Do What You Want", pela primeira vez com a participação do cantor R. Kelly. Os vocais dela estão impecáveis, assim como o do cara, que a gente temia estar um pouco enferrujado, mas o que a gente não consegue parar de notar é essa coreografia toda porra-louca. Deem uma olhada:


E, por fim, ainda teve apresentação de "Gypsy", um dos poucos vestígios do "StillBorn This Way" no "ARTPOP". Pelo visto, a música deverá ser single do cd em algum momento, mas pra ser sincero a gente preferia que isso não acontecesse. Tem coisas que funcionariam melhor como singles do cd (lê-se "G.U.Y.", "Donatella" e "Swine"). Seja como for, não somos nós quem decidimos isso e a música é ótima, então não faz tão mal. Assistam:


A título de informação, o clipe para o segundo single do "ARTPOP", "Do What You Want", já teve algumas cenas gravadas e foi dirigido pelo fotógrafo Terry Richardson, também responsável por "Wrecking Ball" da Miley Cyrus. Por enquanto, a produção não tem previsão de estreia, mas é esperado que saia até o fim deste mês, antecedendo o lançamento do também prometido clipe para o segundo-single-rebaixado-à-buzz "Penis" "Venus". Ansiosos?

Na semana de lançamento de seu "Bangerz" (com review no blog ainda essa semana), marcado para essa terça-feira (08) nos EUA, Miley Cyrus, que recentemente se envolveu numa polêmica (besta, diga-se de passagem) com aquela que havia servido de inspiração para o clipe de "Wrecking Ball", a irlandesa Sinéad O'Connor, e como já demos nossas impressões aqui e aqui, não iremos nos prolongar mais no assunto, segue na boca do povo.

Para ironizar suas polêmicas e divulgar sua música, ela esteve ontem como atração principal do Saturday Night Live, onde entre esquetes sobre a polêmica no VMA, ~participação~ no filme "50 Tons de Cinza", política e afirmar mais uma vez que Hannah Montana foi ~assassinada~ e que o povo de casa não precisaria ter medo, porque não haveria twerk naquela noite, ela performou seus dois smash hits. "Wrecking Ball" ganhou uma performance enérgica, muito boa vocalmente e sem lambeção de marreta ou nudez artística. Já "We Can't Stop", ganhou uma bela e contida interpretação acústica, mostrando que quando quer, Miley não é apenas uma celebridade, mas uma ótima cantora e o quão talentosa artisticamente é. Confiram alguns desses momentos abaixo:




A cantora Rihanna já está trabalhando à todo vapor em cima de seu sétimo álbum de estúdio, "Unapologetic", e faltando apenas uma semana para o lançamento do novo disco, a cantora subiu ao palco do Saturday Night Live, apresentando o lead-single "Diamonds" e a inédita "Stay", que conta com a participação do cantor Mikky Ekko (post sobre ele aqui) em sua versão de estúdio.

Comentando primeiro sobre a performance de "Diamonds", ela foi mais ou menos o que RiRi já havia feito anteriormente, mas o grande destaque fica para o chroma-key, que roubou não só a cena mas também o corpo dos integrantes da banda. Quanto ao resto, ficou tudo muito bom e Rihanna sabe como fazer uma apresentação ao vivo, né? Assista abaixo:

"Stay", que é o dueto com Mikky Ekko, foi a grande surpresa da noite! Após alguns tweets da cantora, muitos esperavam que ela fosse revelar no palco do SNL uma canção chamada "Unapologetic", que seria uma parceria secreta de seu novo álbum, porém, tudo não passou de uma falha de comunicação e a cantora apresentou uma colaboração inédita, mas não era uma faixa-título do álbum e sua parceria não era novidade pra ninguém. RiRi também mandou super bem nos vocais e só senti a necessidade de ver Mikky cantando a sua parte da canção. Confira abaixo:


Recentemente o lead-single "Diamonds" ganhou seu videoclipe e ele é ÓTIMO, assista neste link!

Há uns dias, debateu-se nos comentários de algum post aqui no It sobre imparcialidade. Falei veemente que o blog não está aqui para ser “imparcial”, nós expressamos nossas opiniões e gostamos de deixar isso bem claro. E claro que gostamos de ouvir as opiniões de vocês, mesmo sendo o oposto da nossa (sendo civilizado e com bom senso, tá ótimo). Gravem isso. O post em questão é sobre um dos cantores que eu mais detesto no cenário pop atual: Bruno Mars. Os motivos são inúmeros, porém, para resumir, não gosto do estilo nem da pegada do cantor.

Bruno Mars liberou nessa quarta, 24, a capa do seu segundo álbum, “Unorthodox Jukebox”. Na capa dá para notar que o cantor gostou mesmo do patético clipe de The Lazy Song, e continuou com seus macacos e ignorando sua imagem (querendo ser alternativo, tsc). O álbum será lançado dia 11 de dezembro, um mês depois do furacão que será novembro, com os lançamentos do “Lotus” da Xtina, “The Re-Up” da Menage e, o mais aguardado, “Unapologetic” da Riene. Segue abaixo a capa do novo álbum.


Além disso, Mars participou do Saturday Night Live, onde fez uma travesti super alok, que levemente me lembrou a Rita Ora (essa eu adoro, viu lirou ritetes), a Melody Female Drop-Out, revelando seus desejos obscuros e verdadeiros N. Leides Gaga se sentiu copiada, N. E ainda fala “Jesus me fez perfeita” Born This Way grita, a Leides já viu esse plágio descarado? N. Assista a um trecho da participação e tire suas próprias conclusões. 



Macaquinhos do Mars, não me odeiem <3

Videos Relacionados: Léo Aquila - "Tô Na Fazenda"
Quando Usher lançou seu novo single com o álbum "Looking 4 Myself", que é a dançante "Scream", achei a faixa genérica demais e cheguei a lembrar de "Turn Up The Music", do Chris Brown, e "Beautiful Monster", do Ne-Yo, mas paguei minha língua, viciei na música e agora estou muito feliz por ter a chance de me desculpar com esse post.

O cantor, que é atração confirmada no Billboard Music Awards 2012, se apresentou no Saturday Night Live no último sábado (12) e claro, levou os dois primeiros singles de seu novo álbum com ele. A performance de "Climax", que abriu os trabalhos do álbum, deixou um pouco a desejar, mas nada que a performance de "Scream" não resolva. Bom na medida certa, pop na medida certa e afinado na medida certa. Ele ainda tem muito o que ensinar para o Justin, hein? Confira abaixo as performances do cantor:
"Scream"


"Climax"
O cantor Gotye lançou há pouquíssimo tempo o clipe para "Eyes Wide Open" e ainda colhendo os frutos de "Somebody That I Used To Know", o cantor foi a atração musical do último Saturday Night Live e claro, levou a sua companheira, Kimbra, que participa da versão em estúdio de seu grande hit.

Se já não bastasse uma performance no Saturday Night Live, parece que o universo está conspirando à favor de Gotye e a performance de "Somebody That I Used To Know", por Matt Bomer e Darren Criss em "Glee", deverá contribuir para que o cantor assuma o topo da Billboard Hot 100 na próxima semana, acabando com o reinado de Fun e sua "We Are Young". Confira abaixo a performance de Gotye (se pronuncia 'Goutiê') e Kimbra no SNL e assista neste link a performance do cantor para "Eyes Wide Open":

Ontem foi sábado, dia de Satuday Night Live (ah, vá) que teve um episódio que, na minha opinião, foi um dos melhores da temporada. Teve como anfitriã a ~goxxxtosa~ Sofía Vergara, do seriado "Modern Family" e os meninos britânicos da One Direction. E eles não fizeram feio ao performarem os hits "What Makes You Beautiful" e "One Thing". Confira abaixo:


Essa aí em cima foi a performance de estreia da cantora Lana Del Rey na TV norte-americana. Após essa apresentação no Saturday Night Live, muitos passaram a duvidar sobre o talento de Lanoca até a própria dizer que não deveriam esperar muito de seus shows, mas digamos que o que realmente atrapalhou Del Rey nesta performance no SNL foi o nervosismo.
Passado algum tempo dessa atrapalhada performance, Lana Del Rey performou mais algumas vezes a mesma faixa e obteve um melhor resultado, mas ela precisava de mais para ganhar o perdão do público e acho que essa é a hora. A cantora de "Blue Jeans", que gravou sua apresentação para o American Idol na semana passada, teve sua performance exibida nesta quinta-feira (22) e sim, é 216454864218 melhor que aquela que apresentou Lana para os EUA. Ok, acho que nesse video game, Lana já ultrapassou o primeiro nível. Confira abaixo:
Quem também deu o ar de sua graça foi Haley Reinhart, que performou seu novo single, "Free", confira a performance aqui (antes que tirem do ar)!
Já fazia um tempo que o Brasil estava de olho no formato do bem-sucedido programa humorístico americano, Saturday Night Live e enquanto a Rede Globo seguia com o Zorra Total, que eles ainda acham que faz alguém rir, a Rede TV!, que recentemente perdeu todo o elenco do Pânico na TV!, corria na frente e comprava o formato do programa, que antes mesmo de começar, já apresentou alguns momentos fails.

Aqui no Brasil, o programa que deverá ser lançado no início de abril, ficará sob o comando do comediante ~polêmico~ Rafinha Bastos e além de Rafinha, a Rede TV! anunciou a participação de 15 humoristas, seguindo a linha do formato americano, maaaaas, como estamos falando de uma produção nacional, tinha que rolar uma derrapada daquelas e rolou, aqui o Saturday Night Live, que em tradução livre seria "Noite de Sábado Ao Vivo", manterá o nome original mas será exibido nas noites de domingo.

Na verdade, todos sabemos que essa foi uma resposta da Rede TV! para aqueles que já previam sua queda após perderem a trupe de Emílio Surita e para a Band, que parece ter um futuro promissor com sua programação deste ano, mas caso o Saturday Night Live do país tropical não se saia bem, podemos nos contentar com o incrível Comédia MTV, que já tratou de renovar todo seu formato e agora, é exibido ao vivo nas noites de quinta-feira na MTV Brasil. Confira abaixo um teaser, nada revelador, do Saturday Night Live da Rede TV:
No último sábado (18) foi exibido nos EUA mais um episódio do programa humorístico, Saturday Night Live, que é 2125656153 vezes melhor que AQUILO que a Rede Globo considera engraçado e exibe todo sábado aqui no Brasil, durante uma de suas sketches, o programa contou com a participação do cantor e ator, Justin Timberlake, que fez uma curiosa interpretação de Bon Iver, que no SNL, foi visitar a filha de Jay-Z e Beyoncé. Além de Bon Iver, Blue Ivy recebeu visitas de Brad Pitt e Angelina, Nicki Minaj, LL Cool J, Taylor Swift e mais! Confira tudo abaixo:


Neste sábado, a parte musical do programa ficou por conta do duo Sleigh Bells, que a gente comentou quase agora nesse resumão de novos clipes. No palco do SNL, o duo performou o atual single, "Comeback Kid" e a faixa "End Of The Line", confira abaixo:
“Comeback Kid”:
“End of the Line”:
Depois de ser o assunto do momento com alguns covers no Youtube, incluindo um para "Look At Me Now", do Chris Brown, que acabou chegando à página de Ryan Seacrest, o duo Karmin apostou em um álbum de estreia e para mostrar que não estavam de brincadeira, estreiaram em grande estilo com "Crash Your Party", que a gente mostrou aqui.
O clipe teve uma ótima recepção do público e após contar com um empurrãozinho do VEVO, Karmin conseguiu atingir o título de artista "hype", acompanhando nossa querida Lana Del Rey, que agora segue em rumo ao mainstream. Porém, as relações entre Karmin e Lana não acabam aí, assim como Lana, Amy e Nick também querem o mainstream e para isso, garantiram uma performance no palco do programa humorístico, Saturday Night Live, que ironicamente (ou não) também já contou com uma performance de Del Rey.
A diferença entre Lana Del Rey e Karmin no SNL, é que para a dupla, a performance no programa deu super certo e o melhor de tudo, o público curtiu. Os integrantes do Karmin, que garantiram não estarem nervosos, performaram o novo single de seu debut album, a faixa "Broken Hearted" e de quebra, ainda apresentaram "I Told You So", que mostra um lado mais Nicki Minaj de Amy, que além de linda, é rapper. Falando nisso, o debut album do duo agora tem um nome: "Hello". O SNL deste sábado (11) contou com a presença de Zooey Deschanel como apresentadora e ainda exibiu um tributo para Whitney, que em breve deverá aparecer no topo do iTunes. Confira abaixo Karmin 'crashing' o Saturday Night Live:
"Brokenhearted"



"I Told You So"

Ah, ainda tem o tributo para Whitney. Assista abaixo:
Por mais que seu debut album seja recheado de muita melancolia, Lana Del Rey usa e abusa de olhares sem emoções em seus ensaios e até mesmo em suas performances, mas alguns paparazzis (chatos, diga-se de passagem) flagraram um momento bem humano da moça, que se mostrou muuuuuito carinhosa ao ver uma fã chorando por estar perto dela.

Lana foi tão humana (rimou? Cês viram?!) que ainda deu um lencinho pra fã enxugar as lágrimas e depois saiu cumprimentando todo mundo. Olha só que amor:

Falando na dona de "Born To Die", a cantora e sua performance de estreia na TV norte-americana foram motivos de piadas numa sketch do Saturday Night Live, que foi exibido no último sábado (04). No programa, a atriz Kristen Wiig interpretou um pedido de desculpas de Lanoca por sua criticada performance, assista:


Enfim, já viu que estamos sorteando um "Born To Die"? Pra participar é bem fácil, só clicar aqui e seguir as instruções!
Na última segunda-feira (30) caiu na internet o segundo single do duo Karmin (tem mais sobre eles aqui!) com seu debut album, assinado pela Epic Records e ainda sem título definido. A sucessora de "Crash Your Party" é animada "Brokenhearted", que com exceção das rimas de Amy Heidemann, me lembrou de "Kiss The Stars" da Pixie Lott.


A faixa que deverá ganhar um videoclipe em breve, foi divulgada pela dupla em seu canal oficial no Youtube e será lançada no iTunes no dia 7 de Fevereiro. Segundo a própria dupla, no dia 11 do mesmo mês, eles serão a atração musical do programa Saturday Night Live, onde performarão o novo single. Ouça "Brokenhearted":
Após uma criticada estreia na televisão norte-americana, a cantora Lana Del Rey disse que você não deve esperar muito de seus shows e que se considera uma cantora de estúdio, não muito tempo depois, Lanoca apresentou "Video Games" em uma rádio e pronto, lá estava ela provando que performar ao vivo não era um problema para ela e agora, Lana traz uma teoria, a da conspiração.
"Tudo que eu faço é criticado. Se eu saio na rua, as pessoas criticam. Eu poderia ter feito uma apresentação excelente, não faria diferença", disse a cantora de "Blue Jeans" e continuou: "As pessoas não conseguem falar nada de bom sobre meu projeto". De forma bem-humorada, Lana ainda culpou o repórter: "Aposto que você também"
A cantora completou dizendo que se saiu bem no palco do programa humorístico, as declarações foram feitas por Laninha em entrevista à Rolling Stone americana, que chegará as bancas em fevereiro. No dia 30 de Janeiro, o álbum de estreia de Del Rey, "Born To Die", foi lançado e estreiou muito bem no Reino Unido, segundo as pesquisas, Lana tem grandes chances de estreiar no topo da parada britânica de álbuns.