Mostrando postagens com marcador gorillaz. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador gorillaz. Mostrar todas as postagens
Antes do mundo se render aos streamings, os Gorillaz já eram digitais. A banda estreou nesta sexta-feira (28) seu disco de retorno, “Humanz”, e mesmo que soasse estranha para os ouvintes da indústria atual, soube dançar conforme o ritmo: antes do álbum, singles impactaram o público gradualmente, tanto para mostrarem ao que vinham, quanto pra gerarem a famigerada expectativa. Funcionou.

Esse é o quinto álbum dos britânicos, primeiro desde 2011, quando lançaram “The Fall”, e chega acompanhado por uma line-up de peso, que inclui desde os novatos Vince Staples, Danny Brown, Kelela, Pusha T e D.R.A.M. à lendária Grace Jones.   

Com 26 faixas, “Humanz” é um disco que exige uma atenção além daquela dada aos trocentos lançamentos que chegam aos nossos ouvidos toda sexta-feira. Sua estrutura, com uma introdução e seis interludes, nos ajuda nessa jornada, em que uma das missões é não deixar que absolutamente nada nos passe despercebido.

Nós estamos diante de um dos melhores discos desse ano. 

Gorillaz está de volta. Mas não foi desta vez que lançaram a nova “Feel Good Inc”. No lugar de um novo hit, entretanto, o que a banda apresenta é um profundo e pontual protesto contra a eleição de Donald Trump, que assume a presidência dos EUA na próxima sexta-feira (20), e tudo o que este passo estadunidense significa para o cenário mundial.

“Hallelujah Money” conta com vocais do cantor, compositor e multi-instrumentista britânico Benjamin Clementine, que também influenciou significativamente sua sonoridade, e critica em sua letra as relações de política, poder e ganância, com o novo presidente americano como ponto de partida para sua discussão.

Entre as muitas referências do seu videoclipe, também protagonizado por Clementine, temos símbolos de religiões africanas, Klu Klux Klan (organização racista que defendia a supremacia branca americana) e cenas extraídas de uma animação inspirada em “A Revolução dos Bichos”, de George Orwell, que satiriza as posições de poder e ignorância, numa crítica ao Stalinismo e a corrupção, ali metaforicamente ambientada numa fazenda e praticada por animais.

Assista:



Esse é o primeiro lançamento do Gorillaz em seis anos e, felizmente, abre os trabalhos da banda com seu novo disco, que deve ser lançado ainda este ano.

Em seu Twitter, a banda anunciou “Hallelujah Money” afirmando: “Tempos difíceis. Vocês precisam de alguém que os inspirem. Eu [preciso]. Aqui está um clarão de luz numa noite escura. Agora aja! Novas coisas não se escreverão sozinha”.

Pra encerrar, deixamos ainda a tradução dos versos de Damon Albern na faixa:

Como nós vamos saber se, quando a manhã chegar, continuaremos sendo humanos? Como nós vamos saber? Como nós vamos sonhar? Como nós vamos amar? Como nós vamos saber?

Bem vindos de volta, Gorillaz!

Hoje à noite acontece a entrega do Grammy Awards, o prêmio musical mais importante do cenário fonográfico norte-americano. Nesta edição Nicki Minaj e Rihanna não poderão ser ousadas em seus figurinos e Katy Perry tentará ganhar algo pela primeira vez. Aproveitando que hoje um dos temas mais comentados será o Grammy decidi listar momentos inesquecíveis que aconteceram durante a cerimônia de premiação. 

Nicki Minaj é exorcizada durante performance de 'Roman's Holiday' (2012)


Nicki Minaj chocou o povo de Deus com sua apresentação no ano passado. A cantora se inspirou no clássico filme 'O Exorcista' e colocou no palco os seus dançarinos vestidos de padres enquanto simulava uma sessão de exorcismo com direito a levitação para promover a canção 'Roman's Holiday'. Muitos chegaram a comparar Nicki Minaj com Lady Gaga após essa apresentação alegando que a morena estava copiando o estilo da Mother Monster.




Lady Gaga e sua entrada triunfal (2011)


A Mother Monster mudou completamente o seu estilo quando deu início a sua fase 'Born this Way'. Gaga apostou na temática alien e surgiu de dentro de um ovo extraterrestre no tapete vermelho do Grammy de 2011.  Os fãs da cantora tiveram naquela noite a oportunidade de ver pela primeira vez uma performance ao vivo do primeiro single do novo trabalho de Gaga, a música Express Yourself partII 'Born this Way'.



Madonna canta single inédito ao lado da banda virtual Gorillaz (2006)


Madonna é o tipo de artista que sempre se conecta com as tendências musicais e sempre que possível realiza trabalhos com músicos hypados do mainstream. Em 2006 a Material Girl lançou o disco 'Confessions on a Dance Floor' e partiu para uma proposta retrô em homenagem aos grandes momentos da música disco. A cantora performou ao lado da banda virtual 'Gorillaz' que apresentou uma versão com pegada acústica do hit 'Feel Good Inc.' seguida pela então nova música de trabalho da loira, a contagiante 'Hung up'.



Jennifer Hudson homenageia a cantora Whitney Houstoun (2012)

Um dia antes da edição de 2012 da premiação musical o mundo perderia uma de suas grandes Divas, a inesquecível Whitney Houstoun que foi encontrada morta no hotel em que se preparava para uma performance que seria feita no dia seguinte durante o Grammy. Pegos de surpresa com a notícia os produtores do evento prepararam de última hora um tributo à cantora que foi prestado por Jennifer Hudson. 

Sem lançar um álbum de inéditas desde 2010, os caras do Gorillaz finalmente trouxeram novidades para seus fãs. Esta semana, a banda lança na internet a aguardada "Do Ya Thing", que havia sido anunciada há algumas semanas e conta com as rimas de Andre 3000, o ex-Outkast e participação de James Murphy do LCD Soundsystem.

"Do Ya Thing" é o primeiro single dos Gorillaz lançado este ano e nada foi confirmado sobre um futuro clipe, mas uma coisa é certa: a faixa será disponibilizada para download gratuito no site da Converse. Ah, antes que eu me esqueça, ouça o novo single dos Gorillaz: