Reprodução/Divulgação Muito talento e muita coesão só poderiam resultar em aclamação!

Deu tudo certo! O “Ungodly Hour”, do duo Chloe x Halle, é um dos melhores discos do ano

Muito talento e muita coesão só poderiam resultar em aclamação!
As novas princesinhas do R&B, as irmãs Chloe e Halle Bailey, lançaram nessa sexta-feira (12) seu segundo e ótimo álbum, o “Ungodly Hour” e, como a gente já esperava, o material é uma das melhores coisas lançadas em 2020. 



Em seu primeiro disco, “The Kids Are Alright”, a dupla Chloe x Halle investiu bastante em suas vozes angelicais para criar o mood de suas canções, apostando em um R&B mais tradicional. No novo disco, elas continuam explorando seus vocais diferenciados, mas experimentam muito mais em termos de sonoridade, flertando tanto com o trap como com elementos de música eletrônica (não à toa, a faixa-título do material tem produção do duo Disclosure).

Outro ponto alto do “Ungodly Hour” é que ele consegue mostrar muito bem todo o amadurecimento das artistas, não só em termos de sonoridade, pois agora parece que elas estão encontrando seu lugar na música, como também nas composições, pessoais, emotivas, melancólicas e muito relacionáveis. 

Algumas observações são válidas: elas participaram da composição de todas as músicas do material, tendo composto sozinhas algumas das faixas. Além disso, elas também ficaram à cargo da produção de algumas canções: “Baby Girl” e “Tipsy” são algumas das faixas produzidas pela Chloe, enquanto em “Wonder What She Thinks Of Me”, as irmãs trabalham juntas na produção.

Essa mistura de muito talento e coesão não poderia resultar em outra coisa senão aclamação. É por isso que elas são as pupilas da Beyoncé.