Reprodução/Divulgação É claro que houveram injustiças.

Oscar 2020: tem documentário brasileiro, "Parasita", "Coringa" e dobradinha de Scarlett Johansson nos indicados

É claro que houveram injustiças.
A Academia liberou nesta segunda-feira (13) a lista dos indicados ao Oscar 2020, que acontece em fevereiro. Entre os nomeados para a edição deste ano, temos como destaques o queridinho "Parasita", "Coringa", com 11 indicações, aquele filme de guerra que precisa ter sempre e "O Irlandês". O Brasil desta vez não ficou de fora e temos uma indicação para nos orgulhar: "Democracia em Vertigem", na categoria Melhor Documentário.

Uma grata surpresa é ver que "Coringa" é o longa-metragem que detêm o maior número de indicações. A produção, aliás, foi indicada nas principais categorias como Melhor Filme, Melhor Ator e Melhor Direção, além das técnicas como Fotografia, Edição de Som e Mixagem de Som. Quem disse que não tem espaço para quadrinhos no Oscar?

O filme sul-coreano de Bong Joon Ho, "Parasita" também se destacou entre os indicados, com seis nomeações, nas categorias Melhor Filme, Melhor Filme Estrangeiro, Melhor Direção, Melhor Edição, Melhor Design de Produção e Melhor Roteiro Original. Se dependesse exclusivamente do It Pop, o longa levaria para casa todas as categorias. Desculpa, "Coringa".

Já na categoria de Melhor Atriz e Coadjuvante, temos Scarlett Johansson sendo indicada duas vezes, por "História de Um Casamento" e o polêmico "Jojo Rabbit", de Taika Waititi ("Thor: Ragnarok"). Cynthia Erivo ("Harriet") foi a única negra indicada em Melhor Atriz. Em Melhor Ator e Coadjuvante, temos também os merecidíssmos Adam Driver e Joaquin Phoenix na primeira categoria, e Anthony Hopkins e Al Pacino na segunda.

Na categoria Melhor Animação, as grandes apostas da Disney em 2019, "O Rei Leão" e "Frozen 2", ficaram de fora, um deles merecidamente, mas entraram "Toy Story 4", "I Lost My Body", "Link Perdido", o fofíssimo "Como Treinar o Seu Dragão 3" e "Klaus", da Netflix. Se a justiça fosse realmente feita, "Como Treinar" levaria a estatueta para casa.

Por fim, entre as surpresas e comodismos deste ano, mais uma vez o Oscar se mostra injusto e racista. No ano em que tivemos Eddie Murphy em "Meu Nome é Dolemite!" e Lupita Nyong'o em "Us", assim seu próprio diretor, Jordan Peele, todos foram esquecidos. Awkwafina também foi completamente esquecida, igual o filme que estrela, "A Despedida", além de Jennifer Lopez, que roubou a cena em "As Golpistas".

Confira as principais categorias abaixo.

Melhor Filme

1917
Adoráveis Mulheres
Coringa
Era Uma Vez Em...  Hollywood
Ford v Ferrari
Jojo Rabbit
O Irlandês
Parasita

Melhor Filme Estrangeiro

Corpus Christi
Dolor y Glória
Honeyland
Os Miseráveis
Parasita

Melhor Animação

Como Treinar o Seu Dragão 3
I Lost My Body
Klaus
Link Perdido
Toy Story 4

Melhor Documentário

American Factory
Democracia em Vertigem
For Sama
Honeyland
The Cave

Melhor Direção

Bong Joon Ho, Parasita
Martin Scorsese, O Irlandês
Quentin Tarantino, Era uma vez em… Hollywood
Sam Mendes, 1917
Todd Phillips, Coringa

Melhor Atriz

Charlize Theron, O Escândalo
Cynthia Erivo, Harriet
Renée Zellweger, Judy: Muito além do Arco-Íris
Saoirse Ronan, Adoráveis Mulheres
Scarlett Johansson, História de um Casamento

Melhor Atriz Coadjuvante

Florence Pugh, Adoráveis Mulheres
Kathy Bathes, O Caso Richard Jewell
Laura Dern, História de Um Casamento
Margot Robbie, O Escândalo
Scarlett Johansson, JoJo Rabbit

Melhor Ator

Adam Driver, História de um Casamento
Antonio Bandeiras, Dolor y Gloria
Leonardo DiCaprio, Era Uma Vez… em Hollywood
Joaquin Phoenix, Coringa
Jonathan Pryce, Dois Papas

Melhor Ator Coadjuvante

Al Pacino, O Irlandês
Anthony Hopkins, Dois Papas
Brad Pitt, Era Uma Vez… em Hollywood
Joe Pesci, O Irlandês
Tom Hanks, Um Lindo Dia na Vizinhança

Melhor Roteiro Original

1917
Entre Facas e Segredos
Era Uma Vez Em... Hollywood
História de Um Casamento
Parasita

Melhor Roteiro Adaptado

Adoráveis Mulheres
Coringa
Dois Papas
Jojo Rabbit
O Irlandês

Todos os indicados podem ser conferidos aqui.