Após tuítes ofensivos, James Gunn está fora de “Guardiões da Galáxia Vol. 3”

James Gunn caiu no gosto do público após dirigir os dois primeiros "Guardiões da Galáxia" . As produções assinadas por ele fiz...

James Gunn caiu no gosto do público após dirigir os dois primeiros "Guardiões da Galáxia". As produções assinadas por ele fizeram um tremendo sucesso, e o diretor já estava garantido para o terceiro, fechando a trilogia, mas acaba de ficar de fora após o descobrimento de vários tuítes preconceituosos.

O diretor da Walt Disney Studios, Alan Horn, se pronunciou sobre o caso ao The Hollywood Reporter. Para ele, “as declarações ofensivas descobertas no Twitter de James são indefensáveis e inconsistentes com nossos valores e danificaram nossa relação com ele”. O novo “Guardiões” segue então sem diretor por enquanto.

A série de tuítes, que datam entre 2008 e 2011, envolvem piadas em ofensivas sobre pedofilia e estupro. Os tuítes foram ressuscitados por vários usuários do Twitter, questionando as visões políticas do cineasta. Através do próprio Twitter, James Gunn fez um pedido de desculpas, assumindo que fazia piadas deste cunho, mas que hoje mudou, assim como seu humor.

O diretor estava previsto para um painel da San Diego Comic-Con, para um anúncio que não havia sido revelado ainda. Porém, segundo a Variety, James Gunn não comparecerá a feira.

As gravações de “Guardiões da Galáxia Vol. 3” estavam previstas para começar no fim deste ano, mas o afastamento do diretor alterações podem acontecer e as gravações sejam adiadas. O filme tem previsão para 2020; a Marvel ainda não se pronunciou sobre o caso.

Após tuítes ofensivos, James Gunn está fora de “Guardiões da Galáxia Vol. 3” Após tuítes ofensivos, James Gunn está fora de “Guardiões da Galáxia Vol. 3” Reviewed by José Lucas Salvani on 7/20/2018 06:07:00 PM Rating: 5

0 COMENTÁRIOS

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.