Estes foram os vencedores do Oscar 2018

90ª edição foi marcada por uma divisão justa de prêmios

Aconteceu ontem a 90ª edição do Oscar e, apesar da data pedir uma grandiosa premiação, tudo beirou ao ordinário. Com mais de três horas, a celebração nunca pareceu tão massante e repetitiva como antes. Em contrapartida à formula, algumas coisas realmente funcionaram, como a jogada com o jet ski e os discursos curtos. Ah!, Frances McDormand rendeu um dos momentos mais fodas de todas as edições, né?


Mas não estamos aqui para dar um resumão de toda obra, e sim para falar dos vencedores.

Surpreendentemente, a última edição do Oscar foi bem divida, com geral levando pelo menos uma estatueta. Por conta disto, "A Forma da Àgua" levou somente quatro prêmios: Melhor Filme, Direção, Trilha Sonora Original e Design de Produção. "Dunkirk", de Christopher Nolan, entra em seguida com três estatuetas: Montagem, Mixagem e Edição de Som.


Fora os dois mais premiados, os outros destaques ficam também para Jordan Peele levando para a casa o prêmio de Melhor Roteiro Original, sendo o primeiríssimo negro a receber em 90 edições. "Uma Mulher Fantástica", produção chilena, se tornou o primeiro filme protagonizado por uma mulher trans a ganhar um Oscar, sendo ele de Melhor Filme Estrangeiro. 

Você pode conferir todos os vencedores abaixo.

Melhor filme

“Me Chame Pelo Seu Nome”
“O Destino de uma Nação”
“Dunkirk”
“Corra!”
“Lady Bird: É Hora de Voar”
“Trama Fantasma”
“The Post: A Guerra Secreta”
“A Forma da Água”
“Três Anúncios Para Um Crime”

Melhor ator

Timothée Chalamet, “Me Chame Pelo Seu Nome”
Daniel Day-Lewis, “Trama Fantasma”
Daniel Kaluuya, “Corra!”
Gary Oldman, “O Destino de uma Nação”
Denzel Washington, “Roman J. Israel, Esq.”

Melhor atriz

Sally Hawkins, “A Forma da Água”
Frances McDormand, “Três Anúncios Para Um Crime”
Margot Robbie, “Eu, Tonya”
Saoirse Ronan, “Lady Bird: É Hora de Voar”
Meryl Streep, “The Post: A Guerra Secreta”

Melhor ator coadjuvante

Willem Dafoe, “Projeto Flórida”
Woody Harrelson, “Três Anúncios Para Um Crime”
Richard Jenkins, “A Forma da Água”
Christopher Plummer, “Todo o Dinheiro do Mundo”
Sam Rockwell, “Três Anúncios Para Um Crime”

Melhor atriz coadjuvante

Mary J. Blige, “Mudbound: Lágrimas Sobre o Mississippi”
Allison Janney, “Eu, Tonya”
Lesley Manville, “Trama Fantasma”
Laurie Metcalf, “Lady Bird: É Hora de Voar”
Octavia Spencer, “A Forma da Água”

Melhor direção

“Dunkirk,” Christopher Nolan
“Corra!,” Jordan Peele
“Lady Bird: É Hora de Voar,” Greta Gerwig
“Trama Fantasma,” Paul Thomas Anderson
“A Forma da Água,” Guillermo del Toro

Melhor animação

“O Poderoso Chefinho”
“The Breadwinner”
“Viva: A Vida é uma Festa”
“O Touro Ferdinando”
“Com Amor, Van Gogh”

Melhor roteiro adaptado

“Me Chame Pelo Seu Nome,” James Ivory
“O Artista do Desastre,” Scott Neustadter & Michael H. Weber
“Logan,” Scott Frank & James Mangold and Michael Green
“A Grande Jogada,” Aaron Sorkin
“Mudbound: Lágrimas Sobre o Mississippi,” Virgil Williams and Dee Rees

Melhor roteiro original

“Doentes de Amor,” Emily V. Gordon & Kumail Nanjiani
“Corra!,” Jordan Peele
“Lady Bird: É Hora de Voar,” Greta Gerwig
“A Forma da Água,” Guillermo del Toro, Vanessa Taylor
“Três Anúncios Para Um Crime,” Martin McDonagh

Melhor fotografia

“Blade Runner 2049,” Roger Deakins
“O Destino de uma Nação,” Bruno Delbonnel
“Dunkirk,” Hoyte van Hoytema
“Mudbound: Lágrimas Sobre o Mississippi,” Rachel Morrison
“A Forma da Água,” Dan Laustsen

Melhor documentário de longa-metragem

“Abacus: Small Enough to Jail”
“Faces Places”
“Icarus”
“Last Men in Aleppo”
“Strong Island”

Melhor documentário de curta-metragem

“Edith+Eddie”
“Heavens is a Traffic Jam on 405”
“Heroin(e)”
“Knife Skills”
“Traffic Stop”

Melhor animação de curta-metragem 

“Dear Basketball”
“Garden Party”
“Lou”
“Negative Space”
“Revolting Rhymes”

Melhor filme estrangeiro

“Uma Mulher Fantástica” (Chile)
“O Insulto” (Lebanon)
“Desamor” (Russia)
“Corpo e Alma”(Hungary)
“The Square: A Arte da Discórdia” (Sweden)

Melhor montagem

“Em Ritmo de Fuga,” Jonathan Amos, Paul Machliss
“Dunkirk,” Lee Smith
“Eu, Tonya,” Tatiana S. Riegel
“A Forma da Água,” Sidney Wolinsky
“Três Anúncios Para Um Crime,” Jon Gregory

Melhor edição de som

“Em Ritmo de Fuga,” Julian Slater
“Blade Runner 2049,” Mark Mangini, Theo Green
“Dunkirk,” Alex Gibson, Richard King
“A Forma da Água,” Nathan Robitaille
“Star Wars: Os Últimos Jedi,” Ren Klyce, Matthew Wood

Melhor mixagem de som

“Em Ritmo de Fuga,” Mary H. Ellis, Julian Slater, Tim Cavagin
“Blade Runner 2049,” Mac Ruth, Ron Bartlett, Doug Hephill
“Dunkirk,” Mark Weingarten, Gregg Landaker, Gary A. Rizzo
“A Forma da Água,” Glen Gauthier, Christian Cooke, Brad Zoern
“Star Wars: Os Últimos Jedi,” Stuart Wilson, Ren Klyce, David Parker, Michael Semanick

Melhor direção de arte

“A Bela e a Fera” 
“Blade Runner 2049″
“O Destino de uma Nação”
“Dunkirk”
“A Forma da Água”

Melhor trilha sonora

“Dunkirk,” Hans Zimmer
“Trama Fantasma,” Jonny Greenwood
“A Forma da Água,” Alexandre Desplat
“Star Wars: Os Últimos Jedi,” John Williams
“Três Anúncios Para Um Crime,” Carter Burwell

Melhor canção original

“Mighty River” de “Mudbound: Lágrimas Sobre o Mississippi,” Mary J. Blige
“Mystery of Love” de “Me Chame Pelo Seu Nome,” Sufjan Stevens
“Remember Me” de “Viva: A Vida é uma Festa,” Kristen Anderson-Lopez, Robert Lopez
“Stand Up for Something” de “Marshall,” Diane Warren, Common
“This Is Me” de “O Rei do Show,” Benj Pasek, Justin Paul

Melhor Figurino

“A Bela e a Fera”
“O Destino de uma Nação
“Trama Fantasma”
“A Forma da Água”
“Victoria and Abdul”

Melhores efeitos visuais

“Blade Runner 2049”
“Guardiões da Galáxia Vol. 2”
“Kong: A Ilha da Caveira”
“Star Wars: Os Últimos Jedi”
“Planeta dos Macacos: A Guerra”

Melhor maquiagem e cabelo

“O Destino de uma Nação”
“Victoria e Abdul: O Confidente da Rainha” 
“Extraordinário”

Estes foram os vencedores do Oscar 2018 Estes foram os vencedores do Oscar 2018 Reviewed by José Lucas Salvani on 3/05/2018 07:44:00 PM Rating: 5

0 COMENTÁRIOS

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.