Katy Perry deve lançar remix de 'Legendary Lovers' com Drake e de 'Walking On Air' com Diplo e Skrillex; agora vai!

Sempre bem segura do seu público nos EUA, parece que a hitmaker de “It Takes Two”, Katy Perry, finalmente sentiu certa turbulência em sua...
Sempre bem segura do seu público nos EUA, parece que a hitmaker de “It Takes Two”, Katy Perry, finalmente sentiu certa turbulência em sua carreira com a divulgação do CD “Prism”, que terminou ofuscado por seu maior acerto, o single em parceria com o rapper Juicy J, “Dark Horse”, como já comentamos aqui e nomeamos de "Síndrome do Cavalo Preto" rs.



O maior sucesso de K8 com a era “Prism” não segue nenhuma fórmula certeira para o sucesso, mas acerta ao colocá-la tão longe de sua zona de conforto, apostando pesado no trap, em meio a um lirismo que, vindo dela, termina garantindo um refrão pra lá de convincente, mas enquanto a música fez com que esse CD não passasse despercebido, até nos fazendo esquecer da polêmica pós-“Roar”X”Brave”, ela também passou a soar “areia demais para esse caminhãozinho”, ofuscando tudo o que Perry lançou a seguir.



“Birthday”, faixa tão comum para o repertório de Perry que mais parece ser uma descartada do “Teenage Dream”, não aconteceu nem com um clipe que previa uma reação viral e sua sucessora, o smash hit em potencial “This Is How We Do”, também viu seu potencial ir por água abaixo devido ao desinteresse do público, mesmo sendo dona do melhor clipe desta era até aqui.



A verdade é que os fãs, desde o lançamento do álbum, queriam mesmo era ver o lançamento de “Walking On Air” e “Legendary Lovers” nas rádios, e é o que eles terão. Como adiantamos aqui, “Walking On Air” deve ser o próximo single de K8, contando com um remix do duo Jack Ü, composto pelos DJs Diplo e Skrillex, o que deve impulsionar o seu lançamento e, por fim, preparar terreno para a chegada da grande favorita dos Katycats: “Legendary Lovers”.

MAS NÃO TERMINA Aí! Isso porque Katy Perry já se arriscou demais com os últimos dois singles e, na melhor das hipóteses, precisa garantir que pelo menos uma dessas duas canções tenha uma boa recepção, e pra isso resolveu apostar num método que a salvou em outrora, seus tão comentados remixes. E agora é melhor você sentar, porque a próxima notícia é choque de monstro.

Assim como “Walking On Air” ganhará o reforço do Jack Ü, provavelmente partindo para o lado trap da força, “Legendary Lovers” faz a lição de casa urban e conceitual com “Dark Horse”, ganhando uma versão em parceria com ninguém menos que o rapper Drake, já sondado por Katy Perry e o produtor Max Martin desde as primeiras sessões em estúdio com o “Prism”. A notícia foi confirmada após uma atualização no site do produtor, que inclui a participação de Drake no remix da canção. OU SEJA.



Se agora não for, não vai mais, mas o nosso voto é para que vá sim, afinal, são os singles que o público estava aguardando e com participações pra lá de animadoras. É agora que a era vai começar e, se tudo der errado, um disco de jazz não deixa de ser algo válido. 

Em setembro de 2015, Katy Perry tem passagem confirmada pelo Brasil, como uma das atrações do Rock In Rio, mas antes disso ela também impacta os EUA com sua primeira apresentação no Show do Intervalo do Superbowl, assumindo o título de atração principal de um palco que já pertenceu à Madonna e Beyoncé.