It's New: 7 músicas/clipes que saíram nesta semana e você precisa conferir! (27.09)

Além do highlight da semana, o clipe de "One More" , também teve faixa inédita da Azealia Banks . Já conferiu os dois, né? Pois...
Além do highlight da semana, o clipe de "One More", também teve faixa inédita da Azealia Banks. Já conferiu os dois, né? Pois  bem, vamos ver agora outros sete lançamentos que você não pode deixar passar. Para conferir as edições anteriores do It's New, clique aqui e seja feliz.

1) "New Dorp, New York" - SBTRKT feat Ezra Koenig
Essa música!!11 Lançada no final de julho como primeiro single do próximo álbum do SBTRKT (lê-se Subtract, e pra quem não tá ligado é o projeto musical do DJ inglês Aaron Jerome), a faixa chama atenção logo nos primeiros segundos. Uma produção que mistura pop e experimental, com ingredientes da música jamaicana, mais a cereja do bolo: Ezra Koenig (do Vampire Weekend) nos vocais. Aí que nessa semana ela ganhou um clipe tão singular quanto. Quero dizer, uma animação com ambientação sombria não era exatamente o todos estavam esperando, certo? Mas tudo faz sentido no fim do vídeo - e pra entender a mensagem é imprescindível que você também saiba que essa aqui é a (linda) capa do álbum Wonder Where We Land, com lançamento para a próxima segunda-feira (29). Agora, por favor: Play!


2) "Bad Thing" - Kiesza feat. Joey Bada$$
Depois de ouvir “Enemiesz” e “Take Ü There”, quem deu play no último lançamento da Kiesza pode ter levado um susto. Em “Bad Thing” temos a moça totalmente imersa em uma nova sonoridade, passando bem longe do house que estávamos acostumados. E como se não fosse o bastante, com a inesperada companhia do rapper Joey Bada$$. A faixa fará parte do Sound Of A Woman, aguardadíssimo álbum debut de Kiesza, marcado para o dia 21 de outubro.



3) "Hideaway (Kiesza Cover)" - Ben Howard
E porque “Tá pouca Kiesza, manda mais!”, o Ben Howard apareceu essa semana nos estúdios da BBC Radio 1 para promover o novo álbum I Forget Where We Were (sai dia 20/10), e aproveitou para fazer um cover digníssimo do hit “Hideaway”. Deep-house transformado em voz e violão, o quão demais é isso?


4) "i" - Kendrick Lamar
Eu não sei o quê o nome “Kendrick Lamar” traz a sua mente, mas eu tenho certeza que não é nada parecido com o que está no player abaixo. Atualmente trabalhando no sucessor do seu mais que aclamado álbum good kid, m.A.A.d city, o rapper de “Bitch, Don’t Kill My Vibe” liberou essa semana o lead single do vindouro material. A faixa pode causar estranhamento no início, mas I LOVE MYSELF! - nada que um radiofônico refrão sobre amar a si mesmo incondicionalmente não resolva. Tá pra cima, tá auto estima, tá de bem com a vida. Bem vindo de volta, K. Dot!


5) "No Flex Zone (Remix)" - Karmin feat Watsky
Quem é vivo sempre aparece, nem que seja pra lançar remix de viral velho. Mas ok, com ou sem timing amamos esse duo. (Apenas Nick poderia ter sido melhor aproveitado no vídeo. Sdds Nick.)


6) "Nobody But U" - Jeremih
#JusticeForJeremih. Prestes a lançar o Late Nights: The Album, seu comeback depois do debut em 2009, Jeremih já tem um hit garantido, o primeiro single do material, “Don’t Tell ‘Em”, figura nesse momento no Top 10 da Hot 100. Mas se ainda assim você não faz ideia de quem é esse cara, tudo bem, você não é o único. Isso porque Jeremih é o mais injustiçado cantor de R&B dos últimos anos. Mesmo com a qualidade diferenciada do seu trabalho ele nunca ganhou o devido reconhecimento, acabando por perder espaço para outros artistas do gênero - menos talentosos mas comercialmente bem sucedidos. O que importa é que ele tá de volta e a gente acredita: agora vai. E pra nos entreter enquanto o álbum novo não chega, ele liberou na última sexta (26) a faixa abaixo. Bora dar amor e atenção a quem realmente merece.


7) "Out Of The Blue" - Prides
Esse é o Prides, trio escocês de synth-pop, formado em 2013 e que (magicamente) já tem um EP e um total de quatro videoclipes lançados - entre eles, a nossa faixa favorita da banda “I Should Know You Better” e o single mais recente “Out Of The Blue” (abaixo). É tipo Bastille e Imagine Dragons, só que com mais sintetizador. Vamos aproveitar pra ouvir Prides agora porque quando eles estiverem tocando de meia em meia hora na Jovem Pan, não vai ser mais tão legal.


ATENÇÃO: Semana que vem, excepcionalmente, #NãoVaiTerIt'sNew. Mas segura o choro, sem desespero porque voltamos no dia 11. Até lá.