Overdose | O novo filme dos mutantes e a correção dos erros do passado.

Lá em 2000 surgia o filme que trouxe de volta toda a ascensão dos heróis no cinema, rendendo, após o grande sucesso: um desenho animado,...

Lá em 2000 surgia o filme que trouxe de volta toda a ascensão dos heróis no cinema, rendendo, após o grande sucesso: um desenho animado, duas continuações, e outros três filmes - sendo dois solo e uma espécie de reboot. "X-Men: O Filme" veio em meio as sombras dos "fracassados" filmes de heróis, e surpreendeu todos arrecadando milhões.

Três anos depois é lançado "X2", aclamado pelo público, chegando a ser considerado (por muitos) o melhor filme da franquia. E mais tarde vem o terceiro (e digamos que odiado) filme, finalizando a trilogia principal. Anos depois é lançado "X-Men Origins: Wolverine" (recheado de furos de roteiro) seguido por "Wolverine Imortal", bem melhor que o anterior, mas não tão amado como os outros filmes.

Halle Berry, Patrick Stewart, Hugh Jackman e  Ian McKellen em "X-Men: O Confronto Final"

Entre os dois filmes solo de Wolverine tivemos o que para os críticos (e para nós) foi o melhor longa dos mutantes. "X-Men: Primeira Classe" trazia um elenco completamente novo, mostrando o primeiro encontro de Charles Xavier e Erik Lehnsherr.

Os seis filmes lançados encontram-se cheios de furos devido a diretores diferentes e visões diferentes (para não falarmos que tudo foi feito sem se preocupar com seu antecessor). Agora, "X-Men: Dias de um Futuro Esquecido" vem com uma grande borracha, apagando todos esses erros.


O novo filme reunirá os dois "universos" de "X-Men" dos cinemas, o apresentado na trilogia original, e o apresentado em "X-Men: Primeira Classe". No longa, o mundo está situado em tempo apocalítico devido a ascensão dos Sentinelas (robôs programados para destruir os mutantes) e em busca de uma solução para tais problemas, Wolverine é enviado para os anos 70, acreditando que com a interrupção de um determinado acontecimento naquele tempo não desencadeie o futuro aterrorizante.

Por brincar com viagens no tempo, "X-Men: Dias de um Futuro Esquecido" traz um elenco gigantesco. Quanto ao elenco principal temos seis atores. Patrick Stewart e James McAvoy (ambos como Xavier), Ian McKellen e Michael Fassbender (ambos como Erik), Jennifer Lawrence como Mística, e Hugh Jackman como nosso eterno Wolverine.

Patrick Stewart e James McAvoy (ambos como Xavier) no novo longa dos mutantes.

O elenco secundário também não deve ser deixado de lado. Temos rostos já conhecidos como o de Ellen Page, Halle Berry e Shawn Ashmore voltando com os seus antigos papéis. E rostos novos: Clarice Ferguson (Blink), Adan Canto [Mancha Solar (BRASIL <3)], Evan Peters (Mércurio) dentre outros.

Mesmo com mudanças "drásticas" feitas para a adaptação, toda a proposta de "X-Men: Dias de um Futuro Esquecido" soa algo bom. Espetacular na verdade. Ver erros sendo corrigidos é algo interessante. E com o anúncio de outros três personagens da trilogia original fazendo uma pequena participação nesse novo filme, já podemos imaginar o que pode vir por ai. A gente sabe quem volta, mas não falaremos nada. Nós ainda não vimos o filme, mas não vemos a hora de