Kat Dahlia perdeu a chance de fazer de "Crazy" um hit, mas lançou um clipe pra canção

A cantora Kat Dahlia é, sem dúvidas, uma grande aposta para esse ano, mas com seu disco de estreia, "My Garden", cada vez mais...

A cantora Kat Dahlia é, sem dúvidas, uma grande aposta para esse ano, mas com seu disco de estreia, "My Garden", cada vez mais perto de ser lançado e sem nenhum single com um sucesso significativo extraído até então, começamos a nos preocupar com o momento em que a gravadora deverá juntar tudo isso e transformar em algum EP/mixtape, terminando com a cantora dentro de uma geladeira até que seus produtores tenham algo bom o suficiente pras rádios outra vez.

Podemos estra errados e a gravadora realmente acreditar no disco mesmo sem números animadores, pois é válido lembrar que a Rihanna, antes do hype com o disco "Good Girl Gone Bad", teve o "A Girl Like Me", mas ainda assim, é bom pensar na ideia e alertar a equipe da Kat o quanto antes, pois perdê-la de vista depois dela mostrar ser tãaaao talentosa seria um desperdício e tanto.

Como contamos aqui, o novo single da Dahlia é "Crazy" e SÓ-DEUS-SABE o quanto o blogueiro que vos fala escutou essa música desde que saiu. Não dá pra entender muito bem qual foi a da sua fórmula, mas o importante é que ela funciona, é boa e gruda, o que é sempre útil. O single, porém, foi lançado com download gratuito, o que talvez devesse contribuir pra que mais pessoas ficassem de olhos (e ouvidos) atentos na cantora, mas terminou não fazendo muito barulho, o que, ironicamente, só pode ser loucura, mas na última terça-feira (18) ele ganhou seu videoclipe e, infelizmente, não acreditamos que ele realmente possa ajudar muito nesta altura do campeonato.

O erro da produção? Simples. No lugar de uma história ou qualquer outra coisa que reforçasse a mensagem da canção, que explora genialmente a ideia de amor doentio enquanto Kat se pergunta se o jeito que tem se comportado é loucura, o vídeo dirigido pelo John Rankin ("Liquorice" da Azealia Banks) só mostra a cantora sendo linda, em boa parte do seu tempo apenas em takes fechados. Se fosse um clipe da Mariah Carey, o egocentrismo seria tão óbvio quanto redundante, mas não é e termina por desperdiçar a grande canção, pois é fraco, visto que Kat Dahlia não é nenhum rosto famoso o suficiente pra sustentar um clipe todo sozinha, e não aumenta o interesse na música. Só ficamos na torcida pra que os patrocínios deste vídeo, tão claros quanto sua falta de roteiro, sirvam de algo nas produçõe$ seguintes.

Confira:


"My Garden" já contou, além de "Crazy", com os singles "Gangsta", que ganhou também uma versão em espanhol, e "Fireman". O disco será lançado pela Vested In Culture, uma divisão da Epic Record/Sony Music, e sucede a mixtape "Seeds", lançada para download gratuito no Soundcloud de Kat.