Com participação da Sia, novo single da Angel Haze é o hino "Battle Cry" (e ele tem que virar hit)!

Entre tantas rappers femininas surgindo pela internet, pode ser que a Angel Haze tenha passado um tanto despercebida pelo nosso radar e ...

Entre tantas rappers femininas surgindo pela internet, pode ser que a Angel Haze tenha passado um tanto despercebida pelo nosso radar e de muitos outros, mas de fato, ela merece mais atenção do que recebeu até o momento. Sem muita sorte com o lançamento do seu disco de estreia, "Dirty Gold", que saiu antecipadamente no dia 30 de dezembro, a tempo de não ter suas vendas afetadas por seu vazamento, Angel pode ficar bem orgulhosa do material que nos apresentou, pois independente dos números, a produção tá mesmo impecável.

Como mais gente merece saber disso, Haze definiu qual será seu próximo single com o CD e, toma!, a escolhida foi nada menos que "Battle Cry", uma baladinha não só co-composta pela Sia, como também com vocais da própria. Além de ser uma das mais comerciais do disco, a baladinha é também uma das mais emotivas dentro dele, e Angel explica a razão, afirmando ser uma admiradora de longa data do trabalho da hitmaker australiana:
"Quando tinha vontade de me suicidar, ia dormir ao som de 'Breathe Me' [música da Sia] e eu não sentia como se meu mundo estivesse se fechando ou caindo sobre mim, de uma forma estranha e eufórica, eu me tornava mais forte."
Nós imaginamos o quão honrada ela deve ter ficado quando conseguiu a colaboração, né? Ouça "Battle Cry" abaixo:



Quando achamos que a Sia não consegue se superar, a mulher vai e, PQP, que música é essa?! Se tem algo que gostamos mais que a Sia dominando o mercado atual compondo pra Deus e o mundo, é tê-la apenas cantando, pra ela mesma, para nós, o que é sempre bom. E que fique registrado, se "Battle Cry" não se tornar um smash hit daqueles que ouviremos até cansar, tipo "I Need A Doctor", do Dr. Dre com Eminem e Skylar Grey, ou qualquer outro desses que misturam o hip-hop com um refrão dramático radiofriendly, oficializamos o planeta Terra como o mais injusto de todo o Universo.

Coincidindo com a estreia da canção nas rádios, o disco "Dirty Gold" será lançado em sua versão física dia 27 de janeiro no Reino Unido. Desejamos toda sorte do mundo pra essa linda! (E Sia, já pode lançar um novo disco se quiser, tá?)