Mais um ano está indo embora. Muitos filmes passaram por nós, e boa parte deles deixou sua marca. Mas qual é o melhor? Qual é aquele que...

Mais um ano está indo embora. Muitos filmes passaram por nós, e boa parte deles deixou sua marca. Mas qual é o melhor? Qual é aquele que você se via como o personagem? Aquele que grande parte odiou, mas você adorou? Resolvemos fazer uma breve lista, dividida em 5 categorias, resumindo um pouco que cada filme deixou, dizendo o porquê dele ter se tornado especial dentre diversos filmes lançados, seja de maneira positiva ou negativa.


Melhor do Ano: Gravidade
(Confira o trailer aqui!)

Que tal começar com o melhor? Arrisco dizer que esse foi uma das melhores ficções-científicas que já vi em toda minha vida. Com certeza pelo menos uma estatueta do Oscar esse filme receberá. A história do filme, por mais simples que seja, te prende. Você, muitas vezes se sente no lugar de Sandra (principalmente quando é mudada para a visão de primeira pessoa), e acaba ficando aflito junto com a personagem. E é claro que podemos esquecer do visual do filme. É lindo, e o 3D dá um toque especial nele, os efeitos adicionais não são grandes, mas deixam a experiencia mais completa. O filme não merece seu destaque não só pela sua história e efeitos especiais, o jeito como foi feito também merece atenção. Fica pra efeito de curiosidade que Sandra Bullock ficou em uma espécie de caixa preta durante grande parte de sua atuação, escutando de vem em quando o diretor, e a voz de George Clooney. Sem falar do fato de ter sido filmado no espaço! 


Blockbuster do Ano: Homem de Aço
(Confira o trailer aqui!)

É um pássaro? É um avião? Não... Só o Superman que aprendeu que o lugar de cuecas é por baixo da calça. Anyway... Tivemos um enxurrada de blockbusters esse ano, mas nenhum deles se compara ao "Homem de Aço". O filme tirou toda aquela imagem que "Superman: O Retorno" havia deixado sobre o Super Homem e trouxe de volta sua grandeza. As cenas de ação são extremamente boas, as cenas de voo, principalmente a primeira, são de tirar o fôlego! A história por si só é bem "comum", mas não deixa de ser boa. E o jeito como mostraram a infância/juventude de Clark, através de lembranças, fez com que o filme não recebesse um ritmo lento, e sim um ritmo em que as coisas vão acontecendo e o espectador não perde o pique. 


Adaptação do Ano: Jogos Vorazes: Em Chamas
(Confira o trailer aqui!)

Dúvidas e mais dúvidas surgiram sobre qual filme colocar aqui. Fiquei em dúvida entre dois filmes, o listado aqui e o outro vocês devem saber qual é. "Em Chamas" é o grande merecedor de estar aqui por um motivo maior: é, por mais que eu odeie esse termo, a "modinha" do momento. Aceitem. MAS, não é só disso que um filme é feito! Jennifer Lawrence dá um show e a adaptação do filme é impecável. O filme tem um ritmo muito bom e sempre vão acontecendo várias coisas, o que "faltou" do livro não fez falta e para aqueles que o leram, tem a sensação de realmente aconteceu no filme, mas não foi mostrado.


Injustiçado do Ano: Carrie - A Estranha 
(Confira o trailer aqui!)

Parte da crítica detestou o filme e os pseudo-cultos decidiram que a versão de 1976 é melhor e nunca terá uma versão que chegará os pés da original. As vezes é preciso esquecer todas as versões já feitas e ir ver o filme sem pretensões nenhuma e é claro, não comparar com os anteriores. Sei que a primeira versão da adaptação é impecável, um clássico! Clássicos estão em um patamar diferente, não necessitam receber comparações com seus sucessores. A nova versão acerta em pontos que a versão original não acertou. Quais? Efeitos especiais em sua boa parte, algumas cenas que não tinham e é claro, tivemos uma mãe muito mais insana (Julianne Moore seja foda assim em "A Esperança" ok?). Tem erros? Sim, a atriz principal. Ficou bom com Chlöe Moretz, mas poderia ser melhor com outra pessoa. E outra o filme recebeu um ar teen que meio que precisou para conquistar um publico maior. Enfim, o filme pode ter alguns erros, mas tem mais acertos. É bom e entretêm! Aaaah, só para lembrar, o filme não é remake ok? Eles readaptaram a história do livro. Corre que dá pra pegar sessões no cinema ainda!


"Decepção" do Ano: Invocação do Mal
(Confira o trailer aqui!)

Esse sem duvida foi o filme que mais me decepcionou esse ano. Assisti o filme bem depois de seu lançamento e todos falavam: "Nossa, que filme foda! O melhor filme de terror que já vi, você tem que ver!"... Quando vi, pensei: "Toda aquela propaganda e elogios para isso?". Calma, não taquem pedras em mim! O filme é muito bom, mas não é pra tanto, foi um grande sucesso de bilheteria e infelizmente é endeusado, supervalorizado, superestimado, o que torna difícil convencer as pessoas de que o filme não é tudo aquilo. Quando fui falar sobre "Carrie - A Estranha", disse que não devemos criar expectativas antes de ver o filme, mas as vezes a vontade é maior. A propaganda é tanta que você, antes mesmo de ver, acha que ele é realmente o melhor filme de terror do ano. "Invocação do Mal" tem boas cenas, dá alguns sustos, mas não funciona muito bem. A história não é tão boa, bem clichê. As vezes, se o filme não fosse tão endeusado, ele seria filme bem melhor!

É isso pessoal! Até mais!