V.N.P.D.S.S.: Jessie J JU-RA que é diferente das outras cantoras por não se fazer de vítima em suas letras

É triste, mas a realidade: por que essas artistas simplesmente não fazem música e calam a boca? Tá certo que a tal da liberdade de expre...

É triste, mas a realidade: por que essas artistas simplesmente não fazem música e calam a boca? Tá certo que a tal da liberdade de expressão taí pra isso, mas tem hora que não dá, sempre falam demais e falam merda. Menina Lorde ganhou haters na mesma velocidade que conquistou seus fãs quando resolveu defender seus ideais mal organizados sobre o feminismo, a rapper Azealia Banks tem seus 99 inimigos (but a bitch ain't one), Lady Gaga se tornou para muitos uma artista chata pela mesma razão e até Miley Cyrus perdeu pontos com muita gente, e a razão é simples: a língua e sua mania de ficar fora da boca (espero que agora citar Miley Cyrus faça sentido).

Mas por que toda essa introdução? Culpa da Jessie J, que numa entrevista disse que muitas cantoras amam se fazer de vítima, enquanto ela assume uma postura diferente. Sério, vocês não podem dormir sem saber, o que ela disse foi isso:
"Muitos artistas fazem isso, principalmente mulheres. Elas adoram se fazer de vítima. Ninguém nunca vai me escutar cantando coisas como 'ele partiu meu coração' ou 'eu estou cansada e vou desistir', não faço esse tipo de garota".
TÁ? Atualmente, J-J-J-Jessie J promove seu segundo álbum, "Alive", e do mesmo já extraiu os singles "Wild", "It's My Party" e sua atual música de trabalho, "Thunder", mas só pra não quebrar o clima, a gente termina a matéria com "Crazy 'Bout You", onde a britânica solta versos como "me chame de louca, mas é a verdade, sou louquinha por você". A verdade, ela dói.


ATUALIZAÇÃO: Devido a reclamação de alguns fãs, que não veem "Crazy 'Bout You" como uma canção que contradiga o que ela disse na tal entrevista, trazemos também outra que adoramos, "Who's Laughing Now", do seu disco de estreia. Nessa, Jessica canta sobre o bullying que sofreu na infância e traz versos como, "mãe, eles me deram apelidos, não me deixavam jogar. Corro pra casa e quase choro todos os dias". É um bom exemplo desta vez, certo?

tumblr_mnbbqbJgPW1rxpwrqo1_400.gif (400×225)