Com direito à voltas e novidades, jurados do American Idol são anunciados!

Caminhando para sua 13ª temporada, o American Idol ainda consegue se firmar como um reality show musical bem relevante, muito em virtu...

Caminhando para sua 13ª temporada, o American Idol ainda consegue se firmar como um reality show musical bem relevante, muito em virtude de ter lançado nomes como Kelly Clarkson, Carrie Underwood, Chris Daughtry, Adam Lambert, entre outros. Porém, sai ano, entra ano, o que não muda desde 2008 é essa rotatividade do painel de jurados.

Ao longo dessas temporadas, já tivemos a bancada preferida de muitos e que mais deu certo, com Randy Jackson, Paula Abdul e Simon Cowell (quem mais faz falta ao formato até hoje) durando até 2008, ano em que Simon abandonou o programa para se dedicar apenas aos seus show idealizados, como o The X Factor. Ano passado, fomos surpreendidos por uma bancada de estrelas, como Mariah Carey, Nicki Minaj e Ketih Urban, que até nos deram a impressão que funcionaram juntos e agregariam valor ao programa e ao Randy Jackson, que havia continuado, mas não. O que vimos, com exceção de um ou outro, foram enxurradas de comentários vazios e óbvios a respeito dos candidatos. Agora, para a 13ª temporada, que vai ao ar em janeiro do ano que vem, após vários boatos, tivemos a confirmação oficial da FOX, com direito à comeback, um jurado da última temporada e uma maravilhosa novidade.

Jennifer Lopez, Keith Urban e Harry Connick Jr. formarão a nova bancada do American Idol. Mas aí que está, muita gente irá questionar que só J-Lo presta, mas estão enganados. Tanto Keith, quanto Harry, tem tudo para sobressaírem também, isso sem contar o fato que voltar às origens, somente com 3 julgadores, nos deixou mais animados do que aquele monte de gente falando junto no ano passado. Abaixo, segue um perfil de cada um dos três novos jurados para vocês e o que esperamos.

Jennifer Lopez


Cantora e atriz, J-Lo é um dos grandes amores latinos dos norte-americanos. Sua participação nas temporadas de 2011 e 2012, teve altos e baixos. Enquanto ela até fazia comentários relevantes e desfilava beleza pela bancada, por outro, seu gostos pessoais (muitas vezes explícitos) eram muito questionáveis. Quem não se lembra dela viver elogiando Stefano Langone e criticando veementemente a grande estrela e campeã moral da temporada, Haley Reinhart? Então, esperamos que J-Lo seja menos amante de latinos e privilegie mais o talento, não importa se for feminino, masculino, ou o que seja.

Keith Urban


Cantor country e marido da Nicole Kidman, Urban fez um brilhante trabalho à frente do The Voice Australia (o qual não devia ter abandonado), fato esse que contribuiu horrores para sua ida para o American Idol, onde foi um dos poucos que se salvava na temporada passada, sempre com comentários relevantes. Ele promete ser o cabeça pensante do painel, aquele que fará o meio-termo entre J-Lo e Harry.

Harry Connick Jr.


Dono de três Grammy, o ator, cantor e produtor musical, é um nome um tanto quanto desconhecido para muita gente, porém, ele já fez algumas participações nas últimas temporadas como mentor, sendo sempre muito elogiado por seus trabalhos. A julgar por esses trabalhos, ele sempre prezará pela qualidade, não passando a mão, muito menos fazendo comentários 100% agradáveis aos ouvidos, podendo ser aquilo que o programa sente falta desde a saída de Simon Cowell: um carrasco, mas com comentários críticos e construtivos.

Randy Jackson também está de volta, só que agora ocupando o cargo de mentor geral do candidatos, na vaga de Jimmy Iovine. 

A propósito, as gravações já começaram na última terça-feira (03), em Boston. 


Animados?!