VITROLA: Agora a coluna tem um nome! Vem conferir nossas sugestões para brilhar no seu LastFM!

Sim, agora as sugestões semanais do It Pop viraram uma coluna e temos um nome: VITROLA. Amaram muito? Apenas para relembrar, aqui iremos...

Sim, agora as sugestões semanais do It Pop viraram uma coluna e temos um nome: VITROLA. Amaram muito? Apenas para relembrar, aqui iremos indicar músicas novíssimas que não tiveram aquele destaque e a música incrível do álbum do seu artista preferido que deveria ter virado single, mas ficou lá de enfeite. Também vamos apresentar músicas antigas para nossa adorada geração bullying e trazer os clássicos de volta. Tem música do underground que merece ser ouvida? Você vai ouvir aqui também! Aquela farofa pra curtir o sabadão cazamiga? Temos várias! Ou seja, tá tudo misturado, mas com muita qualidade.

Hoje tá tudo lindo e bacana. Tem hino dos anos 2000, tema de games, farofa das boas, hit lá da Ucrânia e música melosa para morrer de amor! Cada faixa é indicada com muito carinho para vocês, nossos amados leitores. Para todos os gostos, tá?  É só abrir o coração, a mente, e deixar fluir.

Esta é para quem está muito apaixonado. É inegável o talento da Joss Stone, certo? Ela fez uma versão incrível para a canção "Then You Can Tell Me Goodbye", interpretada originalmente pelos The Casinos. Joss colocou seu coração em cada verso da música, deixando a melodia ainda mais emocionante. Ela acertou nos vocais seguros para uma composição perfeita que fala sobre a fragilidade do amor, e a nova roupagem da canção parece se encaixar perfeitamente no tom da cantora, deixando a obra ainda mais poética e sensível. "Then You Can Tell Me Goodbye" faz parte do "The Soul Sessions Vol. II.", o sexto álbum de estúdio da cantora, lançado em 2012. 


A próxima produção foi uma grata surpresa para os fãs de games. A canção "Still Alive" da cantora sueca Lisa Miskovsky foi remixada e serviu como tema do jogo "Mirror's Edge", lançado em 2008. A poderosa balada se destaca pela evolução melódica dominada pela presença do piano ao longo música, deixando tudo mais leve e emotivo. Destaque também para o trabalho de Miskovsky como compositora da faixa.



Estamos indicando este diamante da música, pois quem vos fala, ficou chocado por muitos não conheceram o trabalho dessa cantora fabulosa, que inspirou muitas estrelas da Disney por aí. "Hands Clean" foi o primeiro single do delicioso álbum "Under Rug Swept", de 2002, da cantora canadense Alanis Morissette. A música tem uma gostosa pegada pop rock, com destaque para a incrível composição da faixa. Alanis faz "Hands Clean" soar como um desabafo, uma confissão honesta e um tanto irônica. Ela fala sobre uma história de amor proibida que criou laços de dependência, apontando para um futuro incerto, cheio de possibilidades estranhas e confusas. Tudo isso, num ritmo viciante e harmônico. Sintonia perfeita que Alanis sabe muito bem como fazer. Ressaltando que a cantora é responsável pela produção e composição da faixa.


Chegou o momento farofa! E olha, temos uma ÓTIMA pra te indicar! É a nova “Sexy And I Know It”, e até as batidas são semelhantes. É divertida e viciante. Redfoo, ex-LMFAO, apostou nesta música como hit do verão. Será que rola? "I'll Award You With My Body", o segundo single do álbum ainda sem titulo do cantor, foi lançada oficialmente no iTunes dia 06 de Junho, e até agora não fez muito barulho. Mas o negócio é o seguinte: se você AMA farofas, essa tá muito bem temperada e cheia de bacon. Pode colocar no volume máximo e curtir:


Tina Karol nasceu na Rússia e mudou-se para a Ucrânia quando ainda tinha seis anos. E foi representando a música ucraniana que a bela loira foi participar do Eurovision 2006. Com a canção "Show Me Your Love", Tina conquistou a sétima posição na competição. A cantora também é politizada e fez bonito quando, em 2005, viajou ao Iraque e ao Kosovo para atuar nas Forças de Manutenção da Paz das Nações Unidas. "Pupsik", o single da loira que iremos indicar, é SENSACIONAL. A música é dance e tem uma boa dose de folk, o que deixa o som ainda mais delicioso. Foi lançada também "Honey", uma versão em inglês de "Pupsik", que fez parte do primeiro álbum da cantora, intitulado "Show Me Your Love". Quer amar a Tina com a gente?




Gostaram das nossas sugestões? Conheciam algumas delas? Querem uma vitrola com mais farofa? Mais indie? É aqui a Lotus Tour?