"She Wolf (Falling to Pieces)" não é de titânio, mas David Guetta cria um clipe incrível! Vem conferir!

A parceria entre um dos maiores DJs da história, David Guetta, e sua – agora – fiel parceira, a cantora australiana Sia, começou lá trás c...
A parceria entre um dos maiores DJs da história, David Guetta, e sua – agora – fiel parceira, a cantora australiana Sia, começou lá trás com a estrondosa “Titanium”, um hino da balada (você por acaso já foi a alguma festa sem a presença dessa música?). O sucesso foi tão grande que a dupla repetiu a parceria na versão “2.0” do “Nothing But The Beat” do DJ. A música da vez é “She Wolf (Falling to Pieces)”.

Assim como no maravilhoso clipe de Titanium, Guetta não cai no óbvio com She Wolf (dirigido por Hiro Murai, o mesmo de “Shady Love” dos Scissor Sisters) e não cria um clipe à la Britney Spears: uma festa cheia de corpos suados e muito bate-cabelo, com ele remixando alguma parte da música e blá blá blá. Aqui ele conta uma história sobrenatural, só que em vez do garotinho de Titanium, vemos um lobo com olhos amarelos (como na letra da música), sendo perseguido incansavelmente por um grupo de caçadores. O lobo tem o poder de “expandir” e “destruir” matéria, um pouco parecido com os poderes do dentucinho de Titanium, mas a surpresa (ou não) vem no final: o lobo é uma mulher metamorfa (“~She wolf~”). Tudo empacotado com uma fotografia lindíssima e, apesar de os efeitos da destruição do lobo não sejam de ponta como os da parte final de Titanium, são super eficientes e remetem às formas que acompanham as batidas do grupo Black Eyed Pead (que estamos que sdds, inclusive) – e pra não ficar igualzinho com o clipe anterior, né.

She Wolf (Falling to Pieces) pode não ser de titânio e não ter o poder bélico na pista de dança, mas o minimalismo de Guetta e os vocais poderosos de Sia conseguem fazer algo único. Que venham mais frutos dessa parceria pfvr. Curte agora o conceitual clipe de She Wolf (Falling to Pieces).