Substituta de Avril Lavigne fala sobre teoria de que a cantora foi morta e substituída

“Acho que eles não têm mais assunto”, disse a substituta, incomodada.

Desde 2011, circulam pela rede mundial de computadores teorias de que a cantora canadense Avril Lavigne teria sido morta e substituída por uma impostora que, desde então, segue a sua vida publicamente, mantendo também sua carreira musical.

Baseadas na mudança de estilo da cantora, bem como outros indícios muito concretos, as teorias indicam que a cantora teria sido substituída por sua gravadora, que não poderia perder seu nome num momento em que estava fazendo muito sucesso e, anos mais tarde, a impostora decidiu falar sobre o assunto.

Numa transmissão feita no último dia 1, a substituta de Avril foi questionada sobre esse assunto e, impaciente por ter sido descoberta, disse que as pessoas não têm sobre o que falar.

É estranho, acho que eles não têm mais assunto”, disse a impostora. “É tosco que alguém ainda acredite nisso. Não é nem rumor. Eles realmente dizem que eu morri e sou uma impostora e, ao mesmo tempo, também falam que eu nunca envelheço. Usam fotos minhas de muito tempo atrás e outras recentes, não faz nenhum sentido.

Sim, isso faz.

Como uma forma de autoafirmação, a cantora lançou em 2013 o disco “Avril Lavigne” e, atualmente, segue em estúdio, para as gravações de seu próximo trabalho.

A internet não dorme, Melissa.