O pop escandinavo massacra a concorrência e nós fizemos uma playlist para provar isso

Pisa menos, escandipop!

Cansado de obviedade? Procurando um pop refrescante, inovador e, ainda assim, grudento e com cara de sucesso? A Escandinávia é pra você! A região, formada por Suécia, Dinamarca e Noruega, é a detentora de muitos dos talentos da nossa música atual e está prontinha para ser explorada por você com a playlist "Por que o pop escandinavo pisa no americano?".

Trouxemos artistas incríveis que colocaram a região escandinava no mapa, como a rainha sueca Robyn, dona dos hits "Call Your Girlfriend" e "Dancing On My Own", que abriu portas pra muitas que você vai encontrar na playlist. 



Hoje, as maiores representantes da região são as suecas Tove Lo e Zara Larsson e a dinamarquesa , mas muitas outras artistas estão seguindo o caminho delas e pegando carona nesse sucesso. As norueguesas Astrid S e Sigrid lançaram apenas EPs nesse ano, mas já conseguiram chamar nossa atenção com personalidade e alto nível. Anna Of The North, também da Noruega, ensaiou sua estreia por anos, mas finalmente mostrou a que veio com seu disoc de estreia e não perdeu em nada para suas conterrâneas.


Mais alternativas, temos a sueca Lykke Li, que explodiu a alguns anos atrás com "I Follow Rivers", e a norueguesa AURORA, que vem ao Brasil em outubro desse ano para cantar hinos como "Running With The Wolves".

Pouquíssimo conhecidas ainda, as suecas Peg Parnevik, Ingrid e Noonie Bao e as norueguesas Dagny e Julie Bergan não tem muitas músicas em seu currículo, mas as poucas que tem causaram um impacto na gente e nos fizeram ter certeza de que, em alguns anos, vamos começar a ouvir falar muito delas por aí. 



Tem mais! Icona Pop, Tove Styrke, Rebecca & FionaMartin Jensen, Matoma e muitos outros artistas escandinavos, do pop ao eletrônico, passando ainda por um pouquinho de R&B, você encontra aqui, na nossa playlist. Pisa menos, escandipop!