O 1º dia da CCXP 2016 foi INSANO e Natalie Dormer é a maior feminista que a gente respeita

Se a primeira impressão é sempre a que fica: que feirona da PORRA!


O maior evento que celebra a cultura pop no Brasil começou ontem, e se a primeira impressão é sempre a que fica: que feirona da PORRA! Decidimos neste primeiro dia andar por toda a feira, conhecer alguns dos estandes principais e, quem sabe, tentar a sorte em algum painel. Felizmente, pudemos ver Natalie Dormer arriscando palavras no português, sendo fofa e uma grande feminista.

Assim que colocamos o pé na São Paulo Expo, sentimos o quão grande o evento está. Sério. São MUITOS estandes e boa parte deles com algo para fazer ou um brinde para ganhar. Também tem as lojinhas, de "Harry Potter" à Iron Studios, e uma caralhada de gente enfrentando horas de fila para conseguir comprar aquele colecionável que custa vários salários mínimos.

Talvez o estande mais divertido de toda a feira seja da Netflix. O serviço de streaming disponibilizou uma enxurrada de brincadeiras recheadas de prêmios. Tem um "Cara A Cara" com os personagens de suas séries originais; uma cabine para soltar AQUELE spoiler entalado na garganta; um joguinho bem amorzinho para derrubar personagens com bolinhas. O mais legal de todos era o de "Stranger Things", no qual o participante tem que decorar uma série de letras na parede e depois reproduzi-la em uma tela.


Novamente, a Warner trouxe o uniforme da Mulher Maravilha, porém em sua última versão — filme solo, além do uniforme da série de TV. A riqueza de detalhes é bizarra. Conseguimos ver toda a dedicação da equipe de figurinistas nas peças. LINDÃO! Ah!, também tem outros váaaaarios figurinos, como o do quarteto principal de "Animais Fantásticos".

Não pudemos neste primeiro dia aproveitar tudo que ofereciam nos estandes, mas numa primeira olhada, nos próximos três dias faremos umas coisinhas bem legais. Cogitamos dar um salto de fé na Fox Film, tirar fotinha com o bastão do Negan, fazer uma tatuagem (de mentirinha) com o pessoal de "Esquadrão Suicida", jogar alguns dos vários games disponibilizados pela feira e por aí vai!

Um ponto interessante é a vontade da CCXP em se tornar abrangente para conquistar um público tão diverso quanto. Games, séries de TV e cinema sempre estiveram com uma presença forte, enquanto o mundo dos animes, mangás e afins acabavam ficando ofuscados. Na edição deste ano é diferente. A feira está com um espaço gigantesco dedicado aos otakinhos, tendo como atração principal as 12 Armaduras de Ouro dos "Cavaleiros dos Zodíaco", pela primeira vez sendo exibidas fora do Japão.

Depois de andar bastante, resolvemos ir para a fila que leva até o Auditório Cinemark, prontinhos para "Game of Thones". Pouco antes do painel da série da HBO, estava rolando um painel com Vin Diesel e Nina Dobrev para a divulgação de "xXx: Reativado", e de lá da fila ficamos sabendo que eles iriam para o tapete vermelho em frente ao auditório para causar um pouco.

Com um incentivo do Forlani, membro do Omelete e um dos animadores, o pessoal foi correndo e se amontoando cada vez mais para ver de perto a estrela de "Velozes e Furiosos" e a moça de "Vamparie Diares". Foi insano! Todo mundo gritando, esperneando e até mesmo chorando pelos dois. SOCORRO!

Momentos depois da euforia, nos encontramos dentro do auditório e não demora muito para o painel de "Game Of Thrones" começar, dividido em três partes. Na primeira conhecemos William Simpson, o cara por atrás do storyboard da série, enquanto na segunda Sven Martin, que nos contou todo o processo de criação dos dragões da Daniela, e caramba!, como é complicado, vocês. não. têm. ideia. Claro, o melhor ficou para o final com a maravilhosa Natalie Dormer.


A moça já conquistou nossos corações ao entrar soltando um "oi, tudo bom?" bem fofinho, e foi nos conquistando por completo ao se mostrar gente como a gente e grande fã da série. Natalie contou que o elenco vive comentando sobre o quão grandiosa a série ficou, tornando-se um grande fenômeno; segundo a atriz de "Jogos Vorazes", foi uma surpresa todo esse sucesso. Ela também falou que somos incríveis, em português inclusive, e que sem nós "Game Of Thrones" não seria nada.

Quando questionada sobre o papel da mulher na TV e cinema, cada vez mais em destaque, ela disse que perceberam que colocar a mulher em grandes papéis é tão lucrativo quanto estes mesmos papéis destinados aos homens. E falando rapidamente sobre feminismo, Natalie falou algo que é sempre bom reforçar: é uma questão de igualdade, não da mulher acima do homem. RAINHA DEMAIS!

E é isso, gente! Estaremos nos próximos 3 dias em nosso Twitter e Snapchat (portalitpop) com uma cobertura gostosinha em tempo real. Também vai rolar um resumo diário dos painéis e principais novidades divulgadas por lá. Outros materiais serão lançados pós-feira, mas o conteúdo fica em segredo por enquanto.