Recap | X Factor UK 2016: doces, travessuras, boas e más performances no Halloween


Foi ao ar, ontem (29), no UK, mais um liveshow da atual temporada de The X Factor. 

Sob o tema "Fright Night", em comemoração ao Halloween, nosso Top 9 deveria dar a vida em performances que tivessem a ver com o tema, além, lógico, das customizações bizarras que vemos todo ano. Entre gostosuras e travessuras, será que o seu favorito se saiu bem? Cola com a gente e descubra em mais uma Recap:

Gifty Louise - "I'm in Love with a Monster" (Fifty Harmony)


Abrindo a noite, tivemos Gifty disputando com Tamires, do X Factor BR, quem canta mais músicas de um único artista na mesma temporada. Pela terceira (!!!) vez a moça escolheu algo das 5H pra cantar – com tanta música boa pra essa semana, te dão logo essa, fia? – e fez o que "dava". Ainda que tenha sido divertido e bem cantado, foi longe de ser memorável. Na verdade, achamos a mais fraca dela até aqui na competição. A sorte, é que tem gente ainda pior, senão, nem surpreenderia um bottom.

Matt Terry - "I Put a Spell on You" (Nina Simone)


Vocalmente, Matt tem sido bem consistente semana à semana. Nessa, em específico, não semitonou como na anterior, muito menos abusou dos falsetes (há quem goste, mas é um recurso enfadonho se utilizado em excesso) e fez uma boa performance, até. Por outro lado, incomoda bastante o direcionamento que Nicole tem dado a ele. Matt tinha tudo pra mirar num Olly Murs, mas preferiram seguir um caminho de Matt Cardle pra ele, o que faz com que se torne pevisível e "boring" a cada sábado, principalmente porque sabemos que ele tem potencial para ir além. Terry mantém o favoritismo ainda, justamente porque é linear. Pra competição, é ótimo. Mas pensando nele como artista, isso tende a atrapalhar. E se serve de conselho, já vimos exemplos, na temporada passada mesmo, que por mais favorito que seja, ficar limitado à boa voz, fofuras e falsetes, podem te derrubar mais à frente. Aguardemos os próximos passos porque acreditamos no Matt. 

Só um comentário sobre esse olhar:

Resultado de imagem para gif abanando


5 After Midnight - "Thriller" (Michael Jackson)


O começo da performance foi interessante e com palco/efeitos bem aproveitados. O meio foi "boring", principalmente porque essa música não era a melhor pra eles, justamente por ser difícil de harmonizar. Da parte com coreografia, pro fim, cresceram de novo e deixaram o saldo positivo. Pro pouco tempo juntos – menos de 4 meses –, Kieran, Nathan e Jordan, têm muito potencial pra emplacarem e, obviamente, vão oscilar dentro da competição, principalmente sem uma escolha de música adequada ao tipo de artista que querem ser. Pra próximas semanas, Louis poderia dar uma atenção maior aos meninos e, quem sabe, dar algo contemporâneo para arrasarem e não serem só mais uma boyband de reality show.

Honey G - "Men in Black" (Will Smith)


Quem, em sã consciência, lá na Audition, diria que Honey G seria uma das melhores coisas dessa temporada? Hahahaha. A mulher, de potencial "joke act", já provou, há tempos, que é, sim, interessante pra competição e que não só os jurados compraram sua proposta, como o público também, a ponto de conseguirmos enxergá-la, no mínimo, numa semifinal. E sem bottom. Carismática, enérgica e ótima no que se propõe, G é mais que necessária nesse programa.

Ryan Lawrie - "Everybody" (Backstreet Boys)


Tá certo que estamos na "Fright Night", mas que coisa medonha foi essa, gente? Ryan já tá fazendo hora extra no programa. Pelamor da Rainha, UK, não garantam esse menino mais uma semana pelo "flash vote". Ele não merece.

Sam Lavery - "Total Eclipse of the Heart" (Bonnie Tyler)


É uma pena que Simon esteja fazendo de Sam alguém tão datada com essas escolhas. É inegável que ela canta muito e tem um perfil comercial, mas tem zero identidade artística – o que tem ficado evidente a cada semana. Será que custa dar algo contemporâneo e pop rock pra Samzinha enfim desenvolver seu potencial?

4 of Diamonds - "Ghost" (Ella Henderson)


Sério mesmo que nas JH encheram o saco por Louis ter eliminado essa girlband? Encheríamos o saco por elas terem tirado a Relley C (não que fosse extraordinária) semana passada, porque essas meninas são muito sem graça. Performance sem vida, todas paradas e individualmente bem falha. O negócio amanhã é tirar Ryan. Na semana seguinte já pode eliminar a girlband que nem era pra tá aí.

Resultado de imagem para gif cê nem tinha que estar aqui linda

Saara Aalto - "Bad Romance" (Lady Gaga)


Como os jurados disseram, Saara resolveu abraçar de vez a loucura. E não é que isso, no fim das contas, pode ser bom? Como já falamos, mantemos uma relação de amor e ódio com ela. Hoje, assim como semana passada, ela foi teatral, pegou uma música difícil, repleta de elementos cênicos na performance e fez outra apresentação ótima. Dá pra ver no semblante dela o quanto o programa lhe faz bem e o quanto ela quer estar ali. Em nome de Ryan Lawrie, não eliminem essa mulher amanhã!

Emily Middlemas - "Creep" (Radiohead)


Essa música maravilhosa deveria ter ido pra Sam e não pra Emily, que deixou tudo tão, mas tão insosso, que assim como o namorado dela já tá fazendo hora extra ali também. Que morte horr...! Tem como mandar Emily de volta e trazer Caitlyn Vanbeck, gente? 

Resultado de imagem para nicole scherzinger dormindo gif

★★★

Então, gente, foi isso. Foi um live médio pra bom, mesmo que com pouquíssimos destaques (e muita exigência da nossa parte haha). Agora com a competição afunilando mais, esperamos que o nível volte ao topo das duas primeiras semanas – as melhores até aqui.

Entre os positivos, destacaríamos Saara e Honey G. Matt, 5AM, Gifty, Sam e Emily, possuem torcidas grandes, o que os livra de chance no Bottom nessa e pelas próximas semanas – a menos que um desastre aconteça. Com isso, é praticamente certo que tenhamos Ryan e 4 of Diamonds entre os menos votados. Como precisam de um terceiro nome, provavelmente teremos um "shock value" logo mais (não acreditamos em Saara de novo entre os menos votados). Apostaríamos em Sam ou Emily. E vocês?

Lembrando ainda que no programa de logo mais, teremos, além dos Resultados, performances de Bruno Mars com o hit "24K Magic" e o retorno da campeã do ano passado, Louisa Johnson, com seu ótimo single de estreia, "So Good".

Até logo mais!
Tecnologia do Blogger.