Fergie forma um esquadrão com Kim Kardashian e outras mães podero$as no clipe de “M.I.L.F. $”


Os dias de Taylor Swift e seu esquadrão estão contados! Foi no clipe de “Bad Blood” que a cantora revelou o seu squad, formado por nomes como Selena Gomez, Ellie Goulding e Cara Delevingne, e depois de muitos brigarem por um espaço na sua mesa do recreio, Fergie chegou com uma turma que todos REALMENTE gostariam de fazer parte.

O clipe do seu single de retorno com o álbum “Double Dutchess”, “M.I.L.F. $”, foi lançado nessa sexta-feira (01) e, na superprodução, a cantora chega formando o seu esquadrão de mamães super podero$as, com a participação de Kim Kardashian, Ciara, Alessandra Ambrosio, Amber Valetta, Angela Lindvall, Chrissy Teigan e Devon Aoki.

Com uma estética colorida, o clipe é grandioso em todos os sentidos, com Fergie encarnando papeis que vão da professora sexy à mãe bela, recatada e do lar, enquanto exalta a sua beleza e de todas as amigas de seu squad que, sem dúvidas, são mulheres poderosas, independentes e não precisam de homem nenhum.

Se tratando de Fergie, “M.I.L.F. $” exala sensualidade e, numa brincadeira com os dias atuais, no qual tudo se baseia a sua audiência na internet, a cantora personaliza a sigla do seu título, trocando “Moms I’d Like To Fuck” (“Mães Que Eu Gostaria de Foder”) por “Mom’s I’d Like To FOLLOW” (“Mães Que Eu Gostaria de Seguir), encerrando o vídeo com as fotos de todas no Instagram @milf.money, criado especialmente para a divulgação do vídeo.

Puta ação genial, sim ou claro?


Um ponto muito legal desse single da Fergie, é que, de maneira bem divertida, ela levanta a bandeira em prol das mães e mulheres mais velhas, que sofrem bastante preconceito quando querem explorar a sua sensualidade e, se tratando do meio artístico, também sofrem na busca por um público, havendo diversos casos de boicotes em rádios e emissoras de TV, que já atingiram nomes como Madonna e Jennifer Lopez, por exemplo.

Essa volta da Fergie é um verdadeiro acontecimento.
Tecnologia do Blogger.