O Billboard Music Awards 2016 foi maravilhoso (só algumas atrações que não); saiba o que a gente achou!

Gente do céu, o que foi o Billboard Music Awards 2016?

Como adiantamos algumas horas antes da premiação, já estávamos esperando um evento de tirar o fôlego, até porque, com atrações como aquelas, não tinha como ser diferente, mas precisamos dizer que superaram nossas expectativas e, pelo incrível que pareça, as melhores performances foram justamente aquelas que sequer imaginávamos que poderiam nos surpreender.

Pra não arranjar problemas com o Jay Z e seus amigos, não disponibilizaremos players não oficiais dessa vez, mas pelo menos os comentários vão rolar, tá? 

Billboard Music Awards britney spears bbmas 2016 billboard music awards 2016 stripping

Quem abriu o show foi a Britney Spears e é aquele ditado, né? Ninguém assiste uma performance dela esperando ouvir um puta vozeirão, mandando AQUELE ao vivo, mas ela arrasa no palco mesmo com o microfone desligado e, sem single novo, surpreendeu os fãs por duas músicas inusitadas: “Breathe On Me” e “Touch Of My Hand”. Seu medley também contou com “Work Bitch” e os hits “Womanizer”, “I Love Rock N’ Roll”, “I’m A Slave 4 U” e “Toxic”.

Billboard Music Awards britney spears bbmas 2016

A apresentação do Shawn Mendes foi tão sem graça, que a gente mal percebeu que não se tratava de alguma propaganda ruim, mas tá, adoramos o menino. Ele cantou o hit “Stitches” e, pouco depois, aproveitou o buzz pra divulgar uma prévia do single novo, que define bem o que esperávamos de uma apresentação dele: “Better”. Olha só:



Se já não bastasse a Camila Cabello, essa performance de “Work From Home”, com as Fifth Harmony, ficou numa linha bem tênue entre o arriscado e realmente cagado, graças às integrantes que pareciam brigar para ver quem chamava mais a atenção do público. No disco anterior, “Reflection”, elas trabalhavam bem o conceito de grupo, mas agora estão num desespero por atenção que torna a performance tragicômica. Camila continua sendo a mais vergoinha, de qualquer forma.

Billboard Music Awards fifth harmony 2016 bbmas 2016 award show

Meghan Trainor foi a primeira performance com o microfone ligado que realmente nos animou. A menina, que acabou de lançar o disco “Thank You”, cantou o melhor single da sua carreira, “No”, e fez uma performance de tirar o fôlego. Nós reconhecemos o seu esforço. Há teorias de que ela não apresentou “Me Too” pra que a Britney não descobrisse o plágio de “Trouble For Me”. Imagina só, ela dançando e, de repente, “ué, essa música é minhaney!”.

Billboard Music Awards meghan trainor bbmas 2016 billboard music awards 2016

O palco fez todo o trabalho pelo Justin Bieber. Em um dos melhores momentos de sua carreira, com o disco “Purpose”, o canadense está meio de saco cheio desse meio e tem deixado esse desinteresse muito claro no palco. Lamentamos, porque ele tinha tudo para aproveitar esse momento em alta para continuar reerguendo seu nome, mas não há muito o que fazer. Sorry.

Billboard Music Awards justin bieber 2016 bbmas 2016 award show

P!nk é chegada numa coisa circense, né? “Just Like Fire” não nos conquistou rapidamente, mas sua performance foi IMPECÁVEL e fez com que não tirássemos os olhos da tela por um só momento. Arrasou DEMAIS. Elevou o nível da premiação.



Nick Jonas e Tove Lo passaram uma vergonha danada com “Close”. A música é MARAVILHOSA e isso jamais contestaremos, assim como o talento dos dois, que já mostraram o quanto são bons em momentos anteriores, mas juntos nesse palco a história foi outra. Um não soube acompanhar o outro e, juntos, perderam a linha da música. Deu a impressão de que não tiveram tempo para ensaiar o que seria apresentado. Difícil defender.



A cantora, atriz, compositora e confiante, Demi Lovato, trouxe todo o seu vozeirão em “Cool For The Summer”, nos lembrando da razão de ser uma das grandes apostas para o futuro da música pop. Ela será tipo a Christina Aguilera da próxima geração, enquanto a Selena Gomez será a Britney. Adoramos o momento final, em que ela reinventou a canção enquanto mandava uma high note claramente emprestada da hitmaker de “Beautiful”.

Billboard Music Awards demi lovato bbmas 2016 billboard music awards 2016

Lukas Graham é um fofo, né? O único problema é que a apresentação de “7 Years” pareceu durar sete anos e depois a música ainda ficou tocando na nossa cabeça. Que tortura.

Nós escolhemos amar a Gwen Stefani e o Blake Shelton. O casal mais fofo do The Voice apresentou o novo single do cantor, “Go Ahead and Break My Heart” e amavelmente nos destruíram, com uma das apresentações mais maravilhosas da noite. Stefani podia ter aproveitado pra divulgar algo do disco “This Is What The Truth Feels Like”, mas deixou passar. O casal já tinha apresentado o mesmo dueto no reality show que são jurados:



O sucesso do Joe Jonas e a banda DNCE é facilmente explicado quando eles sobem no palco. A química desses caras – e da moça – ao vivo é TÃO contagiante que nós toparíamos passar todo um dia escutando-os tocar. Eles apresentaram o hit “Cake By The Ocean”, mas há pouco começaram também a divulgação do seu novo single com o EP “SWAAY”, “Toothbrush”.



No fim das contas, Kesha foi liberada para se apresentar nos BBMAs e, como adiantou pelo Instagram, cantou uma versão de “It Ain’t Me, Babe”, do músico Bob Dylan. A apresentação foi simplesmente perfeita e há boatos de que nos fez chorar, mas só boatos. Não vemos a hora de tê-la de volta! #FREEKESHA.



Caralho, Rihanna! De longe, a melhor premiação da noite. Rihanna não cantou os singles “Work”, “Kiss It Better” e “Needed Me”, mas sim a inusitada “Love On The Brain”, nessa que foi também uma das suas melhores apresentações televisionadas desde que começou a promover o disco “ANTI”. Ela é uma das maiores artistas da geração atual.

Billboard Music Awards rihanna singing bbmas 2016 grooving

Homenageada por ser um grande ícone, a cantora Celine Dión, que há pouco passou por um duro momento na sua vida, fez uma emblemática performance de “The Show Must Go On”, da banda Queen. Não conseguimos segurar o choro diante de um momento tão emocionante.

O jabá do Troye Sivan nos rendeu uma das melhores apresentações da noite. “Youth” é uma música maravilhosa. E quem emendou no menino foi a banda The Go-Go’s, qual muita gente fingiu não conhecer, pra não denunciar a real idade.

ARIANA GRANDE é a melhor coisa que poderia nos acontecer nesse ano. Nossa “Dangerous Woman” era uma das atrações mais aguardadas por nós e chegou com um medley de “Dangerous Woman” e seu novo single, “Into Hino”. A apresentação começou meio “ué”, mas terminou com toda a grandiosidade que sua nova música de trabalho pede. Arrasou.

Abaixo, você pode assisti-la apresentando o hino para a Vevo:



Pra fechar, a rainha do pop, Madonna, apresentou um controverso tributo ao cantor Prince. Acompanhada do Stevie Wonder, a hitmaker de “Bitch I’m Madonna” performou os sucessos “Nothing Compares 2 U” e “Purple Rain” e, ainda que tenha dado certos deslizes vocais, entregou uma performance maravilhosa e feita de uma maneira bastante singular, o que foi bem melhor do que se ela tentasse repetir os trejeitos do cantor ou apresentar algo mais marcante de sua carreira. Não é à toa que a chamam de rainha, né?

Billboard Music Awards madonna bbmas 2016 billboard music awards 2016 prince tribute

No meio de tantas apresentações, até nos esquecemos que havia uma premiação acontecendo, mas rolou. O maior vencedor da noite foi o cantor The Weeknd, com OITO troféus, e alguns dos principais prêmios ficaram nas mãos da Adele, que não pode comparecer ao evento. 



Confira a lista de vencedores completa:

Top Artist: Adele
Top New Artist: Fetty Wap
Top Male Artist: Justin Bieber
Top Female Artist: Adele
Top Duo/Group: One Direction
Icon Award: Celine Dion
Millenium Award: Britney Spears
Billboard Chart Achievement Award: Rihanna
Top Billboard 200 Artist: Adele
Top Hot 100 Artist: The Weeknd
Top Song Sales Artist: The Weeknd
Top Radio Songs Artist: The Weeknd
Top Streaming Songs Artist: The Weeknd
Top Social Media Artist: Justin Bieber
Top Touring Artist: Taylor Swift
Top R&B Artist: The Weeknd
Top Rap Artist: Drake
Top Country Artist: Luke Bryan
Top Rock Artist: twenty one pilots
Top Latin Artist: Romeo Santos
Top Dance/Electronic Artist: David Guetta
Top Christian Artist: Hillsong United
Top Gospel Artist: Kirk Franklin
Top Billboard 200 Album: Adele – “25”
Top Soundtrack: “Pitch Perfect 2”
Top R&B Album: The Weeknd – “Beauty Behind the Madness”
Top Rap Album: Meek Mill – “Dreams Worth More Than Money”
Top Country Album: Chris Stapleton – “Traveller”
Top Rock Album: twenty one pilots – “Blurryface
Top Latin Album: Juan Gabriel – “Los Dúo”
Top Dance/Electronic Album: Zedd – “True Colors”
Top Christian Album: Lauren Daigle – “How Can It Be”
Top Gospel Album: Kirk Franklin – “Losing My Religion”
Top Hot 100 Song: Wiz Khalifa feat. Charlie Puth – “See You Again”
Top Selling Song: Adele – “Hello”
Top Radio Song: Walk the Moon – “Shut Up and Dance”
Top Streaming Song (Audio): The Weeknd – “The Hills”
Top Streaming Song (Video): Silentó – “Watch Me”
Top R&B Song: The Weeknd – “The Hills”
Top Rap Song: Wiz Khalifa feat. Charlie Puth – “See You Again”
Top Country Song: Thomas Rhett – “Die A Happy Man”
Top Rock Song: Walk the Moon – “Shut Up and Dance”
Top Latin Song: Nicky Jam & Enrique Iglesias – “El Perdón”
Top Dance/Electronic Song: Major Lazer & DJ Snake feat. MØ – “Lean On”
Top Christian Song: Hillsong United – “Oceans (Where Feet May Fail)”
Top Gospel Song: Kirk Frankin – “Wanna Be Happy?”

É isso aí.
Tecnologia do Blogger.