No topo da Hot 100, a música “Panda”, do rapper Desiigner, é uma fraude

Se tornando um influente cada vez mais forte nas paradas, o Spotify começou a ditar o que entra ou não para as listas da Billboard e, após ser um dos principais motivos que levaram Kanye West e Rihanna para o topo das paradas, com seus respectivos novos álbuns, ajudou a emplacar o primeiro hit de hip-hop do ano: “Panda”, do rapper Desiigner. Mas a notícia não agradou todo mundo.

O grande problema para maioria é que, no fim das contas, a música é uma fraude. Pra começo de conversa, um dos poucos versos da música é a primeira grande mentira, já que ele canta sobre ter suas mulheres em Atlanta e sequer veio de lá, tendo nascido e crescido no Brooklyn, Nova York, e a segunda, sendo talvez um dos principais motivos do seu sucesso, é o fato do cara ser uma cópia descarada do Future, tanto na forma como rima quanto em todos seus trejeitos vocais. Não ficaremos surpresos se você tiver acabado de descobrir que a música, que até é boa, não era dele.


Apesar de ter se tornado um hit apenas agora, “Panda” já está aí há algum tempo. A música foi lançada em dezembro do ano passado, mas relançada em fevereiro, quando foi descoberta pelo Kanye West, que logo tratou de sampleá-la na canção “Father Stretch My Hands, Pt II”, do disco “The Life of Pablo”.


E bastou isso pra que ela entrasse no radar dos fãs do hip-hop atual e, pelo incrível que pareça, conseguir o que Future não teve a oportunidade de fazer, chegando ao topo da Billboard Hot 100.

Na próxima sexta-feira (29) tem disco novo do Drake, que vem emplacando um hit atrás do outro e também contando com bastante números vindos de streaming, o que deve tornar a disputa pelo topo bem interessante. Pelo menos com o Drake, a autenticidade estará garantida.
Tecnologia do Blogger.