8 personagens fodas que provam que quem manda no cinema são as mulheres


O cinema vive de momentos, eras marcadas por uma leva de filmes que se interligam um ao outro que, sem querer, ditam uma tendência. Um exemplo simples é o famigerado found footage. Não é um gênero novo, sabemos, mas foi só com "Atividade Paranormal" que aquela overdose de longas filmados com câmera de mão surgiu, tornando o estilo uma das coisas mais chatas do cinema.

Agora deu de Hollywood ser o lugar mais feminista do mundo. Você já parou para pensar quantos longas você anda vendo em que temos protagonistas mulheres? E não é um simples personagem, que um dia fora estereotipado, objetificado ou bem qualquer coisa. Temos personagens profundos, que zombam de si mesmas ou que estão em filmes de públicos-alvos masculinos, mas que trazem as gurias às salas de cinema.


Hoje é dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, e, por causa disso, resolvemos fazer uma lista com 8 personagens fodas que provam que quem manda no cinema são as mulheres — e no mundo também, né, Beyoncé? Seremos sinceros, a lista quase foi baseada em personagens nos quadrinhos, mas nós seguramos a mão e deixamos só duas. Ah, decidimos pegar personagens atuais, abrindo uma única exceção.

Ah, esse post pode conter alguns spoilers. Nós te avisamos.

Vamos lá!



Mulher Maravilha, "Batman VS Superman: A Origem da Justiça"

E a primeira delas chega aos cinemas no final deste mês, então é válido colocá-la, certo? Certo. A personagem, hoje interpretada pela belíssima Gal Gadot, fez sua primeira aparição nas HQs em All Star Comics #8, um pouquinho longe da versão que veremos nas telonas, que é baseada nos Novos 52, uma série de ações da DC para promover o relançamento de sua linha editorial. Vimos bem pouco da moça do filme, que nem estreou, mas o pouco que vimos mostra quem é a verdadeira dona da liga, salvando a pele dos dois maiores ícones da DC Comics.


Elsa, "Frozen"

Okay, você pode não querer brincar na neve ou ter cansado de ouvir "Let It Go", mas com toda certeza você deve concordar que a Elsa é uma das personagens de animações mais fodas já criadas. Tudo relacionado ao gelo é com ela mesma. Faz monstro assustador pra espantar as inimigas — não que seja o caso de sua irmã —, faz boneco de neve fofinho que gosta de abraços quentinhos, cria um castelo e um vestido de gelo. Ela é praticamente o Homem de Gelo de vestido, só que sem ser taxada como mutante.


Katniss, "Jogos Vorazes"

O arroz de festa dessas listas, né? Mas é aquele ditado: vamo fazê o quê? A garota em chamas foi posta em um jogo até a morte, em que viu amigos morrerem e, sem alguma intenção, acabou tornando-se o símbolo de uma revolução — quase uma líder, na verdade. Também acabou com um sistema opressor governado por Presidente Snow e também impediu que um outro sistema opressor ganhasse vida cortando o mal pela raiz.


Viúva-Negra, qualquer filme da Marvel em que ela esteja

A Viúva Negra apareceu pela primeira vez nos cinemas em "Homem de Ferro 2", numa participação pra lá de tímida com suas madeixas ainda cacheadas. Mais tarde, ela começou a ganhar importância no Universo Cinematográfico Marvel, sendo co-protagonista em "Soldado Invernal" e vingadora nos filmes que juntaram os principais heróis da Marvel nas telonas. Natasha Romanoff já foi vilã, é perita em armas de fogo e artes maciais e usa sua sensualidade como arma.


Hermione, "Harry Potter"

É claro que não poderíamos esquecer de nossa bruxa favorita, né? Vocês usariam a maldição cruciatus na gente caso deixássemos ela de fora, nós sabemos. Todo mundo sabe que sem Hermione, Harry e Rony não passariam de "A Pedra Filosofal". Ela entende de tudo um pouco sobre magia. Na verdade, mais que muito bruxo de sangue puro, viu?


Rey, "Star Wars: O Despertar da Força"

"Abandonada em Jakku", "com pais desconhecidos" e "a escolhida da Força" são boas definições para Rey, a protagonista de "Star Wars VII". Como outras nesse momento feminista de Hollywood, a atriz Daisy Ridley encarnou a personagem principal de uma saga totalmente voltada para o público masculino e não decepcionou nem um pouco. Rey é forte, habilidosa, derrotou um dos últimos Siths existentes na Galáxia, Kylo Ren, e promete ser uma adição muito bem-vinda à saga.


Joy, "O Quarto de Jack"

Essa aqui é nossa única "mulher normal" da lista. Ela não tem poderes, não é uma espiã, não está destinada a grandes feitos, deu gás a uma revolução ou sequer salvou vidas de outras mulheres que viviam sobre o domínio de um tirano. MAS Joy passou por tanta coisa que ela é digna de estar nesta lista. Passou anos trancafiada num quarto de minúsculos 10m², cuidou de seu filho nesse meio tempo, e ainda teve de lidar com um pós-trauma.


Furiosa, "Mad Max: Estrada da Fúria"

Quase um ano após "Mad Max: Estrada da Fúria" e todo mundo já se conformou com o fato de que o protagonista da franquia é praticamente deixado de lado para dar espaço a poderosa, foderosa pra caralho Furiosa. A personagem interpretada por Charlize Theron aparece tão tímida que nem parece que vai pegar o filme para si no desenrolar da trama. Surge com um simples plano de salvar as noivas de Immortan Joe — que acaba até inspirando as mesmas, fazendo-as descobrirem forças inimagináveis — e depois acaba tornando-se parte de algo maior. Tudo isso sem contar que ela é uma personagem feminista num filme pra marmanjão. Ah, eu já falei que ela tem um braço mecânico?

///

Então é isso, gente! Gostaram? Faltou alguma personagem super importante e fodona, né? Deixem nos comentários quem vocês acham que faltaram e contem também o que acharam da lista.
Tecnologia do Blogger.