A salvação de Yeezus: após disco de Kanye West, Tidal conquista o dobro de usuários

Kanye West deve estar feliz da vida!

O rapper, que lançou neste mês o disco “The Life of Pablo” (ouça no Tidal), com participações de nomes como Rihanna, Frank Ocean e The Weeknd, tem se dedicado assiduamente ao Twitter, aonde desabafa, discute e, entre outras coisas, pede alguns milhões ao dono do Facebook, Mark Zuckerberg, mas tirando essa bagunça que ele tem feito pela rede social, Kanye West também conseguiu algo grande: a ascensão do Tidal.

Já faz algum tempo que a plataforma de Jay Z vem sendo promovida por meio de lançamentos exclusivos e, nessa brincadeira, já rolou clipes da Beyoncé e até disco da Rihanna com exclusividade por lá, entretanto, foi com o lançamento do “The Life of Pablo” que o Tidal, literalmente, dobrou seu número de usuários, partindo de 1 milhão para 2,5 milhões de ouvintes.

A grande procura pelo Tidal também está relacionada ao fato de Kanye West confirmar que seu disco não será lançado em nenhum outro formato, o que inclui o disco físico em lojas: ou seja, você escuta na plataforma do Jay Z ou simplesmente não escuta — legalmente falando, é claro.


Com o sucesso do “The Life of Pablo” e grande número de canções descartadas do projeto, Kanye West parece bastante animado em estúdio e, pelo Twitter, anunciou que lançará ainda esse ano mais um disco. Há especulações de que ele e Jay Z voltarão ao projeto “Watch The Throne”, que rendeu um hinário de mesmo nome em 2011, enquanto muitos apostam numa segunda edição do próprio “T.L.O.P.”, repensado para as lojas.

O crescimento do Tidal está apenas começando. Como falamos há alguns dias, a plataforma tem sido uma importante ferramenta nas mãos de grandes artistas negros que, pela primeira vez, estão se posicionando contra o racismo na indústria americana, e pelos próximos meses deve contar com outras atrações exclusivas, que deverá atrair ainda mais público. A benção de Yeezus, eles já têm.
Tecnologia do Blogger.