It Charts: Zayn destrói nos charts e estreia no topo dos EUA e do Reino Unido, enquanto Rihanna sobe nas duas tabelas!


Depois do Furacão Bieber, tempestade iniciada em novembro e que causou estragos até há pouco nos charts britânico e americano, uma nova tempestade chegou e ofuscou o poderio de destruição Bieberístico. ZAYN is the new black. O ex-1D estreou seu single de estreia da carreira solo no topo da Billboard Hot 100 e da UK Charts, deixando qualquer Bieber morrendo de inveja. Destruidor mesmo, hein? Para ver todos os detalhes da destruição e ainda dar uma olhada no que mudou essa semana (foi bastante coisa, viu?), se joga na coluna!


Para os que preferem um som mais alternativo, aqui é o lugar. A UK 100 Singles mudou como não mudava há bastante tempo, com novos sons eletrônicos e baladinhas que estão com tudo e prontas para hitar, vê só!

10º lugar
"When The Bassline Drops", Craig David & Narstie (+4)
Última semana: 14º / Semanas na parada: 10

Demorou 10 semanas, mas finalmente a parceria de Craig David e Narstie atingiu o top 10. Eletrônica até o talo, é daquelas que com certeza não faltam nas aulas de spinning. "Se não é pra ralar *insira aqui o orgão genital de sua preferência* no chão, nem chama", pensam os britânicos.



9º lugar
"History", One Direction (-3)
Última semana: 6º / Semanas na parada: 11

A gente bem que desconfiou se "History" iria ou não emplacar acima da 6ª posição, onde esteve por três semanas. Bom, a respostas veio hoje. Menos três degraus para os meninos da 1D e seu provável último single. Uma pena, porque de coração não há quem resista a esse clipe tão fofinho dos melhores momentos dos meninos nestes 4 anos de carreira.


8º lugar
"All My Friends", Snakehips feat. Tinashe & Chance the Rapper (-3)
Última semana: 5º / Semanas na parada: 9

A radiofônica parceria da princesa do alt-R&B americano, do Snakehips e do Chance the Rapper provou sua capacidade de ser hit semana passada ao chegar no top 5, mas perdeu força nesta atualização e voltou 3 casas, de volta ao 8º. A gente realmente torce para que o jogo vire novamente, dessa vez ajudando o trio.



7º lugar
"Sorry", Justin Bieber (-3)
Última semana: 4º / Semanas na parada: 15

O segundo single do "Purpose" continua no top 10, mas sem toda a força que tinha há umas 2 ou 3 semanas. Pena, né? Mas todo hino tem sua ascensão, reinado e queda. Pelo menos em nossos corações esse som vai continuar tocando por muito tempo.



6º lugar
"7 Years", Lukas Graham (+18)
Última semana: 24º / Semanas na parada: 2

A baladinha "7 Years" tem se mostrado uma aposta certa para Lukas Graham. A música entrou no chart semana passada no top 30 e voou para o top 10, mais precisamente a este sexto lugar. E do jeito que os britânicos não resistem a uma música mais calma, é bem provável que esse som continue por aqui e cresça a partir de agora.



5º lugar
"Love Yourself", Justin Bieber (-3)
Última semana: 2º / Semanas na parada: 12

"Love Yourself" chegou ao topo do chart britânico antes mesmo de ser single, há sete semanas. Mas parece que, naturalmente, a canção perde a força que tanto tinha por aqui e começa a dar sinais de fraqueza. A maior ladeira da semana vai pra Bieber com seu terceiro single. Que venha o quarto. Qual será?



4º lugar
"Work", Rihanna feat. Drake (+9)
Última semana: 13º / Semanas na parada: 2

Em apenas um dia, "Work" conseguiu entrar na 13ª posição da UK Chart semana passada. Nesta semana, a música chegou ao top 5, direto ao 4º lugar. A gente não sabe bem se o single vai hitar ainda mais por aqui ou se a tendência é se estabilizar. De qualquer forma, a parceria com Drake já alcançou um pico maior que nos EUA.



3º lugar
"Stitches", Shawn Mendes (-2)
Última semana: 1º / Semanas na parada: 19

Pontos não cicatrizam nossos corações com a queda de Shawn Mendes e sua maravilhosa "Stitches". A música chegou à liderança semana passada, mas com a estreia de Zayn, caiu duas posições e ficou com a medalha de bronze. Será que o canadense de recupera e volta, pelo menos, à vice-liderança?


2º lugar
"Fast Car", Jonas Blue & Dakota (+1)
Última semana: 3ª / Semanas na parada: 3

Quando alguém investe na eletrônica no Reino Unido, não tem pra ninguém: é hit! "Fast Car", single de Jonas Blue & Dakota, está aqui pra provar isso. Eles chegaram superaram Shawn Mendes e chegaram à vice-liderança da tabela essa semana.



1º lugar 
"Pillowtalk", Zayn (ESTREIA)
Última semana: - / Semanas na parada: 1

SEGURA ESSE HIT! Com seu lead-single hinário "Pillowtalk", Zayn estreou sua carreira solo com tudo no topo da tabela britânica. Parece que os ingleses realmente curtiram o som do ex-1D - dizem que eles têm bom gosto né? Mantendo os bons números de venda e streamings, que levaram Zayn ao primeiro lugar, não duvidamos que ele possa seguir seu reinado por umas boas semanas.





Segunda semana de puro lacre, confusão e destruição no top 10 da Hot Hundred. Selena Gomez e Alessia Cara deram adeus à nossa coluna, enquanto recebemos três novos integrantes e dois potenciais singles. Estão prontos? Olhem só!

10º lugar
"Me, Myself & I", G-Eazy x Bebe Rexha (+2)
Última semana: 12º / Semanas na parada: 14

A rotatividade anda altíssima no top 10 da Hot Hundred. Esta semana, vemos a entrada da música "Me, Myself & I", que tem toda uma pinta de hit além de estar arrasando nas vendas (está no top 10 da iTunes) e nos Streamings (de 9º para 6º lugar). É o primeiro top 10 de G-Eazy e o segundo de Bebe Rexha (lembra de "Hey Mama"?). Será que eles se estabilizam por aqui ou não vão se garantir em meio a uma competição tão forte?



9º lugar
"Roses", The Chainsmokers feat. ROZES (-3)
Última semana: 6º / Semanas na parada: 16

Depois de alcançar seu maior pico ever na parada americana, os Chainsmokers ladeiraram 3 posições, direto para o 9º lugar. Fazendo uma visitinha à iTunes Store dos EUA, vemos que "Roses" já nem se encontra no top 10 dos singles mais vendidos, o que pode sugerir uma perda de fôlego, talvez? É bem provável que em meio a tantos lançamentos, a canção tenha sido um tanto esquecida. Será que só as rádios a seguram por aqui?



8º lugar
"My House", Flo Rida (-3)
Última semana: 5º / Semanas na parada: 13

Surpreendentemente, o potencial hit "My House", de Flo Rida, não subiu na tabela, muito pelo contrário. O single despencou 3 posições de seu pico no 5º lugar conseguido semana passada e agora está no 8º lugar. A Billboard diz que o desempenho da música até cresceu, mas não foi suficiente para manter, muito menos para subir o título para maiores posições. Mas com vendas tão boas e em ascensão ("My House" chegou ao topo da iTunes Store US há alguns dias e continua por lá), achamos bem difícil que a canção não volte às maiores posições do chart.



7º lugar
"Work", Rihanna feat. Drake (+2)
Última semana: 9º / Semanas na parada: 2

Aí que a controversa "Work" não fez a "Focus" e cresceu na tabela. Na semana passada, o lead-single do ANTi estreou em 9º lugar e chegou ao 7º nessa, graças ao aumento do desempenho nas vendas (apesar do 3º lugar), nas rádios (de #27 para #20) e a estreia nos Streamings (nº41). Ao que tudo indica, temos a nova FourFiveSeconds: aquela que não vai chegar perto do topo, mas que vai causar um pouquinho.



6º lugar
"Summer Sixteen", Drake (ESTREIA)
Última semana: - / Semanas na parada: 1

Quem esperava uma nova "Hotline Bling" se decepcionou com o mais novo som de Drake. Hip-Hop até a alma, "Summer Sixteen" parece ter feito sucesso entre os americanos, que chegaram a colocar a música no topo da iTunes. Foram 215 mil downloads que compuseram 89% do desempenho da canção, o que significa que é bom o cantor investir nos Streamings, porque é capaz que leve uma rasteira e dê o fora do top 10 semana que vem (com a queda natural das vendas).



5º lugar
"Hello", Adele (-1)
Última semana: 4º / Semanas na parada: 15

O mega-smash-hit-batedor de recordes "Hello" voltou a cair uma posição motivado principalmente por conta da nova estreia no topo, que jogou todo mundo uma posição abaixo. O single continua tocando horrores nas rádios (#3) e vendendo nas lojas online, mas é aquilo: com tantos potenciais hits mais novos, "Hello" não vai durar muito por aqui.



4º lugar
"Stressed Out", Twenty One Pilots (-1)
Última semana: 3º / Semanas na parada: 20

Outra que caiu foi "Stressed Out", do duo Twenty One Pilots. Eles chegaram ao top 3 na semana passada e ainda estariam lá se não fosse a estreia de Zayn no topo. No entanto, os caras ganharam audiência nas rádios e estão prontos para bombar ainda mais. O topo será difícil com a concorrência de Bieber e Zayn, mas já vimos que ninguém precisa ser number #1 pra ser hit, né?



3º lugar
"Sorry", Justin Bieber (-1)
Última semana: 2º / Semanas na parada: 15

O hino atemporal "Sorry" deixou a vice-liderança e ficou com o bronze esta semana na parada americana. O segundo e icônico single do "Purpose" já está bem mal de vendas (quase saindo do top 10), enquanto continua sambando nos quesitos Streamings e audiência nas rádios (#1 pela 2ª semana), e nós não duvidamos que já na próxima semana, seja superada pelos vinte e um pilotos.



2º lugar
"Love Yourself", Justin Bieber (-1)
Última semana: 1º / Semanas na parada: 12

Ela ficou semanas e mais semanas no top 3 ensaiando um ataque pelo trono da Hot 100, mas quando conseguiu chegar lá, a felicidade não durou muito. Até agora, "Love Yourself" teve o menos reinado desde "What Do You Mean?", também de Bieber, que estreou em agosto no 1º lugar mas nunca voltou para lá. Quem atrapalhou a canção? Um certo britânico saído de uma boyband famosa...



1º lugar 
"Pillowtalk", Zayn (ESTREIA)
Última semana: - / Semanas na parada: 1

O primeiro artista britânico a estrear no topo com seu single de estreia. Com um título desses, Zayn já carrega a mega-responsabilidade de que tudo dê certo a partir de agora. "Pillowtalk" deu super certo, agradou e deu ao ex-1D seu primeiro hit number one nos EUA, coisa que a sua ex-banda nunca conseguiu... O novo hino nacional estreou no topo das vendas digitais e streamings, com 267 mil cópias vendidas e mais de 22 milhões de execuções via Spotify, Apple Music e Youtube. Nas rádios, foram 17 milhões em audiência, o que só deve aumentar nas próximas semanas. Será que temos o começo de um novo reinado ou a briga de Zayn e Bieber será mais acirrada do que pensávamos? Aguardemos os próximos capítulos!


Tecnologia do Blogger.