It Charts: Rihanna chega ao topo da Hot 100 americana pela 14ª vez; no UK, é Lukas Graham quem comanda


Alô alô, Brasil! Chegou mais um It Charts pra te contar as novidades dos dois principais charts de singles do mundo! Na terra da rainha, Lukas Graham continua na liderança, mas será que Rihanna consegue destroná-lo na próxima semana? Ela tá pertinho, hein? Enquanto ainda escala no Reino Unido, ela já é a Rainha da Billboard americana: colocou pela 14ª vez um single no topo. Acima dela? Só Mariah Carey! Mas isso a gente te conta lá embaixo. Quer ver mais detalhes? Só ler!


10º lugar
"All My Friends", Snakehips feat. Tinashe & Chance the Rapper (-1)
Última semana: 9º / Semanas na parada: 11

Abrindo o Top 10 dessa semana temos a deliciosa parceria do produtor Snakehips com a Tinashe e o Chance the Rapper na deliciosa "All My Friends", que só comprova o quanto os britânicos realmente abraçaram a fórmula mágica pras rádios que a faixa tem.



9º lugar
"Lush Life", Zara Larsson (+7)
Última semana: 16º / Semanas na parada: 7

Dando um salto espetacular de sete posições na tabela, tivemos a princesinha sueca Zara Larsson com seu incrível single "Lush Life", que vem emergindo como hit adormecido no UK nas últimas semanas. Originalmente, a faixa foi lançada no meio do ano passado, mas só agora que os britânicos começam a descobrí-la. Ainda bem. Porque depois do sucesso de Zara com o MNEK em "Never Forget You", esse novo single também bombando por lá, pode ser um ponto bastante interessante pra gravadora começar a explorar na menina, que em breve terá mais um potencial hit atingindo as paradas, já que o rapper Tinie Tempah confirmou a participação de Larsson em seu novo single, "Girls Like", que chegará nessa sexta.



8º lugar
"Sorry", Justin Bieber (=)
Última semana: 8º / Semanas na parada: 17

Tá ouvindo, tá ouvindo? É a minha, a nossa, a sua música tocando. Impossível alguém ficar parado ao som de "Sorry", um dos maiores hits do ano passado e da carreira de JB, que já está em sua 17ª semana entre as 10+ dos britânicos e ainda parece ter vida longa por lá.



7º lugar
"Love Yourself", Justin Bieber (-1)
Última semana: 6º / Semanas na parada: 14

Mesmo aos trancos e barrancos nas últimas semanas, JB têm mostrado sinais de que vai segurar essa marimba ainda, né?! A queridinha dos fãs "Love Yourself" perdeu uma posição em relação à atualização passada, depois de liderar a Official Charts por seis semanas.



6º lugar
"Secret Love Song", Little Mix feat. Jason Derulo (+1)
Última semana: 7º / Semanas na parada: 7

Ganhando uma  posição na parada, vem a deliciosa parceria das Little Mix com o Jason Derulo. "Secret Love Song" vem como mineirinho, comendo pelas beiradas e tendo um impulso enorme nas rádios britânicas na última semana, graças à algumas participações de ambos divulgando o single. Se dependesse só da gente, já tinha alcançado um Top 5 fácil.




5º lugar
"Stitches", Shawn Mendes (=)
Última semana: 5º / Semanas na parada: 21

Permanecendo estável em relação à semana passada, "Stitches", smash hit do candense Shawn Mendes,  abre o Top 5 de hoje. A música, que já liderou por duas semanas consecutivas a parada (sendo destronada apenas por ZAYN), e seguindo a linha de adoração por lá, parece ter vida longa.


4º lugar
"Fast Car", Jonas Blue & Dakota (-1)
Última semana: 3º / Semanas na parada: 5

Falou em música eletrônica, falou em sucesso com os britânicos, certo? Eita fórmula básica pra virar hit por lá. A da vez, é "Fast Car", do duo (que parece nome de dupla sertaneja rs) Jonas Blue & Dakota, que mistura piano com sintetizadores, em meio a vocais deliciosos, criando um single de fácil digestão, inclusive. E depois de pegar quatro semanas seguidas no Top 3, caiu uma posição nessa atualização (e já pode vazar, migo).



3º lugar
"Work", Rihanna feat. Drake (+1)
Última semana: 4º / Semanas na parada: 4

Depois de muita (falta de) divulgação, Rihanna resolveu começar, de vez, sua nova era e já com um hit pra tudo voltar ao normal na vida e na carreira da barbadiana depois de insucessos no ano passado. Como queríamos ter um amigo colorido como o Drake, ai ai. Enfim, "Work", que ontem ganhou um clipe duplo, precisou de um dia, há três semanas, pra estrear no Top 15 e, consequentemente, nas atualizações seguintes, subir de pouquinho em pouquinho, até chegar no Top 3 e com altas expectativas sobre seu futuro, que muito provavelmente seguirá o destino dos EUA (dessa) na próxima semana: o topo da tabela.



2º lugar 
"PILLOWTALK", ZAYN (=)
Última semana: 2º / Semanas na parada: 3

Um HINO é um HINO, né nom, mores?! Pra quem jurava que o ~bad boy de Bradford~ ia flopar na sua primeira investida em carreira solo, tá tendo que engolir seco o sucesso comercial e crítico que o smash hit "PILLOWTALK" vem tendo no mundo todo. Mesmo que a divulgação do single ainda não seja das melhores (ao menos do ponto de vista presencial), o fato de ser uma música tão incrível, tem sido mais que suficiente pra manter estável e com bons números de venda e streamings em sua terceira semana de lançamento. #1 na estreia, #2 nas duas semanas seguintes e contando. Tão ruim, né?!



1º lugar
"7 Years", Lukas Graham (=)
Última semana: 1º / Semanas na parada: 4

A surpreendente baladinha "7 Years", do Lukas Graham mantém seu reinado entre os britânicos pela segunda semana consecutiva e vêm se tornando um monstro, tendo vendido na última semana, nada menos que 135 mil cópias combinadas (entre físicas e digitais), dando uma pequena, mas consistente vantagem nessa batalha particular com ZAYN. Pra semana que vem, com "Work" sendo abraçada de vez, temos muita curiosidade em ver seu desempenho. Será que Lukas consegue segurar essa marimba mais uma vez, monamour?! Vamos aguardar.





10º lugar
"Cake By The Ocean", DNCE (+1)
Última semana: 11º / Semanas na parada: 17

Nos EUA, quem abre o top 10 é a DNCE com sua formidável "Cake". Ao chegar à décima posição, o single deu a Joe Jonas, integrante do grupo, uma marca interessante e rara: ele chegou ao top 10 em carreira solo e com dois grupos! Pra quem não lembra, em 2008 o moço entrou no top 10 com Burnin' Up e Tonight, ainda nos Jonas Brothers. No mesmo ano, ele e Demi Lovato alcançaram a 9ª colocação com o hino atemporal "This Is Me", do filme Camp Rock. Quem lembra? Boa, Joe! E para os que simpatizam e torcem para a música: ela tem tudo pra escalar ainda mais nossa lista!




9º lugar
"Roses", The Chainsmokers feat. ROZES (=)
Última semana: 9º / Semanas na parada: 18

É a segunda semana que o single dos Chainsmokers está na 9ª posição. Mesmo com as quedas nas vendas e nos streamings, "Roses" conseguiu manter sua colocação graças às rádios, que a tornaram a 6ª música mais tocada na última semana. A concorrência está bem pesada por um lugarzinho aqui, então a gente não duvida que eles em pouco tempo eles percam ainda mais força e saiam do top 10.



8º lugar
"Me, Myself & I", G-Eazy x Bebe Rexha (=)
Última semana: 8º / Semanas na parada: 18

Depois de alcançar o pico em 8º semana passada, com uma força tremenda nas vendas e streamings, o hino "Me, Myself & I" continua estável, apenas aguardando pra dar o bote e se tornar o grande hit QUE DEVE SER. O single também saltou do top 30 para a posição #14 nas rádios, e com o crescimento nas estações, é bem possível que chegue ao top 5 nas próximas semanas.


7º lugar
"Hello", Adele (-1)
Última semana: 6º / Semanas na parada: 17

Mais uma semana de queda para Adele e o Alô mais ouvido e bem-sucedido da história. Enquanto a música ainda está entre as 5 mais tocadas das rádios, mas perde cada vez mais nas lojas virtuais, o segundo single do disco, "When We Were Young" prepara seu debut no top 10 para as próximas duas semanas: está em #14 na tabela e quase entrando na lista das mais tocadas das rádios. Mais um hit de Adele vem aí?


6º lugar 
"PILLOWTALK", ZAYN (+1)
Última semana: 7º / Semanas na parada: 3

Quem achou que Zayn ia despencar ainda mais essa semana se enganou bonito. O hino do ex-1D recuperou uma posição perdida e se encontra no 6º lugar, ainda viralizando via streaming e aumentando bastante suas vendas. Em breve, a audiência das rádios dará um novo fôlego à música e, por que não, levá-la ao top 5 de novo?



5º lugar
"My House", Flo Rida (=)
Última semana: 5º / Semanas na parada: 15

Bem vindo ao novo hit de Flo Rida, "My House", que pela segunda semana é o campeão das lojas digitais, mas por algum motivo que desconhecemos, ainda não desbravou degraus maiores nesse chart. E essa é aquela é promete hitar por aqui no Brasil também. Alguém duvida? Falamos mais disso semana que vem!


4º lugar
"Sorry", Justin Bieber (-1)
Última semana: 3º / Semanas na parada: 17

Olha elaaaaaaaa! Hino atemporal, melhor música do ano, melhor clipe, melhor tudo. Por que né, gente? "Sorry" continua com tudo no chart americano: top 3 em Streaming e nas rádios, vendas ainda boas para um single que foi lançado há 4 meses... A gente garante, no mínimo, mais umas 4 semanas pra ele aqui no chart. E pra sempre em nossos corações <3



3º lugar
"Stressed Out", Twenty One Pilots (-1)
Última semana: 2º / Semanas na parada: 22

Eles são os líderes do chart de Rock e por aqui caíram uma posição apesar de continuarem arrasando. Apostamos que eles chegariam ao topo, mas com um desempenho estável em duas das três categorias que compõem a Hot 100 e em queda em uma delas, não temos certeza se isso será possível. Mas já valeu a pena vê-los hitando tanto, não?



2º lugar
"Love Yourself", Justin Bieber (-1)
Última semana: 1º / Semanas na parada: 14

Mais uma pedra entrou no sapato de Bieber e sua "Love Yourself". Depois de semanas resistindo bravamente no 3º lugar, ele chegou ao topo, foi destronado por Zayn, voltou ao topo e agora, novamente foi destronado. "Love Yourself" é aquela música amada por todos, mas lançada numa hora errada (se o propósito era um bom e longo reinado no topo). "LY" caiu ainda mais nos streamings (#4), mas continua liderando as rádios e no top 3 das vendas. No regrets, Beliebers! Essa aqui é figura já carimbada entre os 10 maiores hits do ano!



1º lugar
"Work", Rihanna feat. Drake (+2)
Última semana: 3º / Semanas na parada: 4

Amada por Zeca Camargo, o primeiro single oficial do "Anti" surpreendeu a todos e chegou à liderança da parada mais cobiçada do mundo. "Work" foi o som que mais ganhou pontos nas rádios americanas nos últimos dias (#10) e está simplesmente arrasando via Streaming (isso ainda sem contar o clipe, lançado ontem). Nas vendas, o único que barra Rihanna e Drake é Flo Rida e seu hit pronto "My House". Mais detalhes sobre o novo #1 de Rihanna? É a 14ª vez que ela alcança o feito em pouco mais (bem pouquinho mesmo) de 10 anos de carreira. Com isso, já superou Michael Jackson, Madonna e é a segunda artista solo que mais conseguiu chegar ao topo da Billboard, atrás apenas de Mariah Carey. Será que ela consegue? A gente torce!

Tecnologia do Blogger.