It Charts: "Love Yourself" chega ao topo da Hot 100, que tem estreia de Rihanna e hit novo de Selena Gomez no top 10, confira!


Tiroteio é a palavra que define o It Charts da semana. Com um UK Charts bem morno e surpreendentemente sem grandes novidades, quem rouba a cena essa semana é a Hot 100 americana que passou por uma repaginada há muito não vista. Simplesmente três músicas que estavam indo super bem nos charts simplesmente sumiram do top 10 e deram espaço para mais um smash single de Selena Gomez, Flo Rida e Rihanna. Ainda tem o Furacão Bieber, que causou ainda mais destruição ao se destronar e colocar "Love Yourself" no topo. Olha, foi tanto tiro que nem deu pra perceber a Ivair e o colunista que vos fala precisou da colaboração de um outro membro: Maicon Alex, que narra excepcionalmente hoje o que teve de bom no chart britânico.




10º lugar
"Hello", Adele (-3)
Última semana: 7º / Semanas na parada: 14

Semana passada questionamos se o smash hit "Hello", da Adele, conseguiria segurar a marimba aqui no Top 10, né non? Bem, caindo três posições nessa atualização, achamos que teremos um "goodbye" nos nossos comentários da próxima semana, ainda mais com a série de novos singles lançados no UK na última semana, que devem modificar bastante a estrutura do chart.



9º lugar
"Light It Up", Major Lazer feat. Nyla (+1)
Última semana: 10º / Semanas na parada: 9

Donos das pistas e das rádios em 2015 com o smash hit "Lean On", o Major Lazer resolveu apostar em "Light It Up" como o quinto single do "Peace is the Mission", o que já parece (ao menos aqui) bem acertado. Tá certo que nossas expectativas de um grande hit pro single não são tão animadoras, mas vê-lo catar ao menos um Top 10, já é um feito e tanto. Reis mesmo!



8º lugar
"What Do You Mean?", Justin Bieber (-4)
Última semana: 4º  / Semanas na parada: 22

Nenhum retorno chamou mais a atenção do mundo (desculpa, Adele) que não Justin Bieber, que após toda a confusão dos últimos anos, se reinventou e criou não só um dos melhores álbuns de 2015, como também uma série de smash hits, pra destruir a concorrência no mundo todo. "What Do You Mean?" é só mais uma prova disso. O lead single do "Purpose" já possui 21 semanas não-consecutivas no Top 5 (e contando). Tá certo que uma hora a gente vai se cansar, mesmo assim, um hino sempre será um hino.


7º lugar
"The Girl Is Mine", 99 Souls (feat. Destiny's Child & Brandy) (-2)
Última semana: 5º / Semanas na parada: 12

A curiosidade dos britânicos em misturas singulares é de chamar a atenção, realmente. Daí, o duo 99 Souls, que num belo dia tinha nada pra fazer, resolveu "inventar moda" e unir dois hits grandiosos da era de ouro do R&B norte-americano: "The Boy is Mine" e "Girl". Jogando uma roupagem modernizada e pronta pra bater cabelo, o resultado não poderia ser diferente e até previsível: hit, hit, hit.



6º lugar
"History", One Direction (=)
Última semana: 6º / Semanas na parada: 10

O mais irônico é que não conseguiremos mais desassociar "History" de "Pillowtalk", futuro smash hit do ex-membro da boyband, ZAYN, tudo isso porque o VEVO insiste em intercalar os vídeos enquanto esperamos para assisti-los hahahaha. Enquanto o segundo só estreia aqui na coluna semana que vem (e muito provavelmente no topo, com vendas altíssimas), o primeiro se mantém estável no mesmo 6º lugar de semana passada e não estamos tão certos se passará disso.



5º lugar
"All My Friends", Snakehips feat. Tinashe & Chance the Rapper (+3)
Última semana: 8º / Semanas na parada: 8

Pegue a princesa americana do alt-R&B, um dos jovens rappers mais interessantes dessa geração, misture tudo em meio a uma levada com cara de hinão daqueles DVDs de hip-hop que você ouvia na adolescência e pronto: a fórmula mágica pras rádios está feita em "All My Friends", a excelente colaboração entre Tinashe, Chance the Rapper e o produtor Snakehips.



4º lugar
"Sorry", Justin Bieber (-1)
Última semana: 3º / Semanas na parada: 14

Tá ouvindo, tá ouvindo? É a minha, a nossa, a sua música tocando. Impossível alguém ficar parado ao som de "Sorry", um dos maiores hits do ano passado e da carreira de JB, que já vai pra 14 semanas ***somente*** no Top 5 britânico e, pelo jeito, pode muito mais.



3º lugar
"Fast Car", Jonas Blue & Dakota (+56)
Última semana: 59ª / Semanas na parada: 2


Falou em música eletrônica, falou em sucesso com os britânicos. Eita fórmula básica pra virar hit por lá. A da vez, atende pelo nome de "Fast Car", do duo (que parece nome de dupla sertaneja rs) Jonas Blue & Dakota, que mistura piano com sintetizadores, em meio a vocais delciosos, criando um single de fácil digestão, inclusive. Mas convenhamos, top 3 já é muito, vai?!




2º lugar
"Love Yourself", Justin Bieber (=)
Última semana: 2º / Semanas na parada: 11

Você não viu errado, migo. Justin Bieber tem realmente três músicas no Top 10 britânico e não são apenas músicas, são hinos e grandiosos. A queridinha dos fãs "Love Yourself" era questão de tempo pra que se tornasse o hit que merecia (o que veio até de forma natural e sem qualquer tipo de divulgação em seu início rs). Depois de cinco semanas liderando, atualmente o single está pela segunda semana consecutiva em #2, barrada por um conterrâneo do menino, que também faz um som muito interessante.



1º lugar
"Stitches", Shawn Mendes (=)
Última semana: 1º / Semanas na parada: 18

"I'll be needing stitches" pra me recuperar dessa lindeza do Shawn Mendes emplacando sua segunda semana consecutiva no topo da Official Charts, barrando JB de novo. Quão grande isso representa na carreira do jovem canadense de 17 anos, hein?! E como estamos felizes por ele. Tá certo que semana que vem a faixa deve cair algumas posições, até porque, ZAYN e sua monstruosa "Pillowtalk" estão vindo por aí, pra impor um novo domínio no jogo dos britânicos, mas Shawnzinho é merecedor de todo esse sucesso desde o hino incompreendido "Life of the Party" <3




10º lugar
"Here", Alessia Cara (-5)
Última semana: 5º / Semanas na parada: 26

Já falamos aqui que alegria de aspirante à diva não é facil. Alessia Cara vem para provar isso essa semana ao cair 5 (!!!) posições na Hot 100 graças às entradas de vários outros singles no top 10. Na última atualização, "Here" alcançou seu pico no 5º lugar da tabela e a gente até tinha uma esperança que ela tivesse um desempenho ainda maior, mas puxaram o tapete da moça e é bem difícil que ela volte de onde veio. 




9º lugar
"Work", Rihanna feat. Drake (ESTREIA)
Última semana: - / Semanas na parada: 1

Quem estreou com tudo foi Rihanna e seu controverso single "Work", em parceria com Drake. Em dois dias de vendas, foram cerca de 126 mil cópias vendidas do single, que estreou no topo da Digital Songs. Nas rádios, a música debutou no número 27 com uma audiência de 44 milhões. Com o 9º lugar da música, Rihanna se igualou a Mariah Carey e Elton John com 27 tops 10 na carreira no chart americano. Pura destruição! Será que o single vinga ou vai fazer "Focus"?

PS: Ainda não há vídeos nem streamings disponíveis para "Work"

8º lugar
"Same Old Love", Selena Gomez (-1)
Última semana: 7º / Semanas na parada: 20

"Same Old Love" foi o segundo top 5 de Selena Gomez nos EUA, mas algumas semanas depois do feito a canção tem caído toda atualização e, muito provavelmente, tem mais poucas semanas de vida na nossa listinha. O que ainda segura o desempenho da música é a audiência nas rádios: apesar da queda, "SOL" ainda está na 7ª posição.



7º lugar
"Hands To Myself", Selena Gomez (+14)
Última semana: 21º / Semanas na parada: 8

O grande campeão da semana é o terceiro single de, novamente, Selena Gomez! "Hands To Myself" estava fora do top 20 até semana passada, mas após o live que a cantora fez no "Saturday Night Live", "HTM" voou 21 posições, direto para o 7º lugar! O single teve o maior crescimento de vendas ganhador de Streamings da semana, e tem tudo para crescer ainda mais. Vem, #5!



6º lugar
"Roses", The Chainsmokers feat. ROZES (+2)
Última semana: 8º / Semanas na parada: 15

Em uma semana de limpa no top 10, quem sobe por aqui é porque tem potencial para hit. "Roses" entrou na nossa lista semana passada na 8ª posição, mas já apareceu beirando o top 5 na 6ª posição depois de ter um aumento de audiência nas rádios e nos streamings. Porém, com essa queda nas vendas, será que o som dos Chainsmokers chega lá mesmo?



5º lugar
"My House", Flo Rida (+7)
Última semana: 12º / Semanas na parada: 12

Flo Rida veio se fininho, subindo e subindo, até que chegou ao 12º lugar na última atualização e, essa semana, galopou direto ao top 5 com sua "My House", que claramente tem um potencial para hit (é Flo Rida, né?). "My House" caiu nas vendas (do 3º ao 4º lugar), mas teve um grande crescimento nos Streamings e nas rádios, e, se não chegar ao topo, ao menos o top 3 parece estar garantido.


4º lugar
"Hello", Adele (-1)
Última semana: 3º / Semanas na parada: 14

Já foi-se o tempo no qual escrevíamos textão para falar de "Hello" e seus recordes. Mais uma semana de queda para Adele e sua "Hello". Na 4ª posição da Hot 100, o lead-single do 25 está em 5º nas vendas, 3º nos streamings e perdeu a liderança das rádios, onde ficou por 11 semanas em 1º lugar. Enquanto isso, "When We Were Young" vem crescendo na parada e logo deve chegar por aqui. O 2º single da nova Era de Adele chegou ao top 30 essa semana (#29).



3º lugar
"Stressed Out", Twenty One Pilots (+1)
Última semana: 4º / Semanas na parada: 19

A gente bem que avisou que "Stressed Out" era garatindo essa semana no top 3. Dito e feito. O duo Twenty One Pilots emplaca seu primeiro hit na Hot 100: "SO" segue na vice-liderança das vendas e subiu ao 4º lugar das rádios e streamings, com tendência para uma alta maior ainda. Quem sabe eles não chegam na vice-liderança na próxima semana? Também não duvidamos que eles cheguem ao topo daqui a pouco...



2º lugar
"Sorry", Justin Bieber (-2)
Última semana: 1º / Semanas na parada: 14

Ora ora, mais uma vez estávamos certos. "Sorry" perdeu a medalha de ouro da parada americana de singles, mas conquistou o primeiro lugar das rádios depois do longo reinado de Adele por lá. Mesmo com tantos hits já feitos, é a primeira vez em que Bieber dominou as estações de airplay dos EUA. A música continua bombando nos streamings (#1), mas nas vendas, já está quase de fora do top 10. Será que esse é o fim do Império da melhor música de 2015?



1º lugar
"Love Yourself", Justin Bieber (+1)
Última semana: 2º / Semanas na parada: 11

Finalmente! Foram 10 longas semanas de top 5 até que "Love Yourself" chegasse ao topo e começasse um novo reinado. Com ele, mais uma marca: Bieber se juntou ao time de Taylor Swift, The Weeknd e Black Eyed Peas como artista que se substituiu no topo da tabela americana. Além disso, o "Purpose" também tem uma marca: é o primeiro disco masculino a ter 3 hits #1 na Hot 100 em 10 anos. O último que conseguiu tal feito foi outro Justin, o Timberlake, que emplacou "Sexy Back", "My Love" e "What Goes Around... Comes Around" no maior lugar do chart. O 3º single da nova fase de Bieber continua em 2º lugar nos streamings, subiu para o 3º nas rádios e caiu do 1º ao 3º lugar das vendas digitais, mas é muito provável que mantenha seu reinado por umas boas semanas até que Twenty One Pilots cheguem à liderança. Amém?



Tecnologia do Blogger.