It Charts: “Sorry” destrona Adele na Hot 100 e Justin Bieber também faz história na UK Charts

O It Charts de hoje tem um quê de especial, já que há um ano a primeira edição do quadro ia ao ar relatando a liderança de Mark Ronson e Bruno Mars na Hot 100 com a música que se tornaria o hit de 2015 (clique aqui para relembrar). Um ano depois, estamos com um novo formato e falando também da tabela britânica. Inclusive, lá no UK, Justin Bieber conseguiu um feito inédito nessa semana: é o primeiro artista a colocar três canções nas três primeiras posições do chart. Wow... Nos EUA, o grupo Twenty One Pilots avança sem limites com sua "Stressed Out", Selena Gomez fez de "Same Old Love" o maior hit de um ex-Disney nas rádios e, finalmente, Justin Bieber destronou Adele e botou "Sorry" no topo. Mais detalhes? Lê a coluninha <3


10º lugar
"The Girl Is Mine", 99 Souls (feat. Destiny's Child & Brandy) (+5)
Última semana: 15º / Semanas na parada: 9

O duo eletrônico 99 Souls resolveu fazer um mash-up da música "Girl", das Destiny's Child, com "The Boy Is Mine", hit da dupla Brandy & Monica. Resultado? Um remix muito gostoso que conquistou os britânicos e que já está há 15 semanas na parada, chegando agora ao top 10.



9º lugar
"Adventure Of A Lifetime", Coldplay (-1)
Última semana: 8º / Semanas na parada: 9

Abrindo o top 10 da parada britânica, temos o Coldplay, que não teve uma semana tão boa assim e viu o lead-single de seu último álbum caindo 3 posições por aqui depois de atingir o pico de sétimo lugar semana passada.



8º lugar
"Sweet Lovin'", Sigala feat. Bryn Christopher (+1)
Última semana: 9º / Semanas na parada: 7

Quem achou que "Sweet Lovin'", do Sigala, se renderia tão fácil estava enganado. Afinal, são 7 semanas de top 10 e eles continuam por aqui, apesar de quedas e subidas. Os britânicos realmente curtem uma eletrônica.



7º lugar
"History", One Direction (=)
Última semana: 7º / Semanas na parada: 7

Quem também está arrasando pelo top 10 é a One Direction, que pela primeira vez tem uma subida gradual com sua "History", agora em 7º, com grandes chances de conseguir posições maiores com a estreia do clipe e com uma divulgação mais massiva do quarteto. Enquanto isso, fiquem com esse live maravilhoso da música no Jimmy Kimmel Live
 


6º lugar
"You Don't Own Me", Grace feat. G-Easy (-1)
Última semana: 5º / Semanas na parada: 7

Mais uma semana com "You Don't Own Me" se consolidando como hit e segurando a marimba entre os 10 mais. Pra quem ainda não conhece, a música um hino pró-autoestima e empoderador com uma batida a la Amy Whinehouse que é de conquistar qualquer um. Não é a toa que ela continua firme e forte por aqui, né?



5º lugar
"Hello", Adele (-1)
Última semana: 4º / Semanas na parada: 11

Ninguém imaginou que Adele perderia tanto espaço em sua própria terra. Enquanto só agora ela saiu do topo da Hot 100 americana, por aqui pelo Reino Unido ela já está na quinta posição, prestes a sair do top 5. Top 10 do iTunes? Já até saiu. Que venha "When We Were Young" e que faça bonito. 



4º lugar
"Stitches", Shawn Mendes (+8)
Última semana: 12º / Semanas na parada: 15

Shawn Mendes já teve seu auge nos Estados Unidos ainda ano passado e se mantém confiante no top 10 americano, mas só agora deu as caras aqui no Reino Unido. A música que com certeza a gente já levou pra vida subiu oito posições e chegou ao pico de 4º essa semana. Resta saber se, assim como Bieber, Shawn vai continuar por aqui nas próximas semanas e segurar o sucesso e a aparição de seus "Stitches". 


3º lugar
"What Do You Mean?", Justin Bieber (+1)
Última semana: 4º  / Semanas na parada: 19

Gente??? Inexplicavelmente, "What Do You Mean?" ganhou mais desempenho nas últimas duas semanas e retornou do top 3, 19 semanas depois de estrear na liderança por aqui. Desempenho fraco dos dois concorrentes anteriores? Hino atemporal? Embora não saibamos as causas disso, sabemos o quanto Bieber tem sido amado no UK. Samba, Rei. 


2º lugar
"Sorry", Justin Bieber (=)
Última semana: 2º / Semanas na parada: 11

"Sorry" é, definitivamente, um hit. E Justin Bieber prova cada vez mais que no Reino Unido ele é Rei. Novamente na segunda posição da UK Single Charts, "Sorry" mantém ótimos números nas rádios e streamings, o que garante uma boa colocação aqui na nossa lista. Novamente, 11 semanas no top 3 da parada britânica não é pouca bosta não.



1º lugar
"Love Yourself", Justin Bieber (=)
Última semana: 1º / Semanas na parada: 8

Alô alô alô vocês sabem quem sou eu? Alô alô alô graças a Deus. Eu... pela quinta vez, estou aqui de novo, no topo da UK Charts como sempre faço. Já é o tempo de 5 semanas... Não tem nem mais o que falar, né non? A dominação mundial de Bieber está completa. Vemos aqui "Love Yourself" pela quinta semana no topo da UK Charts e sem perspectiva alguma de sair daqui. Enquanto nos EUA, o terceiro single de Bieber ainda está ganhando o pessoal, por aqui já é hit e garantiu a Bieber uma marca histórica e inédita: com "What Do You Mean?" em terceiro, "Sorry" em segundo e "LY" na liderança, é a primeira vez em que um artista tem três músicas nos três primeiros degraus da tabela britânico. Vê se isso não é poder??w?w? A bicha lacra, ela é babadeira. Mais que merecido, Bieber! Parabéns!






10º lugar 
"Like I'm Gonna Lose You", Meghan Trainor feat. John Legend (=)
Última semana: 10º / Semanas na parada: 25

Ninguém aguenta mais essa mulher. Novamente, quem abre o top 10 da Hot Hundred essa semana é Meghan Trainor e sua "Like I'm Gonna Lose You", uma parceria água com açúcar com a participação de John Legend. Nós torcemos imaginamos que em alguma atualização antes de 2020 a música saia da décima posição (e do top 10) desse chart.



9º lugar
"Here", Alessia Cara (-1)
Última semana: 8º / Semanas na parada: 23

A gente torceu bastante pra que a Alessia Cara avançasse por aqui e chegasse até o top 5, pelo menos, mas aparentemente não deu certo. O hino dos antissociais ainda tem uma grande audiência nas rádios, porém há outros hits em ascensão que impedem um bom desempenho de vendas, e em meio a tantos hits, fica difícil se colocar. Agora, ela já se pergunta se pertence a esse lugar. 



8º lugar
"What Do You Mean?", Justin Bieber (-3)
Última semana: 5º / Semanas na parada: 19

Demorou, mas a gente sempre soube que "What Do You Mean?" um dia teria que dar uma despencada. Aconteceu essa semana. O primeiro hit do novo álbum de Justin Bieber já deixou de ser executada tão exaustivamente nas rádios, o que ainda mantinha WDYM? lá no top 5. Agora, com essa perda de audiência, logo a música já dirá adeus para o top 10.



7º lugar
"Stitches", Shawn Mendes (-1)
Última semana: 6º / Semanas na parada: 33

Já perdemos as contas de há quanto tempo vemos "Stitches" figurando entre os 10 maiores sons dos EUA. O jovenzinho de 17 anos continua bombando por lá, e o sucesso é mais que merecido, né? Por falar em sucesso, a parceria de Shawn com Camila Cabello, "I Know What You Did Last Summer", está com tudo no top 10 do iTunes, e a gente torce para que a música apareça por aqui em breve.


6º lugar
"Same Old Love", Selena Gomez (+1)
Última semana: 7º / Semanas na parada: 17

Podem dar o Grammy pra Selena, porque ela se firmou como uma das maiores estrelas ex-Disney (Miley Cyrus que se cuide). "Same Old Love" voltou para sua maior posição, 6º lugar e é a música pop mais tocada nas rádios. A audiência do segundo single de Selena superou inclusive a de "Wrecking Ball", hino atemporal de Miley, e se tornou a música de um ex-Disney mais tocada nas estações americanas. Parabéns, Trakininhas <3



5º lugar
"Stressed Out", Twenty One Pilotes (+4)
Última semana: 8º / Semanas na parada: 16

Depois de 13 semanas, eles surgiram na 9ª posição do Hot 100 na última atualização e pegaram todo mundo de surpresa. Mandem avisar que o novo hit da América tem dono, e são os garotos da Twenty One Pilots com "Stressed Out". A "Shut Up And Dance" de 2016. A música está em 4º lugar nas vendas digitais, subiu 7 posições nos Streamings (agora 13º) e está quase chegando ao top 10 das rádios, e quando isso acontecer... O resultado é um só: #1. Com os quatro próximos hits não tão fortes e "Stressed Out" com um desempenho tão bom, a gente não duvida que a música alcance o primeiro lugar.



4º lugar
"Hotline Bling", Drake (=)
Última semana: 4º / Semanas na parada: 23

Enquanto "Hotline Bling" está começando a fazer sucesso no Brasil agora (nós esperamos que seja a "Sugar" das rádios brasileiras em 2016), lá nos EUA o hit number #2 de Drake se manteve estável na parada, apesar da queda de audiência nas rádios. 



3º lugar
"Love Yourself", Justin Bieber (=)
Última semana: 3º / Semanas na parada: 8

"Love Yourself" continua com a medalha de bronze, mas a gente tem certeza que muito em breve, no mínimo a prata a música consegue. Por que? O terceiro single de Bieber finalmente conseguiu o topo das vendas digitais, destronando Adele e sua "Hello". Além disso, as execuções via streamings têm sido o forte da canção, e a audiência nas rádios tem crescido bastante (agora em #12). A gente está sentindo um cheiro de #1... E uma guerrinha bem concorrida com "Stressed Out".



2º lugar
"Hello", Adele (-1)
Última semana: 1º / Semanas na parada: 11

E quando todos achavam que "Hello" não seria mais ameaçada por Justin Bieber, o jogo virou. Foram 10 semanas no topo da Billboard batendo recordes e alcançando marcas nunca antes vistas, mas o lead-single arrasador de Adele perdeu uma posição e foi destronada. Com isso, Adele perdeu o desafio que nós lançamos em novembro passado aqui no It Charts: "Hello" tinha que bater o recorde de "One Sweet Day", de Mariah Carey, como hit com maior tempo no topo da tabela americana. Não foi dessa vez. A canção de retorno da britânica continua liderando as rádios pela 9ª semana, ainda está no 2º lugar dos Streamings e caiu uma posição nas vendas (agora em #2). Pelas posições, deu pra ver que por muito pouco ela não passa uma 11ª semana em #1, né?



1º lugar
"Sorry", Justin Bieber (+1)
Última semana: 2º / Semanas na parada: 11

Não foi tarde. A Hot 100 fez justiça e, com a nova liderança de "Sorry", pediu desculpas e se redimiu a um dos hinos do ano passado. "Sorry" é a líder dos streamings e vice-lidera as rádios (apesar de ainda continuar em #2, teve um crescimento de 6% na audiência). Nas vendas, caiu para a 3ª posição. E mesmo com esses números, conseguiu o topo da Hot 100. Fatos curiosos sobre a liderança do segundo single do "Purpose": é a música que mais esperou no 2º lugar até que alcançasse o topo (8 semanas!!); e ainda por cima, é a quarta vez em que uma canção chamada "Sorry" lidera a tabela (a primeira em 21 anos). O que acharam dessa nova liderança? A gente aposta que ela não dura muito, e que será apenas uma transição para um novo reinado: o de "Love Yourself".


Tecnologia do Blogger.