Suposto insider fala sobre o “ANTI” de Rihanna: cantora não está gostando da campanha e dívidas justificam a demora do CD

Que essa era da Rihanna está uma bagunça, já não é novidade pra ninguém. Faz quase um ano desde que a cantora lançou “FourFiveSeconds”, aparente primeiro single do seu novo disco, “ANTI”, e desde então, tudo o que tivemos foram singles e clipes desregrados, além da recente campanha “ANTIDiary”, que indicava um lançamento do álbum na última Black Friday, 27 de novembro, que não aconteceu.

Com uma turnê anunciada repentinamente e que tem tudo para vender que nem água, essa fase de Riri segue incerta, uma vez que o novo álbum sequer possui uma tracklist ou data de lançamento reveladas, e de acordo com um insider da gravadora da cantora, as explicações para toda essa confusão seriam as baixas vendas de “FourFiveSeconds” e “Bitch Better Have My Money”, além de um possível desentendimento entre Jay Z e Kanye West, produtor executivo do CD.



“Sua turnê tem sido planejada há algum tempo”, contou o insider durante uma conversa sobre a cantora num fórum americano. “Originalmente, era pra ela sair em turnê durante a primavera e verão com Kanye. Eles estavam cotados pra serem os headliners do Lollapalooza e vários grandes festivais na Europa também. Idealmente, eles tinham toda uma turnê de estádio planejada ao redor do mundo, incluindo a América do Sul. É por isso que ela fez aqueles dois shows aleatórios (incluindo Rock in Rio) por lá”, continuou. “Eles já estavam planejados para algo conjunto com Kanye, mas sua equipe estava confiante de que ela ainda venderia neste mercado, principalmente com um desses shows sendo num festival”.

Segundo o insider, os lançamentos de “Bitch Better Have My Money” e “American Oxygen” visavam alavancar as vendas da cantora, numa tentativa de melhorar também a procura por seus shows:

“Eles lançaram ‘BBHMM’ e ‘American Oxygen’ na esperança de que ela teria dois grandes singles ao mesmo tempo, para possibilitar a salvação da agenda planejada, mas como as duas músicas não tiveram muita atenção do pop, eles cancelaram a turnê completa. Kanye até tinha um palco inteiro desenhado e bastante próximo da pré-produção”, contou.


Todo esse cenário inesperado de vendas teria rendido à Roc Nation dívida com os investidores do projeto, o que causou bastante desconforto pelos corredores da gravadora, já que Jay Z não estava nada feliz com o cancelamento da turnê conjunta de Rihanna e Kanye. E isso teria sido motivo pra que o rapper trocasse as participações de Riri e Kanye no Made In America, aceitando a sugestão de Beyoncé, que se ofereceu pra ser headliner do evento — a gente deixa pra vocês imaginarem essa cena.

“O que vocês não sabem é que Beyoncé se tornou headliner do Made In America como um favor para Jay, por causa de toda essa confusão que estava acontecendo com eles. Ele estava tão estressado sobre essa turnê cancelada que tirou tanto Rihanna quanto Kanye West do festival e Beyoncé tomou o seu lugar. Isso foi decidido privadamente cerca de um mês depois do lançamento do Tidal, uma vez que Rihanna não faria shows sozinha. Em algum lugar nisso tudo, também estavam havendo problemas entre Jay Z e Ye [Kanye], como vimos com Kanye deletando todas as coisas do Tidal no seu Twitter.”

Mas por mais que a campanha do “ANTIDiary” pareça indicar um fim para toda a espera, ele afirma que as coisas ainda não estão bem. A Samsung teria fechado um plano de divulgação com a Roc Nation, entretanto, isso só aconteceu porque prometeram lançar o disco na última Black Friday, que aconteceu no dia 27 de novembro. O que eles não contavam era com a volta da Adele, razão pela qual seguraram o disco e, outra vez, precisaram arcar financeiramente com mais contratos violados.


Também parece que os investidores se recusam a gastar mais até que o álbum esteja lançado e, numa tentativa de melhorar esse quadro, foi a própria Roc Nation quem vazou os rumores de que o disco seria lançado de surpresa e com exclusividade no Tidal, visando um aumento significativo na sua base de usuários, mas a tentativa não foi bem sucedida.

Aparentemente, Rihanna está tão incomodada quanto seus fãs com toda essa situação, que parece estar causando divisões na Roc Nation, e sem muitas opções, já que precisam acertar o saldo negativo, a cantora aceitou o projeto em parceria com a Samsung sob pressão, atualmente trabalhando também num especial para a HBO, mas sem saber se e quando o disco será lançado.

Isso é tudo.
Tecnologia do Blogger.