Se não fosse pelo cachê, Noel Gallagher preferia não ter uma música do Oasis na campanha natalina da John Lewis

Mas o Noel Gallagher tem se saído um belo de um chato, hein?

A cada cinco notícias sobre o músico, seis são dele se queixando sobre algum artista ou lançamento do momento, e, desta vez, nem um clássico do Oasis ficou de fora. Ou, melhor dizendo, uma nova versão para a canção.

A música em questão é “Half The World Away”, composta pelo próprio Noel e lançada em 1994, que neste ano ganhou uma nova versão, na voz da cantora norueguesa em ascensão, Aurora, como parte da tradicional campanha natalina da loja John Lewis.


O problema de Gallagher, entretanto, nem foi por conta do trabalho de Aurora, que lança em breve seu disco de estreia e, sim, fez um ótimo trabalho na regravação da canção, mas sim com o fato de que, a partir de agora, “Half The World Away” poderá ser lembrada como uma música de natal, assim como aconteceu com “Somewhere Only We Know”, da banda Keane, depois da Lily Allen cantá-la para a mesma empresa.

Numa conversa com a BBC, Noel Gallagher afirmou que isso não é algo bom, visto que o natal é uma das piores datas do ano para ele, mas, no fim das contas, tem um ponto positivo: “pelo menos isso veio com um cheque, o que, acredite em mim, é bastante interessante”, brincou o cantor.

Seja como for, o músico, que neste ano já teceu críticas para Ed Sheeran, One Direction, Ellie Goulding, Adele e, bem, provavelmente todos os outros artistas que você deve se lembrar lançando algo em 2015, aproveitou a entrevista para alertar seus amigos e familiares: “não venham comprar cartões de natal da John Lewis para mim!”.

É isso aí.
Tecnologia do Blogger.