Miley Cyrus encarna uma bebê teimosa no clipe de “BB Talk”, mais uma do álbum “Her Dead Petz”

O álbum experimental da Miley Cyrus, resultado de sua parceria com a banda The Flaming Lips, “Miley and Her Dead Petz”, foi lançado gratuitamente em agosto desse ano e, em menos de quatro meses, já tá rendendo mais que os álbuns lançados por ela e outras cantoras da Disney pela Hollywood Records.

Sem qualquer apoio da sua gravadora, o disco já contou com dois singles, sendo eles “Doo It!” e “Lighter”, e, nesta sexta-feira (11), ganhou um videoclipe para o que deve ser sua terceira música de trabalho, contando até mesmo com uma estreia na programação da MTV dos Estados Unidos.


A música em questão é também uma das mais comerciais do disco, “BB Talk”, e ganhou um clipe, digamos, inusitado, como tudo o que envolve a cantora desde a transição artística marcada por “We Can’t Stop”, só que de maneira ainda mais estranha e, de certa forma, perturbadora.

No vídeo, que é o primeiro dessa era com uma produção aparentemente mais cara, até lembrando a estética de outros como “We Can’t Stop”, da própria, e “Blurred Lines”, do Robin Thicke, Miley aparece ao lado de dançarinas, fazendo coreografias, cantando e dublando também suas falas na canção, mas com um porém: ela e todas as outras pessoas em cena estão vestidas como bebês, em cenários que também contam com vários elementos que remetem à infância ou maternal, levando o título da música de maneira literal mesmo. 

Assista abaixo ao novo clipe da Miley Cyrus:


Que bizarrinho, né?

Levando em conta a primeira performance dela com esse disco na televisão, os fãs esperam que seu próximo single seja a canção “Karen Don’t Be Sad”, o que a gente torce pra que se torne realidade o quanto antes.
Tecnologia do Blogger.