Diretora desde os 13 anos, Angelina Jolie irá dirigir 'First They Killed My Father', o novo filme da Netflix


É uma novela falar sobre a carreia de Angelina Jolie. A moça já passou por vários perrengues, mas até hoje parece não saber o que quer. Vira e mexe a atriz diz que cansou de atuar, que nunca nasceu para isso e sim para estar atrás das câmeras, dirigindo seus filmes com aberturas não tão significativas - mas até que são bons, não é mesmo? Porém, ela ainda fica em frente às câmeras, às vezes, tanto que estará ao lado do maridão em "By The Sea" e esteve arrasando em "Malévola".

Indecisa ou não, a moça se sai estupidamente bem em praticamente qualquer coisa que faz, e atacará de diretora mais uma vez, só que a comando da Netflix. A eterna Lara Croft irá dirigir a adaptação cinematográfica do livro "First They Killed My Father" - só a gente que amou esse título? O filme será mais uma obra biográfica pra guria, e contará a história de Loung Ung, uma ativista dos direitos humanos que teve de lidar com os efeitos do regime do Khmer Vermelho, no Camboja. Além de dirigir, Jolie co-roteirizará.

A gente ainda não sabe quando o filme estará disponível no serviço de streaming, mas esperamos ser tão bom quanto "Invencível", que contou a história do corredor Louis Zamperini que, devido à Segunda Guerra Mundial, acabou se tornando um prisioneiro americano no Japão. 
Tecnologia do Blogger.