Bill Murray mandou avisar que a 'Miley Cyrus é boa pra caralho', mas a gente já sabia disso, né?


O primeiro dia da San Diego Comic-Con rendeu coisas bem legais, não é mesmo? Ontem tivemos um dos painéis mais aguardados para o cinema com Jennifer Lawrence e seu trupe, o que rendeu até um post com gifs com um resuminho de tudo que aconteceu. Mas, antes disto e ainda no Hall H, tivemos Bill Murray pela primeira vez no evento, com o seu painel de "Rock The Kasbah", contando um pouco sobre o filme e Miley Cyrus que, inclusive, faz uma participação no novo longa do ator.

Bill Murray não só fez sua estreia na San Diego Comic-Con, mas como também abriu o primeiro painel de tal evento e disse sentir-se super bem ali, apesar da primeira vez. Antes de falar de Miley, o ator contou que tenta ser o mais relaxado possível durante as gravações de algum filme e que carrega sempre faca amarrada em sua perna, assim, seus colegas de trabalho darão algum jeito de lembrar as suas falas, não atrapalhando todo o processo de gravação e tudo mais. Hahahahaha!

Por fim, ao ser perguntado sobre a sua experiência de trabalhar com a/o trans não binária Miley Cyrus, Bill Murray foi bem claro. "Não estava convencido, mas Miley Cyrus é boa pra caralho. (...) Achava que ela era uma garota louca que andava por aí sem carteira de identidade, mas ela é muito boa, ela canta muito", afirmou o ator. Alguém avisa ele que a gente já sabia disso?

Em "Rock The Kasbah", Bill Murray é um produtor musical em sua pior fase, seu nome: Richie Lanz. O produtor leva seu atual cliente em uma turnê para o exército americano no Afeganistão. Lá, ele acaba conhecendo uma jovem que pode salvar toda a sua carreira por ser extremamente talentosa, e, assim, ele resolve inscrevê-la em uma versão local do "American Idol". Além de Murray, o filme conta com Miley Cyrus e Bruce Willis. O longa é previsto para outubro nos Estados Unidos.

Tecnologia do Blogger.