Aparentemente, há uma parceria entre a Rihanna e Zendaya, chamada ’89 Hours’, em algum lugar neste exato momento

ATUALIZAÇÃO: Segundo a própria Rihanna, que nos pediu pra confiar apenas no que ela mesma disser sobre seus novos trabalhos, as informações sobre essa possível colaboração são falsas. :(

O mundo continua em alerta para o lançamento do oitavo álbum de inéditas da cantora barbadiana Rihanna e, desde o “Beyoncé”, da cantora de mesmo nome, todos os fãs da hitmaker de “Bitch Better Have My Money” vão para a cama todas as noites na esperança de acordar ao som do seu novo registro, mas enquanto isso não acontece, continuamos sendo consumidos por rumores e especulações que só nos deixam mais animados quanto a este álbum do milênio. Acompanhemos.



A notícia da vez é que Bad Gal Riri se juntou com a estrela em ascensão da Disney, Zendaya, numa música que tem os dedos de Timbaland, a novata Tink e até a Diane Warren! Mas o que havia começado com um tweet, terminou com uma importante declaração do engenheiro musical Phil Tan, com quem Riri trabalhou em faixas como “Diamonds”, “What’s My Name” e “We Found Love”, que, pelo Twitter, afirmou estar sendo assediado para dar informações sobre a parceria, colocando em risco seu contrato com a gravadora da cantora, e mais tarde decidiu ser mais generoso, adiantando que a música, chamada “89 Hours”, não é produzida pelo Timbaland que, provavelmente, esteve em estúdio por conta da colaboração de sua nova afilhada musical. A parte triste é que os tweets foram apagados. :(

Sem outros detalhes sobre essa inesperada parceria, fica a dúvida sobre o destino de “89 Hours”. Será para o “R8”? É algo do disco novo da Zendstep? Tink? Timbaland? Que indecisão, senhor!



Zendaya estreou musicalmente em 2013, quando lançou seu primeiro CD autointitulado, mas o seu desempenho nas paradas resultou num desinteresse da gravadora, a maldita Hollywood Records, que terminou por subestimar o seu potencial e encerrar seus trabalhos após “Replay”, seu único single. Daí em diante, a cantora permaneceu sob o contrato com a gravadora, que é famosa por sua divulgação falha de carreira de futuras-ex-Disney-stars, e aproveitou o tempo para aumentar seu ciclo de amigos, indo parar lá em “Bad Blood”, da Taylor Swift, o que, se for visto pela perspectiva correta, significa uma visibilidade e tanto.



Mal podemos esperar pelas próximas notícias sobre essa parceria que, na melhor das hipóteses, bem poderia sair daqui oitenta e nove horas. Estamos à quatro, cinco segundos de pirarmos com todas essas possibilidades.
Tecnologia do Blogger.