Azealia Banks ataca novamente: rapper afronta Katy Perry após clipe de ‘Dark Horse’ alcançar 1 bilhão de visualizações e ela sugerir que trabalhará mais vezes com hip-hop

O clipe de “Dark Horse”, da Katy Perry, completou há alguns dias nada menos que um bilhão de visualizações no VEVO/Youtube e, com isso, a californiana se tornou a primeira cantora que alcançou essa marca, o que é um feito e tanto, né? O problema é que, ao comemorar suas exibições pelo Twitter, Katy Perry deu a entender que poderá trabalhar em mais canções que flertem com o trap, dizendo que estava de olho neste meio outra vez, e para isso usou a expressão “trap house”, lá fora usada para descrever o lugar em que traficam e consomem os mais variados tipos de drogas, mas por mais que a menção de Perry tenha sido relativamente inocente, enquanto ela só falava sobre o gênero que tanto rendeu no seu smash hit, com participação do rapper Juicy J, Azealia Banks viu a postagem passar pela timeline do seu Twitter e, você sabe, né? Não perdoou.


Numa sequência de tweets indignados, a rapper, que no ano passado se dispôs a botar em questão discussões sobre o racismo nos EUA e apropriação cultural, debochou do tweet de Katy Perry, questionando, “trap house? Sei...”, e gente como a gente, que não se segura durante uma discussão e, com o sangue fervendo, saímos soltando uma resposta atrás da outra, prosseguiu com seus tweets, se perguntando porque tinham tantas brancas querendo dar uma de negras ultimamente e, por fim, afirmando que essa história tinha lhe dado sono, então ia dormir.

Acompanhe os tweets:


There’s no going back!

Com a repercussão de sua resposta, entretanto, Azealia Banks tratou de não fazer disso mais uma competição entre mulheres na indústria, afirmando algo tipo, “gente, calma aí, nem tudo é tretinha, nem tudo é shade. Fiquei puta aqui, mas não é bem assim, meçam suas vontades de brigar por divas, pfvr. Vlw, flw”. Olha só o tweet:

Katy Perry, seguindo a proposta do clipe de “Dark Horse”, não se deu ao trabalho de responder qualquer um dos tweets de Azealia e, literalmente, fez a egípcia. 


Vale lembrar que desde a primeira vez que trabalharam juntos, na produção e composição de “Passenger”, da Britney Spears, Katy Perry ficou bem próxima do Diplo, super familiarizado com a trap music em sua carreira solo e projetos paralelos, como Major Lazer e Jack Ü, será que a cantora está planejando, de fato, aproveitar um pouco mais dessas inspirações na vertente do hip-hop em seu novo disco? Nós não sabemos se realmente queremos isso.
Tecnologia do Blogger.