Foi tudo um mal entendido: Marina Abramovic se desculpa com Jay Z ao saber que, sim, ele fez uma doação para seu instituto


Of course sometimes shit go down when it's a billion dollars on an elevator. A artista sérvia Marina Abramovic passou dois anos chateadíssima com o rapper Jay Z porque, desde sua colaboração no clipe de “Picasso Baby”, em que ambos performaram a faixa do disco “Magna Carta... Holy Grail” durante seis horas, ela acreditava que ele não havia cumprido com a segunda parte da parceria, na qual doaria uma determinada quantia para a sua instituição, e eis que ela estava completamente enganada.

Logo que ficou sabendo sobre a declaração de Marina, que afirmou se sentir “usada” por Jay Z, numa ação que, nas palavras da própria, foi “inacreditavelmente cruel”, o rapper e sua assessoria correu atrás de esclarecer os fatos de deixar claro que o cara fez a sua doação sim, foi Abramovic quem não se deu conta. Meça seus extratos bancários, Marina.

Num comunicado oficial, o instituto da artista fez um pedido de desculpas público ao Jay Z e Marina pelo mal entendido, garantindo estar tomando as medidas cabíveis para consertar o erro. Leia abaixo a carta completa:

“Marina Abramovic não estava informada sobre a doação de dois anos atrás de Shawn ‘Jay Z’ Carter quando ela deu uma entrevista ao Spike Magazine, no Brasil. Nós pedimos sinceras desculpas tanto para Marina Abramovic, quanto para Shawn ‘Jay Z’ Carter por isso, uma vez que estamos tomando as medidas apropriadas para esclarecer este assunto.”

Mas que barra, hein? Na mesma entrevista, Abramovic afirmou não se arrepender da parceria com o rapper, mas nunca mais se envolver numa colaboração assim outra vez, porque foi muito ingênua e não esperava que algo assim pudesse acontecer. Agora, enquanto ela faz alguns origamis com seu papel de trouxa, a gente volta às nossas atividades normais. Jay Z continua rico e não está devendo ninguém, gente!

Tecnologia do Blogger.