It Pop Apresenta: Eric Nam está de volta com a maravilhosa 'I'm Ok', mas quem é ele?

Estamos prometendo a nós mesmos um It Pop Apresenta para este cantor há um bom tempo e, com sua participação no disco solo de Amber e seu comeback (!), nos sentimos mais empolgados e resolvemos tirar a ideia da gaveta o quanto antes. Eric Nam, assim como John Park e outros artistas coreanos, não nasceu na Coreia do Sul e é norte-americano. Entretanto, diferente do hitmaker de "U", Eric não participou de algum programa de talentos nos EUA para depois partir para a terra do "Gangnam Style". Nam, antes de descoberto por sua atual gravadora, já tinha um relativo sucesso com seus covers de Taeyang à Adele, divulgados no YouTube.

Antes de assinar contrato com a B2M Entertainment - gravadora responsável pelo SPICA -, o moço tentou ingressar na SM Entertainment e, graças a deus, não conseguiu - lá, ele não teria uma maior liberdade com sua música. Além da empresa que um dia contou com Lee Soo Man, o moço quase foi para a JYP. Um representante da gravadora descobriu o rapaz pelos seus covers, e sugeriu uma audição em Nova Iorque, mas acabou recusando a proposta por estar focado nos estudos. Depois de ser barrado e fazer a egípcia para a JYP, em 2011, Eric Nam foi descoberto pela MBC, uma famosa empresa televisiva sul-coreana, através de um cover de "Lonely", do 2NE1, e pegou logo o primeiro voo para a Coreia. Mudanças estavam por vir!



Tal audição era para garantir a participação do moço no Birth of a Great Star 2, ficando por oito meses lá. Após o programa, Eric voltou aos Estados Unidos para o Kollaboration Boston 2 - concurso de talentos para asiático-americanos -, rolando até cover de Katy Perry. E, em junho de 2012, voltou a Coreia para o Star Audition -- The Great Birth II, lançando, mais tarde (e em grupo), a ótima "The Blue Night of Jeju Island" - música original de Choi Sung-Won. Então, em setembro de 2012, o rapaz assinou contrato com a B2M, e foi em janeiro do próximo ano que seu debut aconteceu.

No dia 17 daquele mesmo mês, um teaser de "Heaven's Door", música que abriu seus trabalhos solo, foi lançado, e, no dia 23, o clipe já estava entre nós. Com o vídeo simples e fofo, Eric convida sua amada a ir ao céu - mostrado no vídeo como sua própria casa rs.



No mesmo dia, "Cloud 9", nome dado ao mini-álbum de estreia, também foi lançado, e, como queremos fazer Eric acontecer, temos o stream do disco logo abaixo. O álbum do cantor é composto por seis faixas, incluindo uma versão em inglês do carro-chefe - olha só a oportunidade para quem não simpatiza com o k-pop! Pedimos para todos darem atenção para "Mirage" e "Love Song". Obrigado, de nada.



Infelizmente, "Cloud 9" não foi um estouro de vendas. Talvez, isso poderia se tornar um grande problema na carreira de Eric, visto que lá na Coreia do Sul o importante é vender e a musicalidade sempre acaba ficando em segundo plano. Entretanto, as baixas vendas não fizeram com que Nam tivesse seu contrato quebrado, e sim que fosse "engavetado". Naquele mesmo ano, o cantor contribuiu para duas trilhas sonoras e foi só em 2014 que o guri retornou com algo para chamar de seu. Eric iria se tornar nosso hitmaker e nem sabia. Hahahaha!

Alguns cantores, e até mesmo grupos, não tornam-se uma sensação logo com seu álbum de estreia e precisam de algo realmente forte para atingir o público - vide Adele com seu "21" e SNSD com "Gee". Eric Nam está longe de ter se tornado uma sensação no k-pop, que dirá no mundo, com seu primeiro single digital, mas se tornou alguém para ficarmos de olho a partir dali - nós mesmos demos uma real atenção ao cantor com tal música. "Ooh Ooh" é divertida e anima qualquer um. Por ser um simples single, e não haver uma preocupação com um álbum, houve um maior cuidado aqui. Hoya (!), do INFINITE, foi chamado para participar da canção e temos até um clipe melhor produzido, com coreografia-quero-aprender e a participação de alguns ídolos sul-coreanos.



Meses e mais meses após a divulgação do ótimo single, Eric Nam anunciou que estaria fazendo um comeback em janeiro de 2015, e faria o pré-lançamento de uma canção em dezembro. No k-pop, vários singles para algum trabalho são nada comuns e tudo indicava o tão aguardado lançamento de seu primeiro álbum. Já estamos em março e nada - nunca fizemos um papel de trouxa tão grande. Entretanto, aqueeeela música que ele prometeu liberar veio até nós. "Melt My Heat" não tem o ~impacto~ de "Ooh Ooh", mas garante a mesma qualidade de "Heaven's Door", além de ter o moço quando era apenas um bebê nos segundos iniciais do vídeo.



Podemos não ter sido agraciados com seu álbum, mas pelo menos fomos presenteados com algo, talvez melhor, dois meses depois. Eric foi chamado para participar de um dueto com Amber, que fez no mês passado sua estreia solo. A maravilhosa "I Just Wanna" é toda em inglês, e é, na verdade, a regravação de "Goodbye Summer" - música de Luna, Krystal e Amber (todas do f(x)) com o D.O do EXO. E, atenção: essa canção foi colocada aqui para quem não respira k-pop.



Como dissemos lá em cima, um dos motivos para o tão prometido It Pop Apresenta de Eric fucking Nam acontecer foi seu retorno ao mundo da música. Na verdade, começamos a escrever esta coluna quando o rapaz anunciou o seu segundo single digital - nada de álbum por enquanto :( -, e o guardamos a sete chaves durante uma semana, apenas aguardando o lançamento de "I'm Ok".


Os dias passaram, e enfim Eric divulgou o clipe, e, consequentemente, a canção. Mesmo sendo simples, o vídeo é extremamente bem executado e montado, além de contar com uma bela fotografia. Seria ignorância nossa dizer que não estávamos esperando algo tão pop chiclete quanto a música com o Hoya, porém acabamos nos entregando logo nos primeiros segundos, e vocês, com toda a certeza se entregarão!

...
  
Eeeee, acabou! Finalizamos aqui maaais uma edição desta coluna maravilhosa chamada It Pop Apresenta, trazendo para vocês nosso segundo artista ~sul-coreano~ e prometemos trazer muito mais, viu? Contamos com a opinião emo e gótica dos leitores mais lindos desta blogosfera nos comentários abaixo. Enfim, tchau!
Tecnologia do Blogger.